Tags:
Atlas: Campina Grande, Paraíba

Como é o São João de Campina Grande, o “Maior São João do Mundo”

Quem nunca dançou a quadrilha na época de escola, saiu arrecadando prendas para as barraquinhas ou vendendo bilhetes para ganhar o prêmio de rainha ou rei da pipoca? A festa junina está para o nosso calendário de junho, assim como o carnaval está para fevereiro. E no nordeste brasileiro, a festa tem o mesmo peso do carnaval (ou até maior). A festa é tão grande, que em algumas cidades são mais de 30 dias de festejos. O São João de Campina Grande é considerado o maior São João do mundo – apesar do pessoal de Caruaru, no Pernambuco, discordar muito desse título! Aqui, a gente não quer entrar na briga, mas vamos te contar como são os festejos na cidade paraibana e te falar sobre a história do Maior São João do Mundo, para você ficar por dentro da programação da festa em Campina Grande.

show no são joao de campina grande, povo, banda, fogosShow no São João de Campina Grande. Foto: divulgação- Ministério da Cultura

Como surgiu o São João de Campina Grande

A primeira edição do São João de Campina Grande aconteceu em 1983 e foi em uma palhoça localizada bem no Centro Cultural da cidade. Desde a primeira edição, ele já levava o título de Maior São João do Mundo. O Parque do Povo, local onde até hoje acontecem os festejos, foi inaugurado em 1986. Já a cidade cenográfica foi construída no ano 2000. Nela, os visitantes podem ver as réplicas da Catedral, do prédio do Telégrafo, do Cassino Eldorado e da Vila Nova da Rainha.

Em 1983, a festa foi feita meio de última hora, com a população ajudando na decoração, mas sem perder o espírito festivo. A partir de 1984, passou a ganhar os contornos que a gente conhece até hoje. O local já era o mesmo e os dias de festa também: são trinta dias no total! Em 1986, com a festa já consolidada, foi a vez da prefeitura começar a investir no evento. Começaram as obras do Parque do Povo e da “pirâmide’, que na verdade, era pra ser a representação de uma fogueira de São João, mas a obra acabou ganhando um outro nome na boca do povo. Ela tá lá até hoje, perto de onde fica o palco principal. No mesmo ano, as barraquinhas chegaram e ajudaram a compor o cenário.

Em 1989, outra reforma. Agora, para ampliar ainda mais o espaço, já que a festa não parava de crescer. Foi quando fizeram a parte de baixo do Parque do Povo, onde, em 1999, ficaria a cidade cinematográfica.

Desde 2017, o palco é em 360º, abrindo espaço para todo mundo curtir o show, independentemente de onde estiver.

cidade cenográfica parque do povo sao joao campina grandeCidade cenográfica na Praça do Povo, em Campina Grande- Foto de Kyller Costa Gorgônio/ Wikimedia Commons

Programação do São João de Campina Grande 2020

A programação preliminar para o São João de Campina Grande em 2020 já foi anunciada: de 5 de junho e 5 de julho. A edição de número 37 terá abertura do cantor Santanna e show de Elba Ramalho na véspera do dia de São João, 23 de junho. A festa também já tem outros shows confirmados:

  • Luan Santana,
  • Henrique e Juliano,
  • Matheus e Kauan
  • Simone e Simaria
  • Xand Avião
  • Jonas Esticado
  • Flávio José
  • Luan Estilizado
  • Banda Calcinha Preta

E ainda: Biliu de Campina, Bonde do Brasil, Cavaleiros do Forró, Cavalo de Pau, Eliane, Felipe Araújo, Flávio José, Henry Freitas, Kátia Cilene, Pedrinho Pegação, Sâmya Maia, Ton Oliveira, Waldonys, Walkyria Santos e 3 do Nordeste.

O cronograma completo de shows e atividades você pode conferir em breve, no site do evento.

Como é o São João de Campina Grande

Eu sou uma apaixonada por forró e, por consequência, pelo São João. Sempre tive vontade de conhecer a festa no nordeste e entender o motivo dos nordestinos amarem tanto a data. Como passei uma semana em João Pessoa antes de ir para a abertura do evento, já sentia o clima de São João desde lá. Lojas enfeitadas, forró no rádio e todo mundo preparado para os turistas que viriam naqueles dias. Mas foi só quando eu realmente cheguei em Campina Grande que eu realmente consegui entender a dimensão do evento.

genival lacerda são joão campina grande

O Parque do Povo, local do evento, tem uma estrutura gigantesca, desde a entrada com a revista dos seguranças, os inúmeros bares e restaurantes na praça de alimentação, que serviam dos mais variados tipos de comida (desde a culinária local, passando pela italiana, até chegar na japonesa), até a grandiosidade do palco e dos artistas que estavam escalados para os mais de 30 dias de festa. A entrada é gratuita, ok?

Eu fui na edição de 2019, que teria a Ivete Sangalo no show de abertura, mas que, de última hora, foi trocado por Genival Lacerda. Além do principal ponto de festa, que é o Parque do Povo, há outros pontos que também fazem parte da programação oficial:

  • Locomotiva do forró

É um trem que sai da Campina Grande rumo ao distrito de Galante. Lá dentro, além de apresentação de músicos e dançarinos, você pode fazer umas aulas de forró. a locomotiva tem sete vagões, todos eles estilizados e com bares e banheiros. São duas horas de viagem e chegando em Galante, você pode passar um tempo por lá, seja nos bares ou conhecendo o distrito. Em 2019, os valores variaram entre R$125 a R$150. Mais informações você encontra no site do São João.

  • Museu dos Três Pandeiros

Um dos últimos projetos de Oscar Niemeyer, o Museu de Arte Popular da Paraíba “canta” um pouco da história do forró. É um espaço destinado a preservar a história e a herança do forró no nordeste, além de promover toda a cultura do povo nordestino. Lá, você vai poder conhecer um pouco mais sobre a história de Jackson do Pandeiro, um dos “pais” do forró, além de informações sobre mais de 300 artistas paraibanos. Se quiser dar um pulo lá, o museu fica na Rua Doutor Severino Cruz, s/n- Centro- Campina Grande.

Entrada da Vila Nova da Rainha, no Parque do Povo

Como chegar em Campina Grande

O aeroporto João Suassuna, em Campina Grande, recebe voos regulares da azul e da Gol. Chegando pelo aeroporto, você pode pegar um taxi, carro por aplicativo ou no ônibus municipal, o 004 ou o 44. São 6km de distância até o centro da cidade. Mas para o nosso roteiro do São João de Campina Grande ficar completo, vou te dar duas outras dicas, saindo das capitais mais próximas:

  • Saindo de João Pessoa

Eu fiz um bate e volta para Campina Grande, a partir de João Pessoa. São 120km de distância entre a capital da Paraíba e o Maior São João do Mundo. Eu demorei aproximadamente 2h para chegar lá. Contratei um transfer em João Pessoa e fui com o “Babuíno” (083-99642-5781). Fechamos o passeio durante uma caminhada pela orla de Cabo Branco, paguei R$100 pela ida e volta. Saindo de João Pessoa, você também pode ir de ônibus pela Real Bus e o preço médio da passagem é de R$38 cada trecho.

  • Saindo de Recife

São 200 quilômetros de estrada. Você pode ir de ônibus pela Viação Progresso, a viagem demora 3h30 e os bilhetes custam aproximadamente R$65 ou, se for fazer um bate e volta, pode contratar um transfer na capital Pernambucana.

  • Saindo de Natal

São 250 quilômetros saindo da capital do Rio Grande do Norte. A Viação Princesa dos Campos atende o trecho e tem passagens a R$45. São 3h15 de viagem. Você também pode fechar um bate e volta com agências de turismo de lá.

Para todos os casos, há também a opção de alugar um carro e ir por conta própria. Se for fazer, sugerimos que você pesquise e reserve antes numa comparadora de locadoras, a fim de garantir o melhor custo/benefício. Para isso, indicamos a Rentcars, parceira do blog que oferece descontos e vantagens no aluguel.

Fogueira de São João, no Parque do Povo

Onde ficar em Campina Grande durante o São João

Se pretende ficar mais tempo na cidade, saiba que o São João é a época de alta temporada por lá. Então quanto mais cedo você começar a se programar, maiores as chances de conseguir gastar menos. Com as acomodações, isso é uma certeza. Para você ter ideia, em 2019, na noite do feriado do dia 20/06, a estimativa foi de que mais de 100 mil pessoas passaram por lá e muitos deles, turistas. Por ano, a estimativa são de 2 milhões de pessoas. Então, para não correr o risco de ficar sem uma cama para chamar de sua, aqui vão algumas dicas de onde ficar no São João de Campina Grande.

A melhor pedida é se hospedar pelo centro da cidade. Após o final do evento, é difícil arrumar transporte, como em toda grande festa. A melhor alternativa por lá são os Mototaxis. Uma corrida para o centro sai em torno de R$5. Para quem gosta de conforto Hotel Village Confort Campina Grande e Slaviero Essential Campina Grande. Para os econômicos, Ibis Styles, Hotel Serrano e Nord Easy Campina Grande. E para os mochileiros, Hostel Aconchego.

Se for fazer uma bate e volta a partir de João Pessoa, leia as nossas dicas de onde ficar na capital paraibana e em Natal e Recife:

Onde ficar em João Pessoa, Paraíba: 5 melhores regiões
Onde ficar em Natal: praias e bons hotéis
Onde ficar em Recife e Olinda: 7 hotéis nas melhores praias


Compartilhe!



Com o 360meridianos, você encontra as melhores opções para planejar a sua viagem. Confie em quem já tem prática no assunto!

 

Reserve seu hotel com o melhor preço e alto conforto

 


Veja as melhores opções para seguros de viagem

 


Transfira dinheiro para o Brasil e exterior com menos taxas

 


Alugue veículos com praticidade e comodidade

 




Quer 70 páginas de dicas (DE GRAÇA!)
para planejar sua primeira viagem?




Fernanda Pádua

Tenho BH como meu ponto de partida e o meu porto seguro. Entrei pela primeira vez em um estádio de futebol aos 10 anos e ali descobri que queria ser jornalista. 20 anos depois, me tornei repórter esportiva e viajante nas horas vagas. Fiz intercâmbio na Irlanda em 2016/2017, pra estudar inglês. Tenho um objetivo de visitar todos os estados brasileiros e metade dos países do mundo e já percorri boa parte do trajeto, mas várias histórias e paisagens legais ainda estão por vir.

  • 360 nas redes
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.