Blogs de Viagem: Eu leio!

Blogs de Viagem: Eu leio!

Cena 1

Por telefone, da Índia, conversando com meu avô:

– Então vô, cheguei hoje em Calcutá, aquela cidade da Madre Teresa. Depois vou para Malásia…

– Que bacana, filha! E trabalhar, que é bom, nada?

– Eu trabalho sim vô, tenho o blog.

– O que é o blog?

– O blog é como se fosse uma revista, só que na internet, onde eu escrevo sobre os lugares que eu fui, mais ou menos isso.

– E esse tal de blog dá dinheiro?

– Hum, não exatamente…

Cena 2

Um dia qualquer, chega um Whatsapp de um amigo querido

– Oi Lu, tudo bom? To marcando minhas férias para julho, um mochilão na América do Sul, vamos conversar para você me dar umas dicas?

Cena 3

Eu, Rafa, Naty e nossa amiga húngara num quarto de hotel na beira da praia

– Rafa, gostei muito do texto, só não entendi esse pedaço aqui sobre o Dhalsim. Coloca um link para explicar.

– Mas Luíza, isso é uma piada! Piada não se explica.

– Rafa, isso não é uma piada, é uma conclusão. Você disse “por isso a Índia é a terra do Dhalsim.” Quem diabos é Dhalsim?

– Como assim você não sabe quem é Dhalsim? Você nunca jogou Street Fighter?, diz a Naty, entrando na conversa.

(desenrola-se uma discussão sobre video game, cultura pop e piadas em textos)

– Guys, guys, please stop figthing! – pediu, com olhos arregalados, nossa amiga húngara.

– Mas quem tava brigando, gente? Era só uma conversa sobre o blog.

equipe_360meridianos

Porque eu tenho um blog de viagens?

Meu avô pode até não entender muito, mas blog é trabalho, e trabalho duro. Mas se tem um motivo para fazer isso, é porque – piegas ou não – eu amo fazer isso. Gostamos de viajar, gostamos de escrever e gostamos de compartilhar. Um dos critérios para escolha de restaurantes, entre os autores desse blog é se o lugar tem Wifi. O Rafa diria: qual a graça de ver alguma coisa e não poder compartilhar? Esse é um pouco do espírito que trazemos para o 360meridianos.

E sim, blog nem sempre dá dinheiro, mas dá satisfação de ver que seus amigos te consideram turista profissional. Adoro sentar numa mesa de bar e falar de viagem até esquecer da hora. Por isso, transformei isso no meu trabalho (por enquanto, ainda um dos trabalhos). Com o tempo passamos a responder também pessoas que nunca vimos na vida. Cada pessoa que chega até nós na caixa de comentários ou manda um email com dúvidas é respondida com a mesma atenção que nossos amigos recebem. E cada elogio que recebemos nos faz pensar que estamos no caminho certo.

Por fim, tenho um blog de viagens porque tenho um casal de amigos que topou entrar nessa jornada comigo. Escrevo para vocês numa quarta, na véspera de feriado, depois de trabalhar no escritório o dia todo, não só porque gosto de escrever e porque amo viajar. Mas também porque sei que tem duas outras pessoas que contam comigo. Meus sócios nessa empreitada chamada 360meridianos são um grande apoio na construção dessas histórias. E não, nós não brigamos. Às vezes discutimos acaloradamente.

Esses são os motivos que nos levam a querer escrever todos os dias nesse blog e tentar inspirar as pessoas a viajar. Como nós, outras centenas de blogueiros de viagens tem seus motivos diversos. Mas no fundo, são todos unidos por essa paixão por viajar e compartilhar experiências. Somos todos blogueiros com muito orgulho.

Esse texto é parte da campanha “Blogs de Viagem: Eu Leio”, da Associação Brasileira de Blogs de Viagem (ABBV), que criou esse selo aí em cima para celebrar um ano da associação e, ainda, todos os blogs que se engajam para que seus leitores viajem cada vez mais e melhor.

 

Sou jornalista, tenho 29 anos e moro no Porto, Portugal, quando não estou viajando. Eu já larguei meu emprego três vezes para viajar e finalmente encontrei uma profissão que me permite "morar no aeroporto". Já tive casa em quatro países diferentes, dei a volta ao mundo e cumpri minha meta de visitar 30 países antes dos 30. Mas o mundo é muito maior e, se puder, quero conhecer cada canto dele e inspirar vocês a fazer o mesmo. Siga @afluiza no Instagram

16 comentários em Blogs de Viagem: Eu leio!

  1. Flor, eu vou publicar aqui também, pois se tem uma coisa que sou é persistente (vulgarmente conhecida como insistente e beirando “chata”).

    Eu e o namorado começamos um blog. Tudo era lindo e tranquilo no começo. Um hobby, passa tempo…Mas agora eu estou a mil!! Minha cabeça está cheia de ideias! E de ontem pra hoje eu sonhei com o blog…isso está passando do empolgante ao perturbador!! (Dramática né?!) Mas eu sonhei mesmo e acordei ansiosa!

    Eu preciso saber se o trabalho que estamos fazendo está ficando legal mesmo.
    Quem pode avaliar isso pra mim?! Você faria esse imenso favor?? – olhos do gatinho de shrek…hihihi

    Obrigada!

    Mônica

    ->levesemdestino.com

    • Ah sim, as vezes eu me sinto um pouco “guia de turismo”. As pessoas me perguntam coisas que eu tenho prazer em responder, mas ao mesmo tempo eu percebo que aquelas dúvidas poderiam ter sido sanadas se elas se dessem o trabalho de ler nas postagens do blog. Acho que muitos tem preguiça.

      Em tempo, ainda temos pouco conteúdo, mas vontade de conhecer o resto do mundo e escrever sobre isso segue firme e forte!

  2. Oi Luiza!! adoro o blog de voces, e recentemente me tornei leitora assidua, pois quero mesmo levar a serio a minha vida de blogueira!! tenho um blog ja, mas ainda não publico muito, antes por falta de compromisso e agora porque fiz uma check list das coisas que quero aprender antes de voltar a publicar!! Vejo paixão em coces três e isso não tem preco! Eu tenho 32 anos e completei o meu objetivo de 30 países em 30 anos!!! agora são 40 paises em 35 anos!!! falto 8 países e 3 anos!!! vamos la!! claro que não eh so a quantidade que conta!! ja estive em 10 desses 32 pelo menos 2 vezes, e voltar em um lugar eh muito mais bacana que a primeira vez (gosto da sensação de familiaridade, de ter uma nocao do transporte, dos lugares etc…) desejo muito mais viagens na sua vida!! e que compartilhe tudo com a gente!! so penso em viajar!
    beijo grande

  3. Bom dia Luíza!

    Primeiramente, parabéns pelo seu blog! Já tinha o visto em algumas pesquisas na net, mas só hoje o li com mais calma. Os posts são sensacionais!
    Comecei a viajar mais no ano passado e, desde então, fui para Itália, Espanha, EUA, Chile, Argentina e Uruguai. Todas essas viagens foram “melhoradas” através de dicas de blogs como o seu. Hoje em dia as pessoas possuem uma facilidade absurda de achar informações sobre viagens na Internet. Fico imaginando os viajantes de antigamente, que iam na raça mesmo. Devia ser difícil, mas essa vontade de viajar e explorar o mundo é mais forte. Mas fico feliz por viver nessa realidade de hoje.
    Já pensei em ter um blog, mas imagino o trabalho que deve dar. Hoje em dia costumo transcrever meus roteiros e impressões no Word mesmo e os passo para os amigos quando eles pedem dicas. Se isso já é trabalhoso, imagina “nutrir” um blog com informações frequentemente?!
    Bom, parabéns! Seu blog é excelente! 🙂 Que você tenha sempre ânimo e muitas boas experiências para compartilhar aqui!

    • Oi Priscilla,
      Obrigada por comentar. Desculpe demorar um pouco para responder, as coisas andam meio corridas. Sim, blog dá muito trabalho, mas se você já escreve seus roteiros no wWrd, é um pulo ter um blog. E vc não precisa tratar isso de forma profissional, pode ser um hobbie interessante. =)
      bjs

  4. Demais o blog de vocês, encontrei ontem e já me tirou muitas dúvidas!
    continuem assim que estou ansiosa para a próxima viagem 😉

  5. Espero que vocês continuem com esse projeto por muito e muito tempo, quase diariamente entro no blog procurando um post novo e sei que como eu tem muitos amantes de viagem que adoram ler o 360.
    Desejo muito sucesso e muita sorte pra vocês!!

  6. eu também! 😉 (já tive tanto blog na vida, que decidi que o mariaescreve seria o último. que qualquer assunto que eu quisesse escrever sobre eu colocaria nele. até fiquei tentada a escrever sobre viagens separadamente, mas, se não consigo manter atualização constante em um blog, imagina em vários!)

    • Tete, eu amo o MariaEscreve. Nunca deixe de alimentar ele, com qualquer texto que você quiser =)

      Mas realmente, sem dois outros colegas, eu não daria conta de manter o blog.

      bjs

Deixe um comentário

RBBV - Rede Brasileira de Blogueiros de Viagem
ABBV - Associação Brasileira de Blogs de Viagem

Parceiros: