fbpx
Tags:

10 fotos incríveis de longa exposição

Fotos lindas e nem sempre complicadas de tirar. Podem ser de cachoeiras, fogos de artifício, o rastro das estrelas, relâmpagos ou luzes de carros numa cidade. Se você preferir, pode usar sua veia artística e caprichar nos efeitos, seja para escrever no ar com alguma fonte de luz ou para produzir fotografias fantasmagóricas. O ponto é que as fotos de longa exposição são divertidas – e cabem bem em qualquer viagem. Selecionamos 10 delas, nos mais variados contextos, para te inspirar.

O que é uma longa exposição?

Toda foto só existe por conta da luz. É a luz que entra nas câmeras que produz a imagem que você vê, ao entrar em contato com um material foto sensível, seja o filme das câmeras analógicas ou o sensor das câmeras digitais.

É possível controlar a quantidade de luz que entra na câmera de diversas formas. Para produzir uma longa exposição, você aumenta o tempo que o obturador, o mecanismo acionado na hora que você dá o clique, fica aberto, expondo o sensor à luz que passa pela lente. Como o nome indica, você tem uma longa exposição quando o tempo em que o obturador permanece aberto é longo, normalmente de alguns segundos (e não pequenas frações de segundos).

Câmeras mais avançadas, como as DSLR, permitem que você controle a velocidade do obturador, mas não apenas elas. Algumas câmeras compactas também têm a função, e até em câmeras mais simples costuma ser possível fazer isso, muitas vezes naqueles modos padronizados pelo fabricante. Tem um smartphone? Existem apps que permitem que você tire fotos de longa exposição (ou que simulam resultados parecidos com uma longa exposição).

Em todo caso, para tirar uma longa exposição você precisará de um tripé, caso contrário a foto sairá borrada. Se não tiver um tripé, uma alternativa é apoiar a câmera em algum lugar, como um parapeito.

Selecionei fotos em Creative Commons, ou seja, com licença de uso liberada para terceiros. Você pode achar milhares de fotos no grupo do Flickr sobre longa exposição.

Ideias de fotografia de longa exposição

Longa exposição de estrelas

O Rastro das Estrelas – Foto de  Babak A. Tafreshi deixa evidente o rastro das estrelas (e o movimento da Terra), em foto tirada no Chile.

longa exposição

Longa exposição de rios e córregos

A beleza das águas – Silke Wegner precisou de cinco segundos de exposição parar tirar a foto abaixo.

foto de longa exposição

Longa exposição de carros

As luzes dos carros numa estrada – Uma das fotos mais simples de tirar. A fotógrafa canadense Brigitte Werner deixou o obturador aberto por 30 segundos.

luzes de carros

Fotografia de longa exposição de trens

As luzes do trem – Mesma lógica, resultados também bonitões. Foto de Tom Hall, com o Skyline de Auckland, Nova Zelândia, de fundo.

longa exposição foto

Fotos de longa exposição de raios

Relâmpagos – O fotógrafo Jared Smith tirou esta foto durante uma tempestade no Cache Valley, nos Estados Unidos. Segundo ele, a exposição foi de quase 1 minuto.

relâmpagos longa exposição

Longa exposição: luzes do trânsito

A noite de Londres – Essa longa exposição do fotógrafo David D’Amico mostra a Catedral de St. Paul, em Londres. A foto foi tirada em 10 segundos.

longa exposição

Longa exposição de cachoeira

Cachoeira – O fotógrafo Jérémy Lelièvre mostra que cachoeiras podem sim ficar mais bonitas.

fotos em longa exposição

Longa exposição num parque de diversões

Roda-gigante – Parques de diversões são ótimos terrenos para esse tipo de foto. A exibida abaixo é de Matthew Howarth. Foi tirada no Hyde Park, em Londres, com uma exposição de 10 segundos.

parque de diversões

Foto de longa exposição do nascer do sol

O nascer do sol – Outra foto da Inglaterra, dessa vez mostrando o nascer do sol. Fotografia de Jonathan Combe.

nascer do sol

Parque de diversões 2 – Para terminar, mais uma foto de um parque. Essa foi tirada com uma exposição de quatro segundos, pela Elia Scudiero, num parque dos Estados Unidos.

parque de diversões

Quer aprender a fotografar bem de verdade?

Vou indicar um curso online de fotografia que é muito bom, o Caçadores de Imagens. São 60 aulas – quase 20 horas de conteúdo exclusivo e original.

Os professores, o Charles e a Lígia, são fotógrafos profissionais há mais de uma década e já comandaram uma grande escola de fotografia em Belo Horizonte, que na época era uma das maiores do Brasil. Eu estudei na escola deles, entre 2014 e 2015, e indico de olhos fechados. Aprendi muito.

Há três anos eles se mudaram para o Japão e passaram a dar aulas somente online. Mais de dois mil alunos já fizeram o curso Caçadores de Imagens, que tem sete módulos: introdução, desenvolvimento de olhar fotográfico, formação técnica, cores, composição, iluminação e photoshop para fotógrafos digitais.

O curso Caçadores de Imagens garante certificado e você terá um grupo exclusivo no Facebook para interagir com os professores e com outros alunos. Saiba mais aqui.

Clube Grandes Viajantes

Gostou deste texto? O 360meridianos faz jornalismo de viagem profissional, completo e de qualidade. Com a pandemia, vimos o site entrar em risco. É que produzir conteúdo bem-feito dá trabalho – e custa caro. Infelizmente, não conseguimos escrever reportagens especiais, dicas de viagem completíssimas e histórias cativantes sem dinheiro.

Foi por isso que criamos o Clube de Assinaturas Grandes Viajantes, um espaço para apaixonados pelo 360meridianos, por viagens e por leitura. As contribuições de 9 ou 19 Reais garantem não só que consigamos continuar produzindo textos como este, mas também te prometemos diversas recompensas exclusivas: ebooks, lives, um grupo de discussão, um minicurso de escrita e muito mais! Venha fazer parte do Clube Grandes Viajantes.

recompensas clube recompensas clube


Compartilhe!







KIT DE PLANEJAMENTO DE VIAGENS
Receba nossas novidades por email
e baixe gratuitamente o kit




Rafael

Siga minhas viagens também no perfil @rafael7camara no Instagram - Quando criança, eu queria ser jornalista. Alcancei o objetivo, mas uma viagem de volta ao mundo me transformou em blogueiro. Já morei na Índia, na Argentina e em São Paulo. Em 2014, voltei para Belo Horizonte, onde estou perto da minha família, do meu cachorro e dos jogos do América. E a uma passagem de avião de qualquer aventura.

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

9 comentários sobre o texto “10 fotos incríveis de longa exposição

  1. Olá Rafael, ótimo artigo adorei!!
    Já vi algumas fotos feitas durante o dia onde os carros ou as pessoas ficam borradas, seria longa exposição com filtro de dia?

    Obrigada

  2. Oie Rafael.

    As fotos sao realmente lindas. Consegui fazer a minha primeira de longa exposição há poucas semanas, de cima de um viaduto e fiquei orgulhosa de mim mesma.

    Mas, na foto do parque de diversões em Londres, por ser exposição de 10 segundos, as pessoas estão bem nítidas, você não acha? Principalmente as duas pessoas mais centrais. Teriam que ter ficado mais borradas, não?

    1. Ahhh, que legal, Anna.

      Lembro quando fiz minha primeira, também num viaduto. Fiquei bem feliz. 🙂

      Eu não tinha reparado nisso que você falou. Tem algumas possibilidades: pode ser que a exposição não tenha sido de 10 segundos. Pode ser que as pessoas tenham ficado esse tempo todas mais paradas. Ou pode ser uma dupla exposição: o fotógrafo tirou duas fotos, cada uma com um tempo de exposição, e juntou as duas na edição.

      Abraço.

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.