Tags:
Atlas: Roma, Itália

Onde ficar em Roma: os melhores bairros e hotéis

Na hora de decidir onde ficar em Roma, é fundamental fazer escolhas inteligentes. Isso porque poucas cidades têm tanto potencial para causar bolhas nos pés como ela. A capital da Itália até tem metrô, mas são poucas linhas. Por isso, resta andar. Sendo assim, é muito importante pensar na região da cidade que mais tem a ver com você na hora de planejar a viagem. Para te ajudar nessa tarefa, separamos algumas dicas de onde ficar em Roma, bairro a bairro. Também temos dicas dos lugares que já ficamos em Roma.

Veja também: Dica de seguro de viagem com desconto
Dicas de hotéis que falam português em Roma
Roteiro de o que fazer em Roma!

Onde ficar em Roma: Estação Termini

Não se espante se alguém te disser que a melhor região para se hospedar em Roma é perto da Estação Termini. Recebemos esse conselho de duas pessoas diferentes, o que nos fez ficar por lá durante nossa primeira passagem pela cidade. As vantagens dessa região são: 1) fica perto da principal estação de metrô e de trens da cidade. E 2) oferece algumas das opções mais econômicas de hospedagem.

Desvantagens? Não é um bairro bonitos, o que pode atrapalhar sua primeira impressão da cidade. Também não fica perto dos principais pontos turísticos, embora seja possível ir a pé até eles (nós fizemos isso). A Termini é uma boa opção se você realmente precisa economizar e vai usar muito o metrô. Se tiver um pouco mais de grana, com certeza é melhor ficar em outras regiões.

Clique aqui e veja várias hospedagem perto da Estação Termini

Onde ficar em Roma: Estação Termini

Estação Termini, Roma (Foto: Shutterstock)

Onde ficar em Roma: Trastevere

O Trastevere, ou, traduzindo para o português, bairro depois do rio Tibre, fica um pouco longe dos pontos turísticos e da muvuca dos viajantes. O Trastevere é muito frequentado por romanos, principalmente durante as noites. É um lugar bonito e agradável, ideal também para quem quer uma estadia mais tranquila.

Em qualquer cidade do mundo, escolha seu hotel seguindo duas orientações básicas: ou perto das atrações turísticas, que você vai visitar durante o dia, ou perto dos bares e restaurantes onde você vai passar a noite. O Trastevere se encaixa na segunda opção. Quem fica ali tem que pegar transporte público para circular durante o o dia, mas vai volta pro hotel a pé depois do bar.

Clique e veja várias opções de hospedagem no Trastevere

Onde ficar em Roma: Trastevere

Onde ficar em Roma: Centro Histórico

Ficar no centro histórico nunca é uma má ideia, ainda mais numa cidade como Roma. Lá, escolher um hotel nessa região significa estar pertinho de lugares como a Fontana di Trevi, o Panteão, a Piazza Navona e a Piazza di Spagna. Enfim, ótima localização. É lógico que os preços da hospedagem acompanham esse comodismo. Além disso, essa região deve concentrar a maior quantidade de turistas por metro quadrado da cidade. Eu ficaria no centro histórico tranquilamente, desde que meu orçamento de viagem não estivesse muito apertado.

Clique e veja várias opções de hospedagem no centro de Roma

Onde ficar em Roma: Centro Histórico

Onde ficar em Roma: San Giovanni

Outra opção de onde ficar em Roma que é perto do centro, mas em uma região um pouco mais residencial. O bairro é atendido por uma estação de metrô (San Giovani) e fica relativamente perto do Coliseu, que está a pouco mais de um quilômetro de caminhada. Nessa região você também vai achar restaurantes e turistas, claro, embora os últimos estejam em menor número do que no Centro Histórico.

A grande atração turística que você vai encontrar nesse bairro é a Basílica São João do Latrão, que é a Catedral Oficial do Bispo de Roma. Sim, ele mesmo, o Papa Francisco. Por isso, esse templo tem importância fundamental para a fé católica, comparável a da Basílica de São Pedro, no Vaticano.

Clique e veja várias opções de hospedagem em San Giovanni

Onde ficar em Roma: Monti e áreas ao redor do Coliseu

Não é o Papa! O que muitos turistas fazem questão mesmo de ver em Roma é o Coliseu, símbolo máximo do Império Romano. Ficar pertinho dele não é uma má ideia não – a Luíza fez isso na última passagem dela pela cidade, em outubro, e voltou falando maravilhas.

Dentre as regiões ao redor do Coliseu destaca-se Monti, considerado o bairro mais cool de Roma. Monti segue um pouco a receita do Trastevere: menos turistas, bares legais, restaurantes interessantes. Tudo isso com a vantagem de estar pertinho do Coliseu, assim como o bairro San Giovanni, citado acima.

Clique e veja várias opções de hospedagem em Monti

Coliseu, Roma, Itália

Foto: Shutterstock.com

Onde ficar em Roma: outras regiões

É claro que existem outras regiões bacanas na cidade e até mesmo fora dela. Se você já esteve na cidade antes ou precisa economizar na hospedagem sem perder no conforto, a melhor dica é buscar onde ficar em Roma em bairros fora do centro, como Roma Aurelia, onde a equipe do 360 já ficou duas vezes, em hotéis de 3 ou 4 estrelas com preços camaradas. É que nessas regiões mais residenciais costumam ter mais opções de apartamentos e guesthouses de boa qualidade, com um preço bem mais convidativo do que no centro.

Dali você pode pegar ônibus até as regiões mais centrais ou também aproveitar das estações de trem ao longo de Roma, que em poucos minutos de deixam em Termini.

Veja a lista das melhores áreas fora do centro de Roma

*Ao fazer sua reserva a partir dos links listados aqui, o blog ganha uma pequena comissão. Então essa é uma forma de ajudar o 360meridianos a se manter como um veículo independente e a continuar a oferecer conteúdo de viagens gratuito e de qualidade, mas você não paga nada a mais por isso. Para mais detalhes, veja as políticas do blog.


Compartilhe!



Com o 360meridianos, você encontra as melhores opções para planejar a sua viagem. Confie em quem já tem prática no assunto!

 

Reserve seu hotel com o melhor preço e alto conforto

 


Veja as melhores opções para seguros de viagem

 


Transfira dinheiro para o Brasil e exterior com menos taxas

 


Alugue veículos com praticidade e comodidade

 




Quer 70 páginas de dicas (DE GRAÇA!)
para planejar sua primeira viagem?




Rafael

Quando criança, eu queria ser jornalista. Alcancei o objetivo, mas uma viagem de volta ao mundo me transformou em blogueiro. Já morei na Índia, na Argentina e em São Paulo. Em 2014 voltei para Belo Horizonte, onde estou perto da minha família, do meu cachorro e dos jogos do América. E a uma passagem de avião de qualquer aventura. Siga minhas viagens também no instagram, no perfil @rafael7camara no Instagram

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

64 comentários sobre o texto “Onde ficar em Roma: os melhores bairros e hotéis

  1. Buenas!!

    Ja chegamos a pincelar algo sobre a região do Termini em um post sobre Paris (fiz um comentário infeliz…mas acabamos por nos entender kkkk)…

    Minha pergunta e simples: Estou indo a Roma sozinho e pela primeira vez. Estar seguro em lugar que vou estar sozinho é algo de primeira importância para mim. Estou procurando pelos famosos Party Hosteis…mas so acho na região do Termini (Yellow e etc….). Indicaria outro fora desta região? Honestamente, estou resistente…

    Esta região, à noite, seria algo como a Praça Dam em AMS?

    Grato,

  2. Estou na dúvida entre ficar no Trastevere ou Centro Histórico. A princípio nosso perfil seria mais Trastevere, porque preferimos ficar em áreas mais frequentadas pelos locais (onde geralmente se come melhor, não sendo comida voltada para turistas), e com opções noturnas de restaurantes. Porém, como vamos na baixa temporada, cogito ficar no centro histórico, onde teria maior facilidade de chegar aos pontos turísticos. Por ser baixa, os hoteis estão mais em conta, e penso que não teríamos o problema da aglomeração de turistas (fico na dúvida se encontramos nessa região central restaurantes mais autênticos, como encontrados no Trastevere ou Monti).Vamos no final de fevereiro/2017.
    Talvez Campo de’ Fiori ou Monti sejam um meio termo interessante.
    Poderia dar uma sugestão?
    Parabéns pelo site.

  3. Oi Rafael gostei muito de lê todas as dicas disponivel e aproveito para pedir uma orientação na minha primeira viagem sozinha para Roma e só falando o portugues. Gostaria que me indicasse um hostel proximo aos pontos turisticos e que me fale se é complicado quando não falamos a lingua local e se encontramos pessoas nos hostel que nos otiente em portugues. Um abraço!

    1. Oi Alda, estive em Roma em abril/16 fiquei hospedada num hotel que todo staff fala portugues, fica perto da Fontana di Trevi, fui a pé a todos os pontos turisticos, exceto Vaticano. Hotel Relais Fontana di Trevi.

  4. Olá! Passarei o reveillon em Roma (29 de dez – 4 de jan) e estou pensando em ficar hospedada no Mercure próximo ao Coliseu. Consigo ir a maioria dos pontos turísticos a pé ou fica muito distante? Como é o reveillon em Roma?

    Obrigada!

    1. Acho que consegue sim, Carolina. A região ao redor do Coliseu é uma boa opção.

      Não sei te falar sobre o Reveillon em Roma – nunca passei lá.

      Abraço.

    1. Oi, Herica. Que eu saiba é um bairro residencial próximo ao Vaticano. É seguro, mas não fica exatamente próximo ao Centro Histórico.

      Você estará perto do Papa, da Basílica de São Pedro e dos Museus do Vaticano, mas nem tão perto assim das outras atrações de Roma. Pelo menos não a ponto de ir a pé.

      Abraço.

  5. Boa noite!!
    Estou indo pela primeira vez a Roma com meu marido e filha de 3 anos.
    Gostaria de um hotel não muito caro e próximo aos pontos turísticos do centro histórico. Não vou poder andar muito à pé por causa da minha filha que só quer colo rs. Assim teria que ser um hotel pertinho de tudo e não muito caro. Vc poderia me indicar alguns, por favor??
    Desde já, agradeço
    Adriana

    1. Ola Adriana, tudo bem?
      Eu estive em Roma com minha esposa e filha de 8 anos, ficamos no hotel Hosianum Palace Rome, penso que seja bem o que você procura, de uma olhada nele, fica bem no centro historico, tem otimos preço, é muito confortavel, excelente cafe da manhã, eu não precisei usar nenhum transporte publico, tudo pertissimo.
      Outra dica é vc quando chegar em Roma pegar o serviço das vans (serviço legal em Roma de transporte de passageiro), voce paga 20 euros (criança não paga) e eles te deixam na porta do hotel, quando for embora pede a recepção para ligar para eles e eles te pegam na porta do hotel e levam até o aeroporto, isso facilita muito a vida
      Espero que goste de Roma, nós amamos a cidade, cheia de historia por todo lado, comida excelente, sorvetes maravilhosos, os Romanos são muito simpaticos
      Boa Viagem!
      Atenciosamente,
      Alex Laud

  6. Olá Rafael! Vou visitar Roma e ficarei hospedada ao redor do Vaticano. Qual a melhor forma de me locomover já que você disse pouco acima que o Vaticano é longe das atrações? Através de trens? Ônibus?

    1. Oi, Killer.

      Roma tem duas linhas de metrô. Uma delas passa pertinho do Vaticano. Essa é a melhor forma de se locomover. Mas também não faltam trens e ônibus.

      Abraço.

  7. Rafael, boa noite.
    Vou a Roma no Revellion com meu marido e dois filhos pequenos (6 e 9 anos). Vou alugar um apartamento e estou em dúvida entre Monti e a região próxima ao Campo D’ Fiori. O que vc acha? (Gostamos de bairros típicos e animados, para passearmos a pé e conhecer as ruas próximas, ver gente da cidade, jantar num restaurante pitoresco. )
    Desde já agradeço.
    Patrícia.

    1. As duas regiões são ótimas, Patrícia. O Campo D’ Fiori está perto dos lugares históricos, mas ainda sem aquele monte de turistas que lotam boa parte de Roma.

      Enfim, qualquer que for sua escolha, acho que vai ser boa, francamente.

  8. Oi, Rafael!
    Já parabenizei a Natália em outro posto, sobre Veneza, mas não me canso de parabenizar vcs. O blog e maravilhoso!!! Ta me ajudando muito na programação que estou fazendo pra viajar com a família.
    Queria sua opinião pra algo. Li em outro blog que, uma sugestão pra quem viaja de grupo pra Roma, e alugar um apartamento. Como aqui vamos em 5 pessoas, andei olhando alguns no Trastevere e achei bem interessante. Mas fiquei com a duvida se o valor que eles colocam no site e pago por pessoa, como a diária do hotel, ou pelo apartamento. Vc sabe me dizer algo sobre isso?
    O que vc acha da idéia de ficar no apartamento?
    Obrigada, de ante-mão!

    1. Oi, Rossana.

      Obrigado pelos elogios ao blog!

      Então, para grupos compensa sim. Eu já fiquei em apartamentos algumas vezes e foi ótimo.

      Normalmente o preço é pelo apartamento, mas é bom ler tudo direitinho, pq dependendo do apartamento pode haver uma taxa extra por cada pessoa.

      Tanto o Booking quando o AirBnB têm apartamentos para alugar. Veja aqui:

      http://www.booking.com/searchresults.pt-br.html?aid=367502;sid=4de0a70128b151905e78aed899398c3a;dcid=1;checkin_monthday=18;checkin_year_month=2014-11;checkout_monthday=19;checkout_year_month=2014-11;city=-126693;class_interval=1;csflt=%7B%7D;idf=1;maxprice=0;review_score_group=empty;score_min=0;si=ai%2Cco%2Cci%2Cre%2Cdi;ssb=empty&;or_radius=0;;nflt=ht_id%3D201%3B;unchecked_filter=hoteltype

      https://www.360meridianos.com/2014/03/como-alugar-apartamentos-no-airbnb.html

      Abraço.

  9. Por favor vim com meu marido estudar em ROMA ele doutorado e eu o italiano ,duvida cruel onde morar no centro ou perto da TORVEGATA,sendo que ele terá que frequentar mas a biblioteca na estação LEPANO.OBRIGADA…

    1. Oi, Jucilene.

      Morar é outra história. Nem sempre um bom lugar para se hospedar é bom para morar. Imagino que em Roma aconteça isso, afinal ninguém quer morar no meio da muvuca turística.

      Enfim, como nunca morei em Roma, acho complicado te ajudar.

      Abraço.

  10. Bom dia Rafael,
    Parabens por compartilhar tanta informação. Gostaria de saber se pode me indicar algum hotel no centro de Roma que tenha alguem que fale portugues. Nao falo ingles nem italiano, ja descobri taxista e agente de turismo que falam portugues. Nao gosto de viajar empacotada. Se puder me ajudar agradeço. Em Paris ja descobri isso. Vou com uma amiga e somos da terceira idade.
    obrigada
    lea

    1. Lea, fui à Roma e me hospedei no Hotel King, na Via Sistina e lá eles falam português. O hotel não vale as 5 estrelas, mas é super bem localizado. Pertissimo da estação de metrô Barberini, Piazza di Spagna, Fontana de Trevi …

  11. Legal seu blog Rafael, ajuda muito. Estou indo com a família em novembro, incluso minha maezinha com 70 anos. Qual desses dois hoteis vc indica:
    1 opção – Hotel Cosmopolita – Via Di Santa Eufemia 5, Trevi, 00187 Roma, Itália (Telefone: +3906997071) ou
    2a opção – Aurelia Residence San Pietro- Via Aurelia 145, Cidade do Vaticano, 00165 Roma, Itália (Telefone: +390639388648).
    Vc indicaria outro hotel? Além do Vaticano, queremos ficar próximos de restaurantes e das principais atrações, para deslocamento por metro ou ônibus panorâmico, pois minha mãe não caminhará muito.
    Desde logo agradeço sua atenção.

    1. Ola,
      Eu fui em junho para Roma, fiquei no Hosianum Palace, super central, 5 minutos do Panteão e mesmo do lado de grandes atraçoes de Roma como mercado, casa de Julio Cesar o Forum, hotel muito bom com preço ótimo, cafe da manha nota 10 e nem precisa de usar transportes para ir aos principais lugares de Roma, fica mesmo no centro historico, eu recomendo este hotel, paguei em junho por 6 noites cerca de 700euros, eramos 3, se vc dividir 700 euros por 6 dias e depois por 3 pessoas, vai ver que o custo beneficio é excelente
      Roma é uma maravilha, de todas cidades da Europa que fui, Roma de certeza é a melhor, na deixe de ir jantar em Trastevere, la tem ótimas restaurantes onde os Romanos comem, e fica a 7 minutos do hotel que te falei, como pode ver é mesmo muito central o Hosianum Palace
      Boa viagem!

    2. Oi, Antônio.

      Acho que só compensa ficar perto do Vaticano se esse for o principal objetivo da sua viagem. Tenha em mente que ficar ao redor do Vaticano significa ficar longe de todas as outras atrações e monumentos.

      Enfim, o Aurelia Residence San Pietro fica perto do Vaticano, enquanto o outro fica perto do Coliseu e do Fórum Romano. Eu tendo a preferir o segundo justamente pela localização, mas se o Vaticano é o ponto central da viagem (e se vocês pensam em visitar a Praça de São Pedro várias vezes, em vários dias diferentes), então é uma opção melhor para você.

      Abraço!

      1. Legal RAfael, não vou ficar nos “Vaticano” não…e o COSMOPOLITA é bem localizado? TREVI? Vc tem outras opções melhores P/ indicar? Obrigado pela ajuda.

        1. Oi, Antonio.

          Desculpa, só vi sua resposta agora.

          Sim, o local do Cosmopolita parece muito bom! Pelo que vi, olhando o mapa, está a uns 5 minutinhos do Coliseu.

          No Booking os hóspedes elogiam bastante a localização também, que recebeu nota 9,5.

          1. Antônio, como foi a viagem? Ficou hospedado aonde? Tb pretendo ir com minha mãe que tem dificuldade de locomoção e preciso de uma hospedagem bem localizada pra ficar, além de, claro, um bom custo benefício.

  12. Olá Rafael! Estou adorando seu blog. Vou para Roma em novembro e estou vendo um hotel na região do Panteão. Sei que a melhor região para ir aos bares a noite é a Trastevere, mas nessa região do Panteão e Praça Navona também tem movimentação a noite? É seguro? Desde já muito obrigada!

    1. Boa noite, primeiramente gostaria de parabenizá-lo pelo blog, irei com minha noiva a roma em novembro…

      Gostaria de dividir minha pergunta e duas partes;

      – Como é o tempo em roma em Novembro?

      – Tenho a opcao de 2 Hoteis da rede IBIS e gostaria de sua opniao sobre os mesmos.
      Os hoteis sao “Mercure Roma Corso Trieste” endereco Via Gradisca 29
      00198 ROMA
      ITALY e Aparthotel Adagio Roma Balduina ex Mallia endereco Via Damiano Chiesa 8
      00136 ROMA
      ITALY

      Abracos
      Caio

      1. Oi, Caio.

        Nessa época já começa a esfriar, mas não costuma ser muito frio ainda. Média histórica de 15°.

        No caso dos hotéis, me parece que nos dois você terá que usar transporte público para chegar nos pontos de interesse. As avaliações do Mercure Roma Corso Trieste são melhores, tanto no Booking quanto no Tripadvisor.

        Entre os dois, isso pode ser um diferencial.

        Abraço.

    2. Oi, Dayanne.

      Sim, é seguro, até mesmo pela movimentação constante de turistas.

      E nessas áreas você encontra bares e restaurantes também.

      Abraço.

  13. Rafael, adorei as dicas! Aliás, gostei muito do blog! Além m de favoritar já recomendei!!!:)
    Estou indo pra Roma em novembro e li muito sobre hospedagem na região do termini. Dei uma olhada em alguns hotéis e acho que essa região me atende pelo custo da hospedagem e pela facilidade de acesso ao aeroporto.
    Pesquisei alguns hotéis pelo booking (link do blog!), gostaria de saber se a região é legal para uma pessoa que vai sozinha. Vou chegar durante o dia e a volta tb será durante o dia.
    Obrigada e mais uma vez, parabéns pelo blog!
    Abraços,
    Ivani

    1. Boa tarde Ivani,

      Eu estive em Roma agora em Julho e fiquei no Hotel Hosianum, que fica bem ao lado da Piazza Venezia, ou seja, colado ao Forum Romano, Coliseu e a 5 minutos caminhando do Panteão, um hotel excelente, pessoal que trabalha la muito gentil, café da manhã muito bom, Não recomendo ficar em Termine, é um local ruim, ao contrario do que muitas agencias de viagem dizem, que la é bom por causa da proximidade com a estaçao de trem, mas de noite é um lugar perigoso, por falar traslados aeroporto – hotel e vice e versa, não se preocupe muito com isso, quando chegar em Roma, mesmo onde compra bilhete para o trem (nao compre), vc por trem paga 14 euros até termine, mas tem uma opção excelente que usei que é o traslado para o hotel, vc paga 15 euros e o motorista te leva direto para a porta do hotel e depois te da um numero de telefone que voce pede ao pessoal do hotel ligar um dia antes para pegar voce no hotel e te levar ao aeroporto por mais 15 euros, ou seja, do aeroporto para estação termine e da estaçoa termine para o aeroporto de trem vc pagara 28 euros, neste sistema de traslado vc paga 30 euros aeroporto-hotel e hotel aeroporto, apenas 2 euros a mais e vale muito a pena, eu fiz assim com minha familia e foi nota 10.
      COmo disse no inicio, evite ficar em Termini, prefira Tresteveri ou onde fiquei, hotel Hosianum eu recomendo
      Boa viagem

        1. Ola Priscila
          Este serviço vc adquiri no aeroporto mesmo, no guiche onde compra o bilhete do trem voce pergunta por este servico e eles logo te falam e ja da o preco que é de 15 euros, depois o motorista te leva ao seu hotel e deixa um numero de telefone ao qyal vc pede a recepção para ligar um dia antes da sya volta para marcar a hora que vc deseja que ele passe la no hotel para te levar ao aeroporto, muito facil e comodo

          1. Olá,Alex!É que vou chegar pela Termini. Pensei que era traslado do hotel. Estava pensando em me hospedar lá. Mas vi que cobram 3 € pela hora do wifi. Achei um absurdo, vista o preço da diária. Vou pesquisar mais para poder me decidir. 🙂 Muito obrigada!

          2. Priscila, voce vai de trem para Roma, é isso?

            Eviteficar em hotéis na estação termine, é londe do centro histórico, é feio, e da muita sensação de insegurança com moradores de rua de noite pela area, eu jamais ficaria la, mesmo porque voce terá que andar mais para ir ao centro historico, Vaticano, Tresteveri, não vale a pena, vai acabar gastando de taxi ou onibus.
            Eu fiquei no Hosianum Palace, foi ótimo, hotel limpo, com bar, excelente cafe da manhã, banheiro privativo, internet wi fi grátis no saguão da recepção e o melhor que é muito central, paguei 900 euros por 7 noites, mas eram eu + minha mulher + minha filha, fica ha 5 minutos do Panteão, ao lado do Forum Romano e 5 minutos de Trasteveri, onde sem duvida na minha opnião se come melhor

          3. Sim, Alex. Chegarei de trem em Roma. Por isso não tenho como contratar esse traslado que vc usou. Será que fica o mesmo preço de táxi até esse hotel onde vc se hospedou? Estou considerando ficar nele também. Obrigada pelas dicas! 🙂

        2. Priscila,
          Você pode pegar um taxi da estão Termini até o Hosianum Palace Hotel que devera ficar por volta disso ou pode pegar um onibus 40 ou 64 (sai da estão de Termine) até a PIAZZA VENEZIA, este hotel que fiquei fica muito próximo da PIAZZA VENEZIA, a partir dai um um simples guia que tenha um mapa você chega facilmente até a rua do hotel Hosianum, o nome da rua é VIA DEI POLACCHI, é uma rua calma, o hotel é um 4* padrão Italia, diria que seja um 3* superior no padrão Europa, vale super a pena pela localização, atendimento, limpeza e wi fi gratis no saguão do hotel

    2. Oi, Ivani.

      Então, o lance da Termini é mesmo economia. Só fique lá se a hospedagem em outras partes da cidade não caber no seu bolso. Fora isso, há opções melhores.

      No mais, é uma região meio feia. Não chega a ser insegura, mas tem uma sensação de insegurança, principalmente de noite. Não tem muitos bares e nem restaurantes ao redor. Não é o fim do mundo ficar lá – eu fiquei uma vez, justamente pelo preço – mas também passa longe de ser a melhor opção.

      Qualquer coisa é só falar!

      Obrigado pelo elogio ao blog!

      Abraço.

  14. Boa tarde

    Gostaria de saber de restaurantes onde se possa comer boa comida italiana (Pizzas e massas) sem gastar muito, vou ficar perto do Panteão (via de Pollachi).

    Gostaria de saber se existe feiras de antiguidades em Roma, se sim, onde e em que dia?

    Desde ja agradeço a ajuda

    Atenciosamente,
    Alex Laud

  15. Que ótimo post!
    Vou a Roma no próximo mês (1ª vez!), e vou me hospedar no Trastevere. Escolhi justamente por causa da vida noturna, acho que para um casal jovem, deve ser um bairro mega animado!
    Mas me diga… você acha que não dá mesmo pra ir a pé até o centro histórico? Gosto muito de caminhar em minhas viagens… daquele tipo que, em Paris, vai a pé do Marais à Torre Eiffel.
    Estava com esperanças de ir a pé do Trastevere até as atrações mais famosas.. pelo google maps até achei que dava… mas como mapas enganam, resolvi pedir sua opinião… e aí?

    1. Oi, Pollyanna! Fico feliz de saber que você gostou do post. =)

      Então, se você não tem problema em andar tanto assim, então dá. E falo isso até mesmo porque eu fiz o percurso andando uma vez.

      Quando precisar de economizar os pés (afinal você vai andar muito no Fórum Romano, por exemplo), saiba que o transporte público atende bem.

      Qualquer dúvida é só falar! Acho que sua escolha de bairro foi ótima.

      Abraço.

  16. Já está favoritado meu querido! Excelentes dicas. Que amor que você coloca em cada linha escrita nos textos,como disse a sua vó você herdou esse dom e utiliza-o com maestria! Parabéns pelo blog.

  17. Olá, Conheci seu blog a pouco tempo e estou adorando!! Eu vou para Roma no dia 2 de maio de 2014 e queria saber quanto tempo devo reservar para conhecer a cidade e depois queriamos conhecer a toscana! Vc sabe me dizer tb quanto tempo para essa região e quais são as mais bonitas? Abs

    1. Oi, Patrícia. Que legal que você gosta do blog!

      Bom, Roma rende vários dias. Eu fiquei seis e consegui ver muita coisa, mas ainda tinha o que ser visto. Tente ficar pelo menos cinco dias, se possível.

      Sobre a Toscana, a parada obrigatória é Florença, que rende uns 3 dias de viagem tranquilamente. De lá, você pode ir ainda a Pisa, Lucca, Volterra e San Gimignano. Dá uma olhada no que publicamos sobre essa região:

      https://www.360meridianos.com/2013/10/dica-viagem-regiao-toscana-italia.html

      https://www.360meridianos.com/tag/florenca

      https://www.360meridianos.com/2013/10/passeio-volterra-arredores.html

      https://www.360meridianos.com/2013/12/visita-torre-de-pisa-e-cidadela-de-lucca.html

      Qualquer coisa é só perguntar.

      Abraço!

      1. Muito obrigada!! Era o que estávamos pensando!! E sobre Florença nós já conhecemos…..vamos nas outras que vc indicou!!
        Vou ler tudo sobre essa região!
        Abs

        Patricia

  18. Qual sua dica para uma primeira visita à Roma, procuro um lugar para ficar com minha esposa e filha de 7 anos, prezo a segurança em primeiro lugar e um hotel limpo e confortavel, não repcisa ser um hotel de luxo, mas limpo e num local seguro, qual sua dica?

      1. Obrigado pela sua reposta prezado amigo, fiz a reserva num hotel chamado Hosianum Palace, que fica entre o Panteão e Coliseu, penso que foi uma boa escolha pela localização e pelos comentarios que li, parece ser um pequeno hotel, limpo e numa região segura de Roma: http://www.booking.com/hotel/it/hosianum-palace.pt-pt.html?aid=367502
        Só poderei dizer algo mais comcreto sobre ele quando voltar, mas acho que foi uma opção razoavel, visto que em Roma pelo que tenho lido, tirando os grandes hoteis da Via Vieneto, os outros hoteis são mais antigos…

        1. Que ótimo que você já se decidiu, Alex. Em termos de localização, essa é ótima. Perto de tudo.

          Depois conta pra gente como foi. Boa viagem!

  19. No meu caso já queria ficar no mercure colosseo vou em maio e comprei a passagem em junho do ano passado.

    Só que mosquei esperava que caisse mais o preço do mercure e literalmente explodiu.

    Agora vou ter que ficar em algum B&B perto do coliseu.

    Abcs.

    1. Oi, Ricardo.

      Roma é uma das cidades mais concorridas do mundo. O melhor mesmo é garantir as opções mais em conta o quanto antes, porque elas acabam rápido.

      Abraço e boa sorte! Tenho certeza que sua viagem será incrível.

  20. Obs.: alguns hostels não aparecem no Booking.com (como o La Controra que eu reservei), o que é uma pena porque tenho que reservar em outros como hostelworld ou hostelbookers, que cobram antecipado uma parte do valor e se cancelar, esse valor é perdido. E tbm não tem como garantir a comissão do blog!

  21. Eu acabei reservando um hostel perto da Termini mesmo, porque meu orçamento está beem apertado. Para passear pela cidade vou usar metrô e caminhar (mais caminhar, de preferência). Mas adoraria ficar em Trastevere ou em Monti *-*

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.