Tags:

9 formas de passar o tempo em aeroportos

Sabe aquelas continhas que vira e mexe a gente vê por aí, dizendo que uma pessoa passa em média um terço da sua vida dormindo, ou presa no trânsito, ou mexendo no celular? Eu gostaria de saber quantas horas da minha preciosa vivência terrena eu perdi esperando em aeroportos.

E a culpada disso sou eu mesma. Na hora comprar a passagem, vou logo na tarifa mais barata e acabo com intermináveis horas de conexões ou voos que saem antes do sol nascer. Resultado: check in feito, malas despachadas e eu no looby do aeroporto procurando alguma coisa para me distrair pelas próximas longas horas.

Por isso, esses anos todos de experiência em esperar me deram algumas ideias sobre como passar o tempo em aeroportos. Pra começar, você pode sempre ser criativo e fazer como esses caras:

Ou como esse cara, que resolveu que a noite que ia passar no aeroporto de Las Vegas era o momento perfeito para gravar um videoclipe:

Mas se você busca sugestões menos da zuera, aqui vai uma lista do que você pode fazer.

Como passar o tempo em aeroportos

1. Leia um livro 

Essa é a sugestão mais óbvia, mas eu te garanto que você não vai se arrepender de colocar um ou dois livros na bagagem. Para ficar melhor ainda, passe sua lista de leitura para o Kindle e evite que sua mala fique pesada com os calhamaços. Esqueceu o livro? Não tem problema. A maioria dos aeroportos internacionais tem pelo menos uma livraria ou banca de revista onde você pode encontrar algo para ler na hora que bater o desespero.

Passar tempo em aeroportos - Kindle

2. Procure o sinal de Wi-Fi mais próximo

O tempo de espera nos aeroportos é perfeito para colocar os emails em dia ou vaguear pelos confins da internet. Mas a grande tristeza dos viajantes é que nem sempre o sinal é liberado e você não vai querer pagar por wi-fi em aeroportos. Tenho certeza que eles definem o preço baseados na cotação do ouro.

Caso você não encontre um sinal livre, tente ir para a área de embarque ou procure pelo Starbucks ou McDonnalds mais próximos. Esses são os lugares mais prováveis de encontrar uma wi-fi grátis.

computador e iphone

3. Esteja preparado para a vida offline

Às vezes a gente roda o saguão inteiro, troca de terminal, mas não encontra o danado do sinal de free wi-fi. Para essas ocasiões, esteja preparado. Abasteça seu computador com filmes, séries ou jogos e divirta-se. Mas cuidado! Eu quase perdi o embarque uma vez por causa de meia temporada de Gilmore Girls.

4. Tenha um tratamento de gente fina e elegante nos lounges vips

Se você tem acesso a essas salas, então eu nem sei o que você está fazendo neste post. Sua vida em aeroportos deve ser bem mais divertida que a da maioria das pessoas. Mas se você não tem acesso, saiba que muitas vezes você pode desfrutar dos benefícios desses lounges pagando uma taxa. Informe-se no próprio aeroporto ou pela internet.

5. Dê um tapa no visual e no bem estar

Diversos aeroportos possuem spas com massagens, tratamentos estéticos e relaxantes. É mais uma opção se você está disposto a investir grana para tornar sua vida ali melhor.

6. Monte um acampamento

Foto do filme "O Terminal".

Se você vai esperar durante a noite, pode ser interessante encontrar algum lugar para dormir. Nem sempre é fácil. Na maior parte das vezes é infernal, para falar a verdade. Mas como, via de regra, dormir é melhor que ficar acordado, vale a pena tentar. Temos um post inteiro dedicado aos escoteiros do terminal de embarque.

7. Experimente a culinária local

Se você estiver em uma conexão em um país qualquer, situação em que você não vai conseguir ver nada dele além de seu bonito aeroporto, você pode procurar por algum restaurante que sirva comida local e ter pelo menos um gostinho das horas que passou ali.

8. Observe

Observe as pessoas próximas a você e tente adivinhar suas histórias, profissões e motivos da viagem. Ou sente-se próximo às paredes de vidro para observar os aviões que chegam e se vão.

giphy do cara no aeroporto

9. Revise seu planejamento de viagens

Está ansioso demais para pensar em qualquer coisa? Revise seu roteiro, reserva de hotéis, formas de locomoção e qualquer outro ponto crítico da sua viagem. Se estiver voltando para casa, pode aproveitar para organizar suas fotos ou atualizar seu diário de viagens.

Vale a pena sair do aeroporto?

Depende do número de horas da sua espera. Eu não sairia do aeroporto com um tempo de conexão de menos de umas cinco horas. Mas cinco horas mesmo, descontando os atrasos e o tempo que você levaria para conseguir pisar fora do aeroporto.

Antes de se decidir, pesquise o tempo que leva do aeroporto até a cidade. Em Lisboa, por exemplo, com 15 minutos você chega no centro. Já o aeroporto Charles de Gaule, em Paris, fica bem afastado dos pontos de interesse. Isso tudo deve ser considerado.

No trajeto de ida e volta, de preferência use táxis. No máximo, pegue um trem ou metrô. Escolha uma atração simples, que não tenha muitas filas. E programe-se para estar de volta ao aeroporto com cerca de duas horas de antecedência.

Leve pouca bagagem de mão para que ela não se torne um problema na hora de explorar. E se você tiver que fazer outro check in e despachar bagagens nessa conexão, o melhor mesmo é esquecer a ideia.

Quer receber mais dicas de viagem?

Então curta nossa página no Facebook

Siga o @360meridianos no Twitter

Veja nossas fotos no Instagram

Receba novos posts por e-mail


Compartilhe!



Com o 360meridianos, você encontra as melhores opções para planejar a sua viagem. Confie em quem já tem prática no assunto!

 

Reserve seu hotel com o melhor preço e alto conforto

 


Veja as melhores opções para seguros de viagem

 


Transfira dinheiro para o Brasil e exterior com menos taxas

 


Alugue veículos com praticidade e comodidade

 




Quer 70 páginas de dicas (DE GRAÇA!)
para planejar sua primeira viagem?




Natália Becattini

Já chamei muito lugar de casa, mas é pra Belo Horizonte que eu sempre volto. Viajo o mundo em busca de histórias e de cervejas locais. Além do 360, mantenho uma newsletter sobre o a vida, o universo e tudo mais, que eu chamo de Vírgulas Rebeldes. Vira e mexe eu também estou procrastinando lá no instagram @natybecattini e no twitter.

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

26 comentários sobre o texto “9 formas de passar o tempo em aeroportos

  1. Boa noite..queria saber sobre as vacinas . Parece que para entrar na França é necessário a da,febre amarela. Como conseguir a carteira internacional
    de vacinação?
    Ah…e sobre a carta convite. Vou entrar por Paris com conexão p Londres . 9nde f7careu hospedada na casa de meu sobrinho. O que deve constar na carta.
    E quanto levar de dinheiro. Que conta devo fazer. Quanto se gasta para comer? E alguns passeios. Já que hotel não vou ter despesa .
    Grata
    Dilma

    1. Olá Dilma,

      A vacina de febre amarela não é necessária para a União Europeia.

      Já sobre gastos, depende muito do seu nível de viagem, mas para Paris e Londres, que são cidades mais caras, eu diria que em torno de 90 a 120 euros por dia, contando com a hospedagem.

      Abraços!

Carregar mais comentários
2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.