fbpx

4 motivos para fazer um intercâmbio

Toda viagem é uma oportunidade de aprendizado, mas existe algo de especial em sair da posição de turista e adotar, ainda que por poucas semanas, a posição de local. Quando você vive, trabalha, estuda, lida com os problemas, faz compras no supermercado e assiste ao canal de televisão local, você tem uma experiência muito diferente da que teria se tivesse passado ali apenas para ver os pontos turísticos estrelados no seu guia. Existem várias formas de conseguir esse tipo de imersão cultural, mas a mais comum delas talvez seja por meio de um intercâmbio.

Desde criança eu sonhava com o meu intercâmbio, mas os tempos eram de vacas magras. Eu não pude cursar um ano do ensino médio em outro país e meus planos de estudar um semestre da faculdade também não se concretizaram. No entanto, um dia depois de defender meu projeto experimental, passei um mês fazendo trabalho voluntário na África do Sul e, no ano seguinte, seis meses morando e trabalhando na Índia.

Intercâmbio em Cape Town

E foi aí que eu enxerguei a grande diferença: sempre que alguém vem me perguntar sobre a Índia, eu tento relativizar as informações que eu passo. “Você vai ver uma Índia completamente diferente da minha, porque eu morei lá”. Dificilmente essa pessoa vai, por exemplo, brigar por 10 rúpias. Coisa que eu, como qualquer outro local que tivesse que as pagar as contas com salário indiano, não hesitava em fazer. Obter essa visão do lado de dentro de uma cultura diferente da sua é algo muito especial e uma experiência que eu não trocaria por nada. Ajuda você a questionar verdades absolutas, ter novas ideias sobre a sociedade, política e religião, compreender melhor culturas diferentes e expandir seus horizontes.

Naty na Índia

Se você ainda não está convencido de fazer um intercâmbio vale a pena, seguem mais algumas razões que podem te motivar:

Aprender um novo idioma

Essa é a razão mais comum e o que mais motiva as pessoas a irem morar fora por um tempo. Não é a toa que dezenas de empresas oferecem cursos de inglês, espanhol, italiano ou francês. Aprender um novo idioma é bom para a carreira e para a realização pessoal, e nada melhor do que morar em um lugar onde você vai ter contato com a língua 24 horas por dia para voltar craque.

Conhecer pessoas de todas as partes do mundo

Foto intercâmbio, india

Uma das coisas mais legais da experiência na Índia era o grande número de festas que a gente dava na nossa casa. Tinha gente do Cazaquistão, do Egito, das Ilhas Maurício, do Djibuti, da Hungria, da Polônia… a lista é interminável. Hoje nós temos amigos em cada canto do globo e aprendemos com eles sobre lugares onde (ainda) não pisamos. Como no dia em que compartilhamos as diferentes tradições natalinas em uma ceia multicutural.

Crescer

Se você é novo, vai ter a oportunidade de morar sozinho talvez pela primeira vez. Ter que se virar sem seus pais num lugar pouco familiar pode te ajudar a amadurecer e adquirir muita independência. Se você é mais velho, o crescimento vem também, mas de outra forma: está mais ligado à mudança na sua visão de mundo. Mas seja qual for a sua idade, uma coisa é certa: essa é uma oportunidade incrível para você se afastar um pouco do seu cotidiano e aprender um monte de coisas sobre você mesmo.

Histórias incríveis para o resto da vida 

Holi, Índia

Você já reparou que, quando a gente está imerso em uma rotina que já conhecemos, às vezes olhamos para trás e não conseguimos nos recordar direito do que aconteceu? Parece que todos os dias são iguais e que os meses passam rápido demais, sem você nem se dar conta. No momento em que nos colocamos em uma situações desconhecida para nós – seja um intercâmbio ou uma viagem – algo muda na forma como percebemos o tempo. Os dias vão ser cheios de coisas a descobrir e, por isso, nunca vão ser iguais. Cada descoberta e aprendizado vem acompanhado de uma história engraçada, assustadora ou curiosa que você vai levar com você pra sempre. Muito se fala de como um intercâmbio pode acrescentar na sua carreira e currículo, mas pode ter certeza é o valor das lembranças que você vai trazer que é incalculável.

Work Exchange: experiência de intercâmbio barata e para a vida

Não tem dinheiro para bancar um programa de intercâmbio? Com o Work Exchange você pode transformar qualquer viagem de férias em uma experiência inesquecível. Baratos e flexíveis, eles se tornaram também uma forma de promover a troca cultural, uma oportunidade de aprender habilidades novas – como uma língua – e fazer amigos no mundo inteiro.

A maior parte das pessoas conhecem o Work Exchange como uma forma de trocar algumas horas de trabalho em hostes por hospedagem, mas há inúmeras atividades disponíveis: dá para trabalhar com projetos ecológicos, de impacto social ou educacionais, ensinando idiomas, como criador de conteúdo, social media, fotógrafo ou video maker, além de fazendas orgânicas e até mesmo como instrutor de yoga. As possibilidades são ilimitadas!

Além da hospedagem,  você também pode conseguir algumas das refeições, mas o melhor do Work Exchange é que ele se adapta a viagens de qualquer duração, não tem limite de idade e a diversidade de destinos é muito grande. Há diversos sites que oferecem esse tipo de programa, no Worldpackers a membresia custa U$ 49 por ano ou U$ 59 para um casal ou dupla de amigos, e você pode participar de quantos programas quiser durante o período.

No valor, está incluído um seguro que te ajuda a achar outra atividade caso você encontre condições diferentes da combinada ao chegar. E o site é brasileiro, logo, você tem suporte 24 horas em português.

Leitores do 360meridianos ganham U$ 10 dólares de desconto na membresia, basta utilizar o cupom 360MERIDIANOS na hora da compra. Clique aqui para saber mais sobre o programa.


Compartilhe!







Banner para newsletter gratuita

Receba grátis nosso kit de Planejamento de Viagem

Eu quero!

 

 




Natália Becattini

Jornalista, escritora e mochileira. Viajo o mundo em busca de histórias e de cervejas locais. Já chamei muito lugar de casa, mas é pra BH que eu sempre volto. Além do 360, mantenho uma newsletter inconstante, a Vírgulas Rebeldes, na qual publico crônicas e contos . Siga também no instagram @natybecattini e no twitter.

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

16 comentários sobre o texto “4 motivos para fazer um intercâmbio

  1. Morar fora do país é uma grande oportunidade para aprender um pouco mais outra língua e também aumentar a experiência cultural. Se você tivesse que escolher entre fazer um intercâmbio com estudo e trabalho ao mesmo tempo, você optaria por essa oportunidade?

  2. Oi, achei incrível o seu post, tenho muita vontade de um dia (espero que em breve) fazer algo do tipo. Suas experiências relatadas aqui me encorajaram ainda mais, obrigado, e boa sorte na sua jornada. o/

  3. Adorei e assino em baixo! Fiz um intercambio de um semestre no norte da Argentina e voltei uma pessoa mais responsável, madura, atenta e enxergando as pessoas de outra forma. Cresci tanto que resolvi fazer outro. Vou para o sul da Espanha em Agosto a ficar um ano por lá, tu conheceu o sul da Espanha? tem dicas sobre os mochilões na europa? bjão e sucesso!

    1. Ei Francieli! Infelizmente não conheço o sul da Espanha ainda. Quem sabe em breve? Agora, a Europa é o paraíso dos mochileiros. Você consegue encontrar comida confiável e barata em supermercados e pequenas lanchonetes, os hostels são em geral bons e tem muito viajante por lá. O problema é que, como tudo é em euro, a conta acaba ficando cara, não tem jeito. Boa sorte na sua próxima aventura.

      Abraços!

  4. Natalia, parabéns pelo post, adorei!
    A idéia de fazer um intercâmbio surgiu recentemente, e agora não consigo pensar em outra … Gostaria de manter contato com pessoas que tbm tem pensado em viver essa experiência, pra trocar algums idéias. 🙂

    1. Ei Viviane! Viajar é viciante e você não vai se arrepenser se tiver essa experiência. Espero que você consiga realizar esse sonho e, enquanto isso, passe sempre aqui no blog. Nós damos muitas dicas e tem um monte de gente interessada em intercâmbio aqui nos comentários. Se quiser tbm, pode mandar email para o contato@360meridianos para batermos um papo.

      Abraços!

  5. Olá Natália,

    Gostei muito do seu post, tanto até que estou convencido a fazer intercâmbio de novo!!!! hehehe ….

    Olha uma coisa que você ressaltou e assino em baixo é viver uma rotina totalmente diferente, nunca pensei que conseguiria viver 1 mês sem almoço … conhecer gente do mundo inteiro…. amprender outro e até outros indiomas … pois no meu intercâmbio na Escócia, além de estar estudando inglês aprendi espanhol, japonês, árabe, alemão … pelo menos o basiquim rolou de aprender hehe … enfim trocávamos de aprendizado de indiomas e cultura, além de ter amigos em cada canto do mundo !!!!

    Abraços …

  6. Parabéns pelo artigo! Realmente uma experiência de intercâmbio te acrescenta muito na vida! Muito legal o seu relato… 🙂 Bjao!

    1. Ei Ian, meus dois intercâmbios foram algumas das melhores experiências que eu já tive. Espero ter conseguido incentivar outras pessoas a fazer o mesmo. Obrigada pela visita e abraços.

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.