Como viajar de ônibus pela Argentina

Viajar de ônibus pela Argentina pode ser uma ótima opção se você vai sair do bê-a-bá e explorar outros cantos além de Buenos Aires. Com esse meio de transporte é possível chegar aos cantos mais remotos do país. E certamente vai ser mais econômico que alugar um carro. Já os trens costumam ser mais baratos, mas como o transporte ferroviário não é tão desenvolvido na Argentina, as linhas são poucas e os trajetos são mais lentos.

A situação das estradas principais é, em geral, muito boa. Já as secundárias podem ser mais precárias, dependendo da região do país. A estrada mais famosa é a Ruta 40, uma rodovia secundária que corre paralela aos Andes, de norte a sul da Argentina. Desfrutar dessa vista da janelinha é um privilégio.

Estrada Argentina - Viajar de ônibus

Segurança

Assim como no Brasil, a bagagem maior deve ser colocada no bagageiro dos ônibus. Quem faz isso é um funcionário da empresa, que espera receber uma gorjeta pelo serviço, tanto na saída quando na chegada. Sua mala é etiquetada com um número e você deve guardar o canhoto da etiqueta pois eles não vão querer te entregar a bagagem no final sem conferir se você é realmente o dono da mala.

Uma vez a gente perdeu o canhoto. Tivemos que esperar todos os passageiros do nosso ônibus irem embora para que os funcionários tivessem certeza que não ia aparecer nenhum outro dono para a mochila. Apesar da inconveniência, achei isso muito bom pois podemos viajar tranquilos sabendo que ninguém vai pegar nossa mala em uma parada qualquer.

ônibus Tilcara - Humahuaca

Comprando as passagens

Basta você se dirigir ao terminal rodoviário, presente na maior parte das cidades, e encontrar o galpão das companhias. Cada empresa tem sua própria lojinha e mais de uma delas pode fazer o trajeto que você quer. Para encontrar as melhores barganhas, o jeito é perguntar em cada uma.

Promoções são comuns e, às vezes, você consegue comprar uma passagem de categoria superior pelo preço que você pagaria em um lugar mais desconfortável em outra companhia. Além disso, vale a pena perguntar se eles oferecem desconto para pagamento em dinheiro (efectivo).

viajar de ônibus na Argentina

As principais empresas de ônibus da Argentina são a Andesmar, ChevallierEl Rápido InternationalVia Bariloche e a Crucero Del Norte, embora muitas outras menores também estejam disponíveis. Em geral, os veículos são bastante confortáveis. Você pode escolher entre as modalidades de assento Suíte, Coche Cama (seria o nosso leito), Semicama e Comum.

A mais barata é a comum, as mais confortáveis são a Suíte e Coche Cama. A Semicama é um meio-termo confortável se você não deseja gastar muito dinheiro, mas pretende ter uma boa noite de sono em viagens noturnas. Algumas empresas podem ter classes alternativas, como a Super Coche Cama e a Ejecutive. Consulte o vendedor para descobrir qual a melhor para você.

Nas passagens mais caras o serviço de bordo está incluído, mas eu sugiro que você leve também um lanchinho pro caso da fome apertar, pois nesses casos é comum que o ônibus não pare por tempo suficiente para que você coma alguma coisa. Algumas empresas serviram apenas um sanduíche de presunto e um alfajor vagabundo, em outras  tivemos direito a refeição quente e vinho tinto. É meio que uma loteria.

Algumas delas fazem até mesmo um bingo durante a viagem, valendo uma garrafa de vinho. Todos os ônibus de categoria Semicama ou superior que pegamos tinham banheiro, já os comuns não tinham.

Refeição nos ônibus argentinos

Se preferir, você pode comprar as passagens pela internet, em sites como o Plataforma 10 e o X Colectivo. Basta imprimir a confirmação da compra e apresentar no guichê da empresa no dia da sua viagem. Vale dizer que dessa forma fica um pouco mais caro, afinal você não usa o câmbio paralelo.

Chegando e partindo de Buenos Aires

A principal rodoviária de Buenos Aires é o Terminal do Retiro, localizada na Av. Ramos Mejía com Calle 10. O lugar é imenso, com 75 plataformas e mais 2000 ônibus que chegam e saem para todas as partes do país. Os guichês das companhias ficam no segundo piso.

As linhas de ônibus que passam por lá são  05, 23,  28, 56, 75, 101, 106 e 132. Já se você for de metrô, deve descer na estação Retiro. Como andar de táxi em Buenos Aires é relativamente barato, considero essa a melhor opção para fazer o trajeto até a rodoviária, ainda mais se você estiver com malas. Para mais informações consulte o site oficial.

De ônibus do Brasil até a Argentina (e vice-versa)

Terminal de ônibus de Córdoba

Sim, é possível fazer o trajeto entre Brasil e Argentina de ônibus. Quando a gente estava em Buenos Aires, por exemplo, conhecemos um casal de Goiânia que fez essa loucura. Eles primeiro pegaram um ônibus para Foz do Iguaçu e, de lá, foram para a capital portenha.

No entanto, se você não tem interesse em uma parada estratégica para ver as cataratas, existem outras rotas possíveis, saindo de diversas cidades brasileiras. Só para ter uma ideia, a viagem de São Paulo a Buenos Aires demora em média 37 horas.

São três empresas de ônibus que fazem o trajeto entre os dois países. Para saber mais sobre horários e trajetos basta consultar os sites de cada uma delas.

Crucero del Norte – Sai de São Paulo, Curitiba e Florianópolis.

Flecha Bus – Sai de Balneário Camboriú, Florianópolis e Porto Alegre.

Pluma – Sai do Rio de Janeiro, São Paulo e outras cidades.

Não é por ser perto de casa que dá para viajar sem seguro: saiba por que contratar um seguro de viagem para conhecer a Argentina e como garantir um com boa cobertura (e com desconto).


Compartilhe!



Com o 360meridianos, você encontra as melhores opções para planejar a sua viagem. Confie em quem já tem prática no assunto!

 

Reserve seu hotel com o melhor preço e alto conforto

 


Veja as melhores opções para seguros de viagem

 


Transfira dinheiro para o Brasil e exterior com menos taxas

 


Alugue veículos com praticidade e comodidade

 




Quer 70 páginas de dicas (DE GRAÇA!)
para planejar sua primeira viagem?




Natália Becattini

Já chamei de casa a Cidade do Cabo, Chandigarh, Buenos Aires e Barcelona, mas acabo sempre voltando pra minha querida BH. Gosto de literatura, cervejas, música e artigos de papelaria, mas minha grande paixão é contar histórias. Por isso, desde 2011 viajo o mundo e escrevo sobre o que vi. Também estou no blog sobre escrita criativa Oxford Comma e compartilho minhas impressões de mundo também no instagram @natybecattini e no twitter.

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

51 comentários sobre o texto “Como viajar de ônibus pela Argentina

    1. Olá, as linhas continuam funcionando sim, o que pode acontecer é da estrada fechar por causa da neve. Isso aconteceu comigo em Mendoza, quando queria ver o mirante do Aconcágua, e muita gente que tenta cruzar pro Chile nessa época tem que às vezes esperar por dias até a estrada reabrir. É claro que isso depende muito de onde você está na Argentina, não são todos os lugares que sofrem com a neve…

      Abraços!

    1. Ei Wallyson, você pode ir com qualquer dos dois transportes. Depende do seu orçamento e disponibilidade para aguentar horas na estrada, por exemplo. 🙂

  1. Em um trecho da matéria, falam de um casal que foi até Foz e de lá partiram para a Argentina:

    “Conhecemos um casal de Goiânia que fez essa loucura. Eles primeiro pegaram um ônibus para Foz do Iguaçu e, de lá, foram para a capital portenha.”

    É exatamente esse trajeto que quero mais informações, existe alguma matéria sobre trecho?

    1. Suellen, infelizmente não escrevemos sobre isso porque só falamos com esse casal rapidinho. Não é uma coisa que alguém do blog tenha feito ainda…

      Abraços!

    1. Ola Natália, tudo bem? Estou absolutamente encantada com o blog e com os relatos e dicas. Primeira vez que vou viajar para fora do Brasil e sozinha, estou tentando montar um roteiro em que eu pudesse conhecer Mendonza, salta e Buenos Aires. Estou pesquisando hospedagem no counting surf (não sei se em Mendonza tem) e preciso montar um roteiro para as passagens. O melhor é comprar uma passagem de avião para Buenos Aires e ir subindo? Ou chegar por Mendonza e terminar em Buenos Aires? O ideal seria comprar uma passagem só de avião e viajar pela argentina de ônibus?
      Desde já agradeço muito.

      1. Ei Florence, já te respondi em outro post, mas não existe uma melhor forma ou uma forma correta de montar um roteiro. Normalmente eu vou pesquisando preços e possibilidades de trajeto e vou montado como um quebra-cabeças. Não há ideal, depende do seu tempo, disposição e orçamento… As duas formas que você descreveu funcionam, ainda que o mais comum seja voar para Buenos Aires e a partir dai ir para os outros lugares…

        Abraços

    1. Marcos, existe sim, mas você teria que fazer paradas e pegar outros ônibus! É uma viagem bem longa… Como eu disse ônibus na Argentina costuma ser caro por isso eu compararia com as passagens de avião na época que você que ir…

      Abraços

  2. boa noite Natalia, vou para foz do iguaçu em abril e de la quero ir de onibus para bueno aires mas não estou encontrando onibus que faz este trajeto, vc pode me indincar algum?

  3. Boa tarde Natalia,
    partiremos agora em maio para Foz e la atravessar pro lado argentino e ir…modo econômico mesmo …Por isso estou procurando ônibus mais barato…
    O Foco é ir pra bolivia…Entao qualquer onibus que va da fronteira ou podemos ir ate puerto iguazu que foi o que achei que nos leve mais proximo a bolivia vai nos ajudar…Vamos pra potosi entao temos que chegar a la paz..
    Pode me ajudar com nome e locais pfv

    1. Fabiana, você tem que passar pela Argentina? Tem um ônibus que sai de São Paulo e deixa em Santa Cruz de La Sierra, me parece mais lógico para o plano de vocês…

      Abraços

  4. Natália vou para a Argentina no próximo mês e estou buscando um site que me passe a informação de valor de passagem de onibus de Bernardo de Irigoyen Missiones até Aristobulo dell Valle Missiones

  5. Olá,Náátália! Saindo do Brasil e partindo para Rosario de ônibus, qual a cidade mais próxima e qual trajeto de maior credibilidade e confiança. Pretendo fazer essa viagem em Janeiro de 2017.

    sds.

  6. Natália, eu tenho vontade de conhecer algumas cidades da Argentina de ônibus e queria saber se quisesse viajar para o extremo sul da Argentina qual seria a última cidade servida por ônibus?

  7. Natália,
    Boa tarde!
    Obrigada pela postagem. Estou indo para Argentina agora em fevereiro e estou me supreendendo com os valores das passagens Buenos Aires – Mendoza, acredito que negociar no momento pode ser uma boa, mas fico com receio de que possa não haver mais vagas, e enfim, sou uma planejadora! rs o que você recomenda?

    1. Débora, se você se sente mais segura comprando antecipado, então melhor comprar! Tem gente que prefere deixar as coisas mais livres, tem gente que prefere ter tudo organizado. Faça como você se sente mais confortável. É um risco, você pode chegar lá na hora e conseguir mais barato que comprando online ou mais caro. Ficar sem vagas acho um pouco difícil pois são muitas empresas e nem é alta temporada, mas existe a chance, claro!

      Abraços!

  8. Boa tarde Natalia, tudo bom? Natalia, trabalho em uma agência de viagens no interior de São Paulo, e estamos pretendendo montar um grupo rodoviário com saída daqui até o Chile, Bariloche, porém não sei qual a melhor estrada para ir com o grupo e o onibus passe, hospedagens, alimentação….Gostaria de saber se pode me ajudar a montar um roteiro, pontos turisticos, dicas…
    Obrigada, aguardo contato.
    Leticia

    1. Leandro, você precisa pesquisar se tem uma rota direto, porque é me longe, mas a maior parte das pessoas vai até Mendonza e atravessa pro Chile a partir dali.

  9. Oi, Natália,

    Vou viajar para a Argentina em breve e vou fazer alguns trechos internos de ônibus. O problema é que alguns sites de companhias argentinas não facilitam a compra de passagens online para estrangeiros ou não disponibilizam passagens para além de algumas poucas semanas (o site da FlechaBus só deixa comprar passagens para janeiro, por exemplo).

    Você recomenda usar sites como o Central de Pasajes ou Plataforma10 para comprar passagens?

    Obrigado!

    1. André, sim, não vejo problema em comprar por esses sites. Mas te conto que quando eu viajei, comprava as passagens poucos dias antes, direto na rodoviária, e sempre era muito tranquilo, dava até para conseguir uns descontos.

  10. Oie Natália mineirinha de bê-a-gá … tamb´me sou daqui !
    Eu vou encarar a aventura de ir de ônibus para Argentina não sou dessas de ter muito medo, más você poderia me dar uma dica se levo peso para comer no caminho…

    Só tenho medo de assaltos….

    Obrigada !!! Amei o blog

    1. Acho bom levar uns lanchinhos pq já passei fome num onibus dessas. Mas com relação à segurança nas estradas, creio que aqui é melhor que no Brasil.

  11. oi! eu e meu namorado pretendemos passar 10 dias na Argentina. Dá para fazer Buenos Aires + Córdoba + Mendonza. Somos do RJ mas li aqui que as passagens saindo de Sampa são mais baratas.
    Qual roteiro ideal? primeiro Córdoba depois Mendonza ou vice-versa?
    outra coisa. pretendemos ir dia 20 de dezembro. É loucura?

    1. Daniely, acho 10 dias pouco para as três cidades, eu faria só Buenos Aires e Mendoza. Se quiser fazer os três mesmo, pode ir de Buenos Aires para Mendoza, depois Córdoba ou o inverso, não faz tanta diferença.

      Abraços

  12. Pessoal: Moro em Brasília DF. Gostaria de ir a Salta – Argentina, com minha filha de maior. De avião, todos os voos vão para Buenos Aires e de ai Córdoba e Salta.Encontrei de Assunção direto a Salta, mas achei muito caro. Já fiz o percurso de ônibus, de Foz de Iguaçu – Salta, trocando de ônibus em Resistência, e nessa cidade fui roubado,na volta, foi um drama, eu e meu filho, então com sete anos. Muito cansativa a viagem. Nem sei se foi vantajoso financeiramente. Qual seria a rota mais viável que vocês poderiam me sugerir? Talvez levemos uma criança de 7 anos. Penso, de Brasília a Assunção e de lá a Salta. Agradeço e parabéns pelo site. Depois vou adquirir o roteiro de viagem à Ìndia. ano passado fiz viagens boas, de aqui a Bs As., Santiago do Chile; Valparaízo, Viña del Mar, depois fui a Lima, Cusco, Machu Pichu, Puno, Lago Titicaca e Lima de novo, de ai Santiago de Chile, São Paulo e Brasília. Quando fui a Lima,Perú, fiz espera em Foz de Iguaçú e fui visitar mais uma vez as Cataratas, sobrando tempo. Um abraço. Obrigado.

    1. Olá Hernan, não sei te dizer qual a melhor rota para você, pois nunca fizemos esse trajeto todo de ônibus. Os voos pra Salta devem ser caros mesmo, mas e para Córdoba? Se você chegasse até lá de avião poderia terminar o trajeto de ônibus. Ou talvez ir para Buenos Aires de avião, de lá ir para Córdoba, ficar uns dias, e depois ir para Salta. Isso é o que eu faria, ainda mais com uma criança. Lembrando que as passagens de ônibus na Argentina também andam bem caras.

      Abraços

  13. Olá, Natália!!

    O blog está incrível! Uma dica para quem vai viajar de ônibus pela Argentina e quer economizar é , em caso de longos trechos, dividir a viagem. Por exemplo, cheguei em La Quiaca (fronteira com a Bolívia) e queria ir para Salta, a passagem sairia 240 pesos direto, mas comprei pra Jujuy por 100, e de Jujuy pra salta por 75!! E isso no MESMO ônibus, só desci e comprei outra passagem para seguir a viagem!!! Vale a pena dar uma pesquisada!

    Uma outra dica, a cidade de Cafayate é INCRÍVEL, é a segunda maior produtora de vinho, tem a casa das empanadas que é perfeita, tem sorvete de vinho, a quebrada das conchas…Vale muito a visita! Está no ”meio”do caminho entre Salta e Mendoza 🙂

  14. Opa Natália, tudo bem?

    Estou montando um roteiro de viagem partindo de Buenos Aires até Ushuaia, fazendo todo o trajeto de ônibus, pra pegar uma boa parte da Patagônia Andina (sim, não bato tão bem da cabeça).

    Mas está impossível achar preços de ônibus. Eu nem queria reservar, só queria conseguir ter uma noção. Procurando muito achei uma passagem de Buenos Aires para San Martin de los Andes por 1500 Pesos Argentinos (R$530).

    Sabe me dizer se a média de preços é essa mesmo? Por que se for, vou acabar optando pelo meu roteiro boliviano/peruano mesmo. 😛

    Agradeço desde já!

    1. Ei Nicholas! Olha, passagem de ônibus na Argentina é uma facadinha mesmo (ainda mais agora que a diferença entre peso e real caiu). Cotei para Bariloche e era esse preço ai também. Indo na rodoviária, às vezes você consegue umas promoções, uns preços melhores, mas não chega a ser barato.

      Abraços

  15. OI IREI VIAJAR EM AGOSTO PARA ARGENTINA DE ONIBUS QUAIS AS BUROCACIAS PARA PASSAR NA ALFANDEGA,VOU LEVAR MATERIAIS ESCOLARES PARA AS CRINÇAS DE RUA DE LA.

    1. Olá Adriana, para saber isso, é melhor você pesquisar as leis Argentinas, porque nesse caso você estaria sujeita às regras deles e não às brasileiras. Acho que o mais difícil vai ser você provar que não é para revenda.

      Abraços

  16. “Viajar de ônibus pela Argentina pode ser uma ótima opção se você vai sair do bê-a-bá e explorar outros cantos além de Buenos Aires.”

    Oi Natalia,
    que lugares ‘inusitados’ voces foram de onibus e que poderia me recomendar?

    Eu montei um protótipo de roteiro (te enviei por email) e agora estou tentando achar e melhor forma de locomação entre os pontos. Não tá fácil. =/

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.