Tags:
Atlas: Buenos Aires, Argentina

Onde comer bem e barato em Buenos Aires

Está programando uma viagem a Buenos Aires? Então, além de colocar a Casa Rosada, o la Bombonera, o Café Tortoni e os bares do Palermo no roteiro, que tal deixar espaço para comer em alguns dos ótimos restaurantes da cidade? Depois de seis semanas em Buenos Aires, colecionamos alguns lugares favoritos para encher a pança. E o melhor: os preços de refeições caprichadas não chegam nem perto dos cobrados nas capitais brasileiras.

Sarkis

Esse restaurante parece uma unanimidade. Absolutamente todas as pessoas que nos deram dicas de onde comer em Buenos Aires citaram o Sarkis.  E se você está pensando que vai encontrar churrasco e bife de chorizo por lá, pode ir tirando a vaquinha da chuva. O Sarkis é um restaurante de comida armênia. Isso mesmo!

Acontece que, no início do século 20, a cidade recebeu uma leva de imigrantes da Armênia que fugiam do genocídio provocado pelos turcos. Esse pessoal acabou se tornando parte da vida portenha, influenciando a cultura e, por que não, a gastronomia.

Leia também: Por que contratar um seguro de viagem para a Argentina e como garantir um com boa cobertura (e com desconto).

Saiba onde ficar em Buenos Aires

Kafta de Cordeiro com Iogurte - Sarkis Buenos Aires

Quase cem anos depois desse triste episódio, o Sarkis é não apenas o restaurante armênio mais famoso da região, como um dos mais badalados. E a gente do 360meridianos se junta ao coro para dizer que você precisa jantar lá na sua ida a Buenos Aires. O problema é só mesmo conseguir entrar no lugar. Todos os dias tem uma fila de espera enorme. A jeito é chegar cedo, às 8h, para tentar garantir uma mesa. Com a gente deu certo.

sarkis - comida armenia na argentina

Antes de sair de casa, entrei tanto no Buenos Aires para Chicas quanto no Aires Buenos para saber qual era a boa do restaurante. Para nossa surpresa, os dois recomendavam o mesmo prato, a kafta de cordeiro com iogurte acompanhado de arroz piaf. E quem somos nós para ignorar uma dupla recomendação dessas, né?

De entrada, pedimos o nosso velho conhecido kibe cru. Já a sobremesa foi uma taça de soverte com whisky e nozes. Olha, o garçom até riu da minha cara de espanto por causa do tamanho da sobremesa. Aliás, todos os pratos do restaurante são mais que bem servidos e por um preço bem camarada.

No total, pagamos 300 pesos na refeição para dois com gorjeta.

Endereço: Calle Thames, 1101

Burguer Joint

Burguer Joint - o melhor hamburguer de Buenos Aires

Mais conhecido como “o melhor hamburguer de Buenos Aires”, o Burguer Joint é uma portinha perto da Plaza Serrano, em Palermo. Se a gente não prestar atenção, nem ia perceber que o lugar é famosos, mas o restaurante é reverenciado pelos amantes das hamburguesas em toda a cidade. E, olha, se é o melhor mesmo eu não sei dizer, mas é muito bom. O menu é inspirado nos sabores típicos de diversos países, como Jamaica, Estados Unidos e México.

As coisas lá funcionam de forma bem despretenciosa. Você chega, vai ao caixa, paga seu pedido e espera. Na hora que esta pronto, você mesmo busca o hamburguer, que é servido em uma marmitinha. O combo com fritas e refrigerante sai a 100 pesos, mas por 10 pesos a mais você pode trocar o refri por um copo de cerveja artesanal, também deliciosa.

Endereço: Jorge Luis Borges, 1776

Naturalmente Granix

A gastronomia argentina é ainda mais voltada para o consumo de carne que a brasileira. Pelo menos essa foi a minha impressão durante o tempo que passamos em Buenos Aires. Eu e a minha balança já estávamos cansadas de ter que recorrer às pizzas, empanadas e massas toda vez que queríamos um prato sem a presença de bichos. Por isso, foi ótimo descobrir um restaurante 100% vegetariano bem no centro da cidade.

Restaurante vegetariano em Buenos Aires

O Naturalmente Granix é um restaurante estilo buffet que serve diversos pratos veganos e vegetarianos. Tem bastante opção e pode ser uma mão na roda para quem adota alguma dessas dietas e está perdido em uma cidade carnívora. O único inconveniente é o preço: eles trabalham com um esquema all inclusive e você paga 128 pesos para comer o que quiser, incluindo sobremesa e um refresco. Isso não é lá muito barato para os padrões de Buenos Aires, até porque a variedade de pratos disponível é boa, mas não é tão gigante assim. Mas  se a gente converte, continua compensando.

Endereço: Galeria Guilmes – Calle Florida, 165

Aquí me Quedo

Comida Mexicana em Buenos Aires

Fica em um movimentado quarteirão em San Telmo, bem ao lado da feira e pertinho da Mafalda. Por ali sobram bares e restaurantes e o que nós escolhemos para uma agradável tarde de domingo foi o Aquí me Quedo, um restaurante mexicano bem descoladinho. É um bom lugar para pedir uma cerveja e conversar um pouco. No cardápio, nachos, tacos, sanduíches e picadas. 

Endereço: Esquina da Calle Chile e Defensa

Don Julio

Você já deve estar se perguntando: “Mas como uma lista de restaurantes em Buenos Aires não tem nenhum que serve parrilla?” Bom, a verdade é que eu quase não fui em restaurantes desse tipo. O único que eu visitei foi o Don Julio, em um mini encontro de blogueiros brasileiros que fizemos por lá. Mesmo sem tanto conhecimento de causa, acho que o Don Julio é uma boa pedida para quem quer provar as carnes argentinas.

Carnes Argentinas em Buenos Aires

Casa tradicionalíssima na cidade, o restaurante é um queridinho entre os locais e não tão conhecido das multidões de turistas. As carnes são macias e saborosas, o ambiente é gostoso e tranquilo, decorado com garrafas de vinhos autografadas pelos clientes. A conta ficou em cerca de 200 pesos por pessoa.

Endereço: Calle Guatemala, 4691

El Sanjuanino

San Juanino - Empanadas em Buenos Aires

Há quem diga que esse pequeno restaurante serve as melhores empanadas de Buenos Aires. Não sei se chega a tanto, mas que são realmente muito boas, isso são. O lugar é discreto e bem simples, com cara de restaurante de bairro, mas é bastante tradicional e tem garçons simpáticos. Boa parada para quem vai explorar a Recoleta ou os parques do Palermo.

Endereço: Calle Posadas, 1515 (Recoleta)

Calle Sánchez de Bustamante 1788 (Palermo)

El Club de la Milanesa

Eu não sabia que bife à milanesa era uma comida típica da Argentina até chegar aqui e me deparar com elas em todos os lugares. Elas estão nos menus executivos, nas barraquinhas de comida de rua, restaurantes a quilo e até nos sanduíches. E um dos melhores lugares para apreciar essa comida tão popular no país é no Club de la Milanesa.

El Club de La Milanesa

Foi uma leitora do blog, a Renata Nobre, que falou desse lugar pra gente pela primeira vez. Mas pra falar a verdade, a gente só provou as milanesas do Club em Córdoba, mas ele faz parte de uma rede de restaurantes presente nas maiores cidades da Argentina. Só em Buenos Aires são onze filiais!

O lugar tem um ambiente agradável e bonito, legal de sentar e apreciar um almoço com calma. No cardápio, você pode escolher milanesas com diversos molhos e coberturas. As porções são enormes, ocupam um prato inteiro e ainda vêm com uma guarnição a sua escolha. Também é possível pedir pratos para duas ou três pessoas.

Milanesa - Comida típica argentina

Eu pedi uma milanesa patagônica, que vem com muçarela, tomate cereja, rúcula e ervas. Já o Rafa pediu uma com molho quatro queijos. Espere gastar cerca de 110 pesos por pessoa.

Além do prato chef, o restaurante também serve massas, saladas, picadas e porções.

Clique aqui para conferir os diversos endereços.

Casa de la Nona

Outro lugar bem legal pra quem quer provar empanadas quentinhas e tipicamente portenhas. A Casa de la Nona tem duas unidades em Belgrano e serve diversos sabores de empanadas e pizzas. Dá para comer no local, pedir para levar ou ainda pedir por delivery. As empanadas são deliciosas e perfeitas para matar a fome no meio do dia. Eu morava pertinho de uma das unidades e me esbanjava pelo menos uma vez por semana.

Endereços: Cabildo 222 / Moroe 2886

Site oficial


Compartilhe!



Com o 360meridianos, você encontra as melhores opções para planejar a sua viagem. Confie em quem já tem prática no assunto!

 

Reserve seu hotel com o melhor preço e alto conforto

 


Veja as melhores opções para seguros de viagem

 


Transfira dinheiro para o Brasil e exterior com menos taxas

 


Alugue veículos com praticidade e comodidade

 




Quer 70 páginas de dicas (DE GRAÇA!)
para planejar sua primeira viagem?




Natália Becattini

Já chamei de casa a Cidade do Cabo, Chandigarh, Buenos Aires e Barcelona, mas acabo sempre voltando pra minha querida BH. Gosto de literatura, cervejas, música e artigos de papelaria, mas minha grande paixão é contar histórias. Por isso, desde 2011 viajo o mundo e escrevo sobre o que vi. Também estou no blog sobre escrita criativa Oxford Comma e compartilho minhas impressões de mundo também no instagram @natybecattini e no twitter.

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

15 comentários sobre o texto “Onde comer bem e barato em Buenos Aires

  1. Adorei as dicas e os comentários!! Estou indo essa semana pra buenos e fui olhar os preços de alimentação, fiquei chocada com os preços. Achei caro comer bem mesmo. Vou tirar um dia pra me acabar e outros pra economizar. Só assim. Vou ficar na Recoleta, se tiverem dicas de restaurantes baratos por lá, avisem…aahahahha

    1. hahaha realmente, Brenda, barato é bem subjetivo! Mas, comparando com outros restaurantes lá, esses até que tem um preço bom sim.

      Abraços

  2. Mutíssimo obrigado pela dica do Sarkis!!! Ssinolesmenhe
    Sensacional e maravilhosamente delicioso!!! Acabamos de votar , eu e minha namorada e adoramos o lugar, atendimento , é claro !!!! A comida!!! Seguimimos as dicas acima e não erramos!!! Vlw pela dica… Quem não foi e puder ir, vale a pena!! Antes de ir embora voltaremos lá!!! 🙂

  3. Uma outra opção eh comprar uma porção q aqui são pra 4, mas na verdade da ate pra umas 7 pessoas, eh mta carne, batata, salada.
    Aqui esta saindo 599 pesos.

  4. Ola pessoal. Estou aqui na Argentina a passeio. E esta tudo,muito caro, inclusive comer.
    Fui em vários restaurantes, e sempre porção individual e esta saindo mais ou menos 150 pesos por pessoa. Porem o dia q fui no Recoleta, encontrei um restaurante muito barato. E o melhor é self service , o que vc não vê isso por aqui. São varias opções de carne, salada, macarrão legumes. E pelo menos 3 opções de arroz. Este restaurante se chama Restaurant Beying, ele eh japones, mas nao tem so comida japonesa, ele fica na rua Guido, pertinho do Cemitério da Recoleta, e custa 79 pesos o quilo da comida. Comida mto boa. Vale a pena conferir. Comemos 5 pessoas +cerveja e refri : Tudo deu menos de 300 pesos.

    1. Ei Elaine,

      Parece que o câmbio deixou BAires mais cara nos últimos dias. Mas olha: Não sei na Recoleta, mas o centro cheio de Self Service sim. Eles são bem baratinhos e são sempre de orientais.

      Abraços

      1. Eh verdade Nathalia, como eu não conhecia Buenos Aires, e aqui era feriado, o comercio nao estava todo aberto, após i feriado descobri mtos self services pelo centro. E o bom q nos restaurantes R$1,00 esta valendo Ar$4.

      1. Ramon, já não tenho o nome e o endereço pq como são restaurantes bem simples, eu entrava em qualquer um que tivesse na minha frente na hora da fome… No centro de Buenos Aires é lotado, impossível andar por lá e não encontrar um… São os que tem escrito “Tenedor Libre” na entrada e normalmente os donos são chineses.

  5. Olá galera, gostaria de tirar uma duvida relacionado a gastronomia local, se lá na Argentina existem pastelaria ou lanches como coxinhas, x-saladas e etc. como estamos acostumados aqui no Brasil?
    Abraços!

    1. Tem sim Jonathan, tavez não os mesmo lanches (coxinha acho bem difícil), mas tem muitas empanadas e coisas rápidas, como choripan (pão com linguiça). Até pão de queijo eu comi lá.

      Abraços!

  6. Que legal! Tô no blog! 🙂

    Fico feliz em ter colaborado um pouquinho com vocês que colaboram tanto com a gente!

    No Club de La Milanesa, a gente dividia a porção única por ela já ser enorme, e ai saía baratíssimo! rs

    Um outro vegetariano legal no centro da cidade é o PicNic. Este eu esqueci de comentar no outro post.

    Agora já adicionei novos lugares para ir quando voltar a BsAs! Obrigada pessoal!

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.