fbpx

Trilha pelo Congost de Mont Rebei: a maior joia natural da Catalunha

A relativa distância de Barcelona e o complicado acesso pela estrada devem ser as únicas razões que ainda mantêm a maior parte dos visitantes da Catalunha longe de uma das mais impressionantes belezas naturais da região. Mas quem vence esses desafios e reserva um dia para conhecer Congost de Mont Rebei não se arrepende.

Localizado a três horas de Barcelona, entre as cidades de Lleida e Huesca, esse paraíso natural é parte da trilha transpirineica, que corta a importante cadeia de montanhas na fronteira da França com a Espanha e uma opção de atividade diferente para quem quer descobrir as belezas da região. O Congost é, nada mais, nada menos, que um desfiladeiro formado pelo rio Noguera Ribagorçana cujo curso atravessa a Sierra del Montsec de norte a sul. É possível percorrer o caminho criado pelo rio, seguindo a borda do precipício que a cada curva revela paisagens mais e mais belas.

Congost de Mont Rebei - Catalunha, Espanha

Congost de Mont Rebei - Catalunha, Espanha

Congost de Mont Rebei - Catalunha, Espanha

O passeio impressiona tanto pela beleza quanto pelas dimensões. Os paredões chegam a se elevar a 500 metros de altura. Durante a trilha, podemos apreciar a flora e a fauna local – a águia dourada e o abutre-barbudo são algumas espécies endêmicas – , além de alguns marcos da intervenção humana, como a ponte suspensa do barranco de Sant Jaume, situada a 40 metros do rio, e a impressionante escadaria presa à rocha, cuja travessia dá um friozinho na barriga até dos mais valentes.

Recomenda-se levar bastante água e alguma comida para o trajeto. Se você vai no inverno, fique atento ao horário que o sol se põe, já que não é aconselhável ser surpreendido pela escuridão no meio da trilha. Em alguns pontos o vento pode ser bem forte. Leve uma jaqueta.

Congost de Mont Rebei - Catalunha, Espanha

Congost de Mont Rebei - Catalunha, Espanha

Congost de Mont Rebei: Como chegar

Para esse trajeto, recomendo o aluguel de um carro, já que fica inviável chegar a um dos pontos de acesso às trilhas de ônibus. Saindo de Barcelona, é preciso pegar a rodovia A-2, depois pela C-53, C-26 e N-230 até Aragón. Aqui está uma rota do Google Maps (acho que é mais fácil do que eu ficar aqui explicando as entradas). E aqui outra rota até a “Mare de Déu de la Pertusa”. Há um custo de 4 euros para usar os estacionamentos, porém é permitido estacionar no encostamento das estradas que levam até ali.

Leia mais: Aluguel de carro na Europa: todas as dicas de viagem

Trilhas pelo Congost de Mont Rebei

Há pelo menos três formas de conhecer o Congost de Mont Rebei, cada uma com níveis diferentes de dificuldades. A mais popular e também mais simples é a trilha que sai do estacionamento “La Masieta” e tem cerca de 3,5 km de extensão em sua versão mais curta. Quem animar pode estender a trilha até a segunda ponte, passando pela escada cravada no paredão horizontal, uma das partes mais emocionantes do passeio.

Congost de Mont Rebei - Catalunha, Espanha

A segunda opção, um pouco mais avançada, mas ainda assim possível de ser feita por iniciantes (a prova é que a Senhora Sedentarismo aqui fez esse caminho) é a que começa no estacionamento do “Mare de Déu de la Pertusa”, um conjunto arquitetônico parte do Patrimônio Histórico da Catalunha e que também proporciona uma vista incrível do rio e do Congost. A vantagem desse caminho é que você pode visitar a construção antes de começar a caminhada pelo desfiladeiro. Rende fotos incríveis. Já quem sai de Aragón pode começar o trajeto desde o albergue de Montfalcó.

Congost de Mont Rebei - Catalunha, Espanha

Congost de Mont Rebei - Catalunha, Espanha

Nos três casos, o caminho é todo bem sinalizado e é comum cruzar com outras pessoas, assim o risco de se perder é mínimo. Vários trechos se repetem nos trajetos, então a escolha da trilha pode ficar a cargo da logística e de qual ponto de partida fica mais fácil para você. Para quem quiser uma descrição super detalhada das trilhas, recomendo o aplicativo Wikiloc.

Congost de Mont Rebei - Catalunha, Espanha

Vai viajar? O Seguro de Viagem é obrigatório em dezenas de países da Europa e pode ser exigido na hora da imigração. Além disso, é importante em qualquer viagem. Veja como conseguir o seguro com o melhor custo/benefício e garanta promoções.

Avalie este post

Autor


Compartilhe!







Banner para newsletter gratuita

Receba grátis nosso kit de Planejamento de Viagem

Eu quero!

 

 




Natália Becattini

Jornalista, escritora e mochileira. Viajo o mundo em busca de histórias e de cervejas locais. Já chamei muito lugar de casa, mas é pra BH que eu sempre volto. Além do 360, mantenho uma newsletter inconstante, a Vírgulas Rebeldes, na qual publico crônicas e contos . Siga também no instagram @natybecattini e no twitter.

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

4 comentários sobre o texto “Trilha pelo Congost de Mont Rebei: a maior joia natural da Catalunha

  1. Boa tarde Natalia,

    Para acessar esta trilha, só é possível chegar de carro, correto?
    Existe algum lugar que faça o passeio para lá ou o transporte de carro para lá?
    Não pretendo alugar carro, mas tenho muito desejo de fazer a trilha.
    Sairei de BCN para lá.

    Grato Natalia,

    Diego Matos.

    1. Olá Diego, sim, é preciso ir de carro até a entrada. Não conheço nenhuma empresa que faça o passeio…

      Abraços!

  2. Olá, bom dia!

    Existe alguma agência de turismo em Barcelona que oferece este passeio? Estou indo para Barcelona no carnaval e gostaria de saber também se é possível fazer essa trilha no inverno.

    Att,

    1. Fagner, eu fui no início de dezembro e não estava muito frio. O inverno na Catalunha não é absurdamente intenso, então não acredito que tenha problemas se você for bem protegido. Não conheço nenhuma agência que ofereça o passeio, se você encontrar alguma, por favor, me conta! 🙂

      Abraços

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.