Tags:
Atlas: Istambul, Turquia

O Grande Bazar de Istambul: um dos maiores mercados do mundo

Lâmpadas de mosaicos coloridos chamaram minha atenção em um corredor cheio. Ao lado, porta-joias ricamente decorados com pedras e jogos e chá estavam expostos do lado de fora de uma pequena tenda, junto com miniaturas de sapato estilo Aladdin. Lenços de todas as cores e tecidos pendiam do teto de diversas lojas. O cheiro que chegava da barraca de temperos e chás tinha um pouco de pimenta, páprica e açafrão. Eu caminhava entre as vielas do Grand Bazar de Istambul.

Com 21 portões de entrada, 61 corredores e cerca de 4 mil lojas, o Grande Bazar é um dos maiores e mais antigos mercados cobertos no mundo. Além das lojas de artesanato e especiarias, lá dentro é possível encontrar cafés, restaurantes, casas de câmbio, joalherias, mesquitas e até uma delegacia da polícia. Dá até mesmo para encontrar produtos mais industrializados, como roupas de marca e falsificações.

Foi construído em 1453, pelo sultão Mehmet II, com o objetivo de gerar recursos financeiros para a Hagia Sofia. Por muitos séculos, foi o mais importante centro comercial do Mediterrâneo. Hoje, seu valor histórico e sua grandiosidade o transformaram em uma das principais atrações turísticas de Istambul. Estima-se que até 400.000 pessoas passem por ali diariamente.

Grand Bazar de Istambul - Turquia

Grand Bazar de Istambul - Turquia

Como onde tem turista tem grana, os corredores foram aos poucos se adaptando ao gosto dos fregueses. As lojas que estão aí hoje atendem principalmente ao público estrangeiro e, por isso, costumam cobrar preços muito acima dos praticados em outras zonas da cidade.

Isso, no entanto, não torna a visita ao mercado uma armadilha para turistas. Caminhar pelas ruas estreitas, observar os artesanatos e tecidos, sentir o cheiro dos temperos, ouvir o burburinho das lojas e até, quem sabe, entrar no jogo da barganha por algum objeto e terminar tomando um chá com o vendedor enquanto conversam sobre diferentes temas são algumas experiências que fazem a visita valer a pena. Se quiser fazer compras, no entanto, esse pode não ser o melhor lugar. Vá dar uma olhada nos mercados do lado asiático antes.

Grand Bazar de Istambul - Turquia

Grand Bazar de Istambul - Turquia

Com tantas ruas e tantas lojas, é fácil se perder ali dentro. Mas não tema o labirinto. Embrenhe-se nos corredores para descobrir cantinhos escondidos e menos frequentados pelos turistas. Os vendedores que estão nos corredores mais afastados e longe da entrada costumam cobrar mais barato que os mais visitados.

Grand Bazar de Istambul - Turquia

Grand Bazar de Istambul - Turquia

Dá para chegar lá indo a pé da região de Sultanahmet e combinar a visita com o Blue Mosque, a Hagia Sofia e o Topkapi Palace (mas talvez não com tudo no mesmo dia, hein?).  Quem sai de outros cantos da cidade pode descer na estação Beyazit do tram. O Bazar abre de segunda a sábado, das 9h às 19h. Site oficial.


Compartilhe!



Com o 360meridianos, você encontra as melhores opções para planejar a sua viagem. Confie em quem já tem prática no assunto!

 

Reserve seu hotel com o melhor preço e alto conforto

 


Veja as melhores opções para seguros de viagem

 


Transfira dinheiro para o Brasil e exterior com menos taxas

 


Alugue veículos com praticidade e comodidade

 




Quer 70 páginas de dicas (DE GRAÇA!)
para planejar sua primeira viagem?




Natália Becattini

Já chamei muito lugar de casa, mas é pra Belo Horizonte que eu sempre volto. Viajo o mundo em busca de histórias e de cervejas locais. Além do 360, mantenho uma newsletter sobre o a vida, o universo e tudo mais, que eu chamo de Vírgulas Rebeldes. Vira e mexe eu também estou procrastinando lá no instagram @natybecattini e no twitter.

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.