Dicas de viagem para Bali, Indonésia

Do ponto de vista geográfico, Bali é só uma das 13.667 ilhas que compõem a Indonésia e está  localizada entre Java e Lombok. Do ponto de vista turístico, o lugar está longe de ser só isso. Refúgio do Hinduísmo em um país majoritariamente muçulmano, Bali tem vida e cultura própria. Entre campos verdejantes de arroz, templos, uma população carismática, comida excelente, preços inacreditáveis e ondas capazes de enlouquecer qualquer surfista, existem inúmeras razões para visitar a ilha. Se você já está convencido disto, segue um pequeno passo a passo sobre como planejar sua viagem.

Como chegar em Bali

Não existem vôos diretos entre o Brasil e Bali. Por isso, prepare-se para trocar de avião no mínimo duas vezes (alguns voos malucos exigem até cinco conexões). KLM, Qantas, Singapore Airlines e Qatar Airways são algumas das companhias que pousam no aeroporto de Depensar (Bali). As principais rotas passam por Cingapura, Johanesburgo, Amsterdã e Doha, no Qatar. Espere desembolsar no mínimo $2000 pelas passagens de ida e volta.

Bali - Uluwatu praia

Não sabe onde ficar em Bali? Descubra quais as melhores praias

Visto

Brasileiros precisam de visto para entrar na Indonésia, mas ele pode ser emitido assim que você desembarcar no aeroporto de Bali. Apresente um passaporte com no mínimo seis meses de validade e tenha o comprovante da passagem de volta só por precaução. O visto para sete dias custa $10. Se você for ficar mais tempo, vai ter que pagar pelo visto de um mês, que sai por $25.

Saiba como tirar o visto para Indonésia passo a passo

Idioma

Balinês. Mas, como no resto do sudeste asiático, é possível se virar bem com o inglês.

Onde ficar em Bali - Padang Padang

Moeda

A moeda é a desvalorizada Rúpia Indonésia, que vale cerca de R$0,0002. Ou seja, nosso dinheiro vale um bocado por lá e dá pra pagar de rico numa boa. Aproveite sua estadia em Bali para desfrutar da melhor relação custo/benefício já vista. Não é a toa que a Indonésia é considerada um dos países mais baratos para turistas.

Transporte em Bali

Transporte público é algo praticamente inexistente em Bali. A opção de muitos turistas é alugar carros ou motos e lidar com o trânsito intenso a maior parte do dia. Se você pretende fazer isso, providencie sua carteira internacional de habilitação. Os policiais de lá adoram parar estrangeiros para tentar extorquir alguma coisa de quem está irregular.

Veja como se locomover na Indonésia

Outra opção é alugar um carro com motorista. Apesar de um pouco mais cara, é bem mais confortável e pode sair em conta se você fechar para um ou mais dias. Lembre-se: assim como na Índia, a pechincha é a alma do negócio.

Templo Uluwatu Bali

Assim que você descer no aeroporto de Depensar, dezenas de motoristas de taxi vão se oferecer para te deixar no hotel. Não pense duas vezes: não escute nenhum deles e contrate logo um taxi pré-pago que possua preço tabelado – o guichê fica perto do portão de desembarque. A diferença de preço pode chegar a 300%.

O clima na Indonésia

Os termômetros de Bali raramente marcam menos de 28ºC. A estação chuvosa vai de novembro a abril, já a seca, de maio a outubro.

O período de chuvas é ideal para quem quer praticar rafting. Os surfistas preferem a estação seca. Se você não é nem um nem outro, talvez vá gostar de ir no finalzinho da estação chuvosa, em abril, e aproveitar o lugar com poucos turistas e preços ainda mais inacreditáveis.

UluWatu-Bali

Saiba mais sobre as monções asiáticas

Fuso Horário

UTC/GMT +8, ou 11 horas a mais que o Brasil. Isso significa que quando aqui for 9h, lá os relógios marcam 20h.

Telefone e internet

O código de telefonia internacional da Indonésia é o +62. Já o prefixo da ilha de Bali é 36. Internet wi-fi está disponível em um grande número de hotéis e restaurantes voltados para turistas.

Vai viajar? O seguro de viagem é obrigatório em dezenas de países e indispensável nas férias. Não fique desprotegido na Indonésia. Veja como conseguir o seguro com o melhor custo/benefício para o país – e com cupom de desconto.


Compartilhe!







KIT DE PLANEJAMENTO DE VIAGENS
Receba nossas novidades por email
e baixe gratuitamente o kit




Natália Becattini

Jornalista, escritora e mochileira. Viajo o mundo em busca de histórias e de cervejas locais. Já chamei muito lugar de casa, mas é pra BH que eu sempre volto. Além do 360, mantenho uma newsletter inconstante, a Vírgulas Rebeldes, na qual publico crônicas e contos . Siga também no instagram @natybecattini e no twitter.

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

15 comentários sobre o texto “Dicas de viagem para Bali, Indonésia

  1. ola me chamo Kaique estou procurando pessoas que queiram viajar para indonesia ou para outro lugar que seja! tenho 24 anos procuro pessoas de bem que queira conheçer lugares e pessoas novas, meu watshap: 63)984711610

  2. Olá
    Vou para Ásia em março por 30d, o roteiro terá Tailandia, Malásia Quantos dias me recomenda na indonesia ? E quais lugares visitar ?

    1. Hola Tatiana, depende do que você quer ver. Daria pra ficar o mês inteiro só em Bali, por exemplo. Eu ficaria mais tempo na Tailândia e Indonésia e deixaria menos dias para a Malásia. Sobre os lugares para visitar, depende do que você gosta: de festa, tranquilidade, surf, lugares mais chiquezinhos… Acho que esse post pode te ajudar a decidir: https://www.360meridianos.com/2014/03/onde-ficar-em-bali-melhores-praias.html

      Abraços!

  3. Bali é apaixonante mesmo! Meta de vida é morar na ilha por pelo menos uns meses para poder explorar ela por inteira! Tive oportunidade de ir a lugares maravilhosos quase desertos enquanto os turistas se espremem em Kuta, Seminyak… Percebi que no site de vocês existem muitas dicas sobre Bali, mas quase nada sobre a Ilha de Java! Acabei de voltar da Indonésia depois de morar por 4 meses em Malang em East Java e acredito que tenho boas dicas sobre explorar os melhores pontos turísticos, pelo menos os mais famosos, em Java Borobudur, Prambanan, Bromo.. Como faco para contribuir?

    1. Olá Fernando, realmente, não fomos na Ilha de Java (só rapidinho, para pegar um avião). Se você quiser, pode enviar seu texto para [email protected] pra gente avaliar. Gostamos de guestposts que foquem nas suas experiências e nas impressões que teve do lugar.

      Abraços 😉

  4. vou para Bali em Novembro e estou amando as dicas! O site de vcs é incrível, estou anotando tudinho!!!
    Eu moro na Nova Zelândia e vou sair daqui, e meus pais vão do BR me encontrar la.
    Minha mãe conseguiu passagem por USD 1.445 (já com taxas) ida e volta pela ETIHAD AIRWAYS, saindo de SP com conexão em ABU DHAB e KUALA LUMPUR. Fica a dica se quiserem atualizar o post!!
    Abraço

  5. Bom dia!

    Tenho mt vontade de ir pra bali…estou indo com uma amiga pra tailandia onde fico por 3 semanas. A ultima semana fico sozinha e estou planejando o que fazer. A principio iria pra bali, porém como não tem tranporte e vocÊ depende de taxi (ou carro com motorista) acho q vai ficar muito caro. Voce tem alguma dica de outro pais pra visitar sozinha q seja legal?

    1. Ei Etienne, realmente existem resorts bem em conta, mas quando a pessoa fecha o pacote do Brasil pode pagar caro por isso. Conheci brasileiros lá que estavam pagando 150 dólares na diária do resort, o mesmo orçamento que eu tinha para ficar 15 dias na ilhas em um hotel com chalés, piscina e internet.

      E a passagem é bem cara sim.

      Abraços

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.