fbpx
Tags:
Atlas: Pirenópolis, Goiás, Brasil

Onde ficar em Pirenópolis: 9 pousadas baratas

Um centro histórico bonitinho e repleto de bares e restaurantes. Mas Piri, para os íntimos, tem mais: a cidade está cercada por cachoeiras, o que faz da vida do turista um tédio. De dia, é hora de encarar (curtas) estradas de terra, trilhas e cair na água. Cansou? Então volte para a cidade e vá para o bar. Não falta comida boa por ali. E assim, entre comida e cachoeira, fica seu feriado. Já contei sobre a cidade em outro texto. Neste, darei dicas práticas de onde ficar em Pirenópolis.

Veja também: Pirenópolis, Goiás: cidade histórica e cachoeiras no cerrado

Em termos de localização não tem muito como errar, afinal Pirenópolis é uma cidade pequena. Fique no centro histórico. Assim você, que terá que se deslocar para as cachoeiras durante o dia – se gostar desse tipo de passeio – pode fazer tudo a pé à noite. Quem não gosta de cachoeira, mas se interessa por história e casarões coloniais, deve dar ainda mais preferência para o coração da cidade.

Pirenópolis, Goiás

Pousadas no centro histórico de Pirenópolis

  • Pousada Casa Grande fica perto do centro – cerca de 500 metros da Igreja do Bonfim. O custo/benefício é bom e o lugar é muito elogiado justamente pela localização.
  • Pousada Vila Velha é uma das mais concorridas – reserve com antecedência, principalmente em feriados como o carnaval.
  • A Pousada Pouso do Sô Vigario tem piscina e é outra que recebe nota quase máxima no quesito localização. Fica num casarão em estilo colonial e bem no centrinho de Piri.
  • Pouse no Jardim está num lugar tranquilo, com piscina, mas ainda perto de tudo.
  • Casamatta Hostel é uma opção econômica e mochileira.

Não achou o que queria? Nesse link aqui eu refinei as buscas do Booking para listar apenas os hotéis e pousadas mais bem avaliados de Piri, tudo segundo os hóspedes anteriores.

onde ficar em Pirenópolis

Onde ficar em Pirenópolis: opções longe do centro

Tudo depende do seu objetivo de viagem. Se quiser relaxar, contato com muita natureza e nem fizer muita questão do centro histórico, que fica muvucado em feriados, pode valer a pena pegar uma das pousadas mais afastadas da cidade. Não é por acaso que essas são as opções preferidas por casais.

Avalie este post

Compartilhe!







Banner para newsletter gratuita

Receba grátis nosso kit de Planejamento de Viagem

Eu quero!

 

 




Rafael

Siga minhas viagens também no perfil @rafael7camara no Instagram - Quando criança, eu queria ser jornalista. Alcancei o objetivo, mas uma viagem de volta ao mundo me transformou em blogueiro. Já morei na Índia, na Argentina e em São Paulo. Em 2014, voltei para Belo Horizonte, onde estou perto da minha família, do meu cachorro e dos jogos do América. E a uma passagem de avião de qualquer aventura.

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.