Final de semana no Rio de Janeiro: dicas para curtir sem estresse

Passar um final de semana no Rio de Janeiro não é suficiente para conhecer todas as atrações dessa cidade maravilhosa. Ainda assim, considero que o Rio é o lugar perfeito para uma escapada de final de semana ou feriado prolongado. Isso porque dá para deixar todo o check list na gaveta e simplesmente aproveitar a cidade à moda carioca: com tranquilidade, esparramado na praia com a caipirinha em mãos.

Nesse post, separamos algumas dicas perfeitas para montar um roteiro de final de semana no Rio de Janeiro, sem cair na besteira de entrar na correria e voltar mais cansado do que foi. Se você tem mais tempo ou quer saber mais sobre os pontos turísticos clássicos, sugiro ler nosso guia completo com todas as atrações: O que fazer no Rio de Janeiro: roteiro e dicas de passeios.

No nosso guia de onde ficar no Rio de Janeiro, você encontra os melhores bairros para escolher sua hospedagem.

O que ver em um final de semana no Rio de Janeiro

Curtir as praias

Dá muito bem para passar o final de semana no Rio de Janeiro no esquema praia-hotel-praia. Nesse caso, vale a pena concentrar a visita na Zona Sul e escolher um hotel por lá também. Embora a praia de Ipanema seja melhor, em Copacabana você encontra hospedagem mais em conta e dá para caminha pelo calçadão até a praia vizinha, escolhendo o melhor ponto. O posto 9 de Ipanema é o mais badalado, mas fica cheio nos fins de semana. Se quiser mais tranquilidade, caminhe por Copa pelo lado oposto até a praia do Leme, que é mais vazia, ou tente achar um pedaço não tão cheio em Ipanema.

Encontre hotéis no Rio de Janeiro

Por ali, um programa que eu sempre acho que vale a pena é ver o por do sol no Arpoador, a grande pedra entre Ipanema e Copacabana. Chegue meia hora antes para ver o maior espetáculo natural do Rio, literalmente aplaudido por moradores da cidade e turistas que se reúnem ali todos os dias, em especial no verão, quando o sol se põe de cara pro Atlântico.

Final de Semana no Rio de Janeiro: curtindo as praias

Vista do calçadão de Copacabana

Quando cansar da praia, dá para visitar o Forte de Copacabana, ali mesmo no Arpoador, e comer na filial da tradicional Confeitaria Colombo que fica lá dentro. Outra ideia legal é alugar uma bicicleta e dar voltas pela bela Lagoa Rodrigo de Freitas e pelo Parque dos Patins, que fica ali (Av. Borges de Medeiros, s/n ). Lá tem um deck de madeira bem legal, de onde dá para tirar ótimas fotos, com vista para Lagoa e Corcovado.

Cristo Redentor e o Bondinho do Pão de Açúcar

Se é sua primeira visita, talvez você queira ver de perto os dois principais cartões postais da cidade. Nesse caso, leia aqui as dicas para visitar o Cristo Redentor e como é o passeio no bondinho do Pão de Açúcar. Como o tempo é curto, você pode escolher o que mais te interessar, mas dá para espremer os dois em um só dia.

Para isso, eu iria no Cristo pela manhã, mesmo que ele costume estar mais cheio a essa hora, e deixaria o bondinho para depois do almoço. Se você quiser ir no contra-fluxo de pessoas, inverta os passeios, mas eu gosto dessa ordem porque o Pão de Açúcar fica na Urca e ai eu já estaria perto de um dos meus programas favoritos no Rio: passar o finzinho da tarde na Mureta da Urca, que dá de frente para a Baía de Guanabara e tem um visual incrível. As pessoas costumam comprar cerveja no bar em frente e sentarem-se ali para apreciar a vista e o por do sol.

Vista da Mureta da Urca, no Rio de Janeiro

Final de semana no Rio de Janeiro: vista da Mureta da Urca

Tours e outros passeios para um final de semana no Rio de Janeiro

Se você tiver mais um dia ou não estiver nem um pouco interessado no Cristo e no Bondinho, uma boa ideia é fazer algum walking tour pela cidade. Eu gosto desse esquema porque é uma oportunidade de ver várias coisas em um tempo curto, o que é perfeito para um fim de semana. Se você gostar da sugestão, recomendo os tours do pessoal do Sou+Carioca, que oferecem diversos passeios temáticos por um precinho bastante camarada de R$10 por pessoa.

O projeto é da Gabriela Palma, amiga blogueira e empreendedora no ramo de turismo. A Naty já fez com eles o passeio pela Pequena África, a herança negra no Rio de Janeiro, e conta que vale muito a pena. Há diversos outros tipos de passeios, incluindo trilhas e aventuras nos arredores da cidade.

Outro programa legal é visitar os recém inaugurados Museu de Arte do Rio e o Museu do Amanhã, que estão coladinhos ali no centro. Sábado ainda é dia de feijoada no Bar do Mineiro, um dos mais tradicionais do Santa Teresa, e você pode aproveitar para descobrir o bairro mais descolado e charmoso do Rio de Janeiro.

Final de semana no Rio de Janeiro: restaurantes e vida noturna

Braseiro da Gávea, Baixo Gávea

Praça Santos Dumont, 116

O Baixo Gávea é muito legal porque a galera fica bebendo não só nos bares, mas na rua mesmo, sarjeta e garrafa na mão. E como é uma região próxima aos teatros, ali é um ponto certo para você ver artistas conhecidos ou do tipo subcelebridade cult. Fora esse aspecto no mínimo interessante, na região do Baixo Gávea fica o Braseiro da Gávea, um restaurante ótimo. Tipo, ótimo mesmo. Chopp gelado e a melhor picanha com batata frita e arroz com brócolis da vida. Eu salivo só de pensar nessa comida. E o melhor não é caro. Mas fica a dica, o Braseiro fica num lugar bem movimentado, tem comida boa e bom atendimento: isso significa que está sempre lotado. Site oficial.

Sambinha na Lapa

Eu amo a Lapa. Eu sairia na Lapa todos os dias, se pudesse. Aliás, eu já saí a noite lá de terça a domingo. Gosto do clima lá durante a noite, das pessoas, enfim, de tudo. Não teve nenhum lugar que eu não curti. Já fui num funk no Circo Voador, num sambão do Cordão da Bola Preta, num forró no Democráticos, num samba-rock no Rio Scenarium (alias, essa é a boate mais incrível, bonita e bem bolada que eu já vi) e num sambinha no Carioca da Gema. Os cinco lugares citados valem a pena e é importante lembrar que a programação é muito variada, agrada quase todo mundo. A Lapa é cheia de gente de todos os gostos.

Sorveteria Itália, Leblon

Tem unidades da Sorveteria Itália espalhados por vários bairros da cidade. Se você sai da praia de Ipanema, basta caminhar um pouco até chegar à filial do Leblon, que fica na Rua Almirante Guilhem, 317. O Sorvete é MUITO bom e tem vários sabores legais. Não é baratinho, mas vale a pena mesmo assim.

Belmonte, Flamengo

Tal como a sorveteria, o Belmonte é um boteco que tem para todo lado na Zona Sul. Já fui em outros, mas curto o do Flamengo por que está sempre bombando, faça chuva ou faça sol. A qualquer hora do dia tem gente naquele lugar. O Belmonte tem um bolinho de bacalhau sensacional, além de outras comidinhas gostosas e bom chopp. Não é caro. É menos frequentado por chiques e famosos do que o Braseiro, mas com certeza continua sendo muito legal.

Gostou das nossas dicas de final de semana no Rio de Janeiro? Não deixe de conferir os outros posts sobre a cidade.


Compartilhe!



Com o 360meridianos, você encontra as melhores opções para planejar a sua viagem. Confie em quem já tem prática no assunto!

 

Reserve seu hotel com o melhor preço e alto conforto

 


Veja as melhores opções para seguros de viagem

 


Transfira dinheiro para o Brasil e exterior com menos taxas

 


Alugue veículos com praticidade e comodidade

 




Quer 70 páginas de dicas (DE GRAÇA!)
para planejar sua primeira viagem?




Luiza Antunes

Sou jornalista, tenho 30 anos e moro no Porto, Portugal, quando não estou viajando. Eu já larguei meu emprego três vezes para viajar e finalmente encontrei uma profissão que me permite "morar no aeroporto". Já tive casa em quatro países diferentes, dei a volta ao mundo e cumpri minha meta de visitar 30 países antes dos 30. Mas o mundo é muito maior e, se puder, quero conhecer cada canto dele e inspirar vocês a fazer o mesmo. Siga @afluiza no Instagram

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

5 comentários sobre o texto “Final de semana no Rio de Janeiro: dicas para curtir sem estresse

  1. Já visitei a cidade do RJ em 3 oportunidades, inclusive passei um réveillon em Copacabana. A cidade no geral é linda, pena que é muito mal cuidada. A praia do Leme e Ipanema são incríveis, vale muito a pena passar a tarde e assistir o pôr do sol.

  2. Acompanho o blog de vocês e adoro as dicas de viagem.
    Assim como eu adoro viajar, possuo um blog onde dou algumas dicas também. Caso tenham interesse em dar uma olhada.
    Estamos neste mês com uma promoção em parceria com uma pousada de Búzios.Lá no site esta tudo explicadinho.
    Obrigada.

  3. Fala galera do blog, blz? Uma dúvida, como vcs se locomoveram no Rj? taxi é caro e transporte publico é valido ate se for pra sair a noite, ou compensa gastar um pouco mais e ir de taxi pela segurança? vlw

    1. Oi Yuri,

      O táxi no Rio não é caro, muito pelo contrário, é um dos mais baratos no Brasil, além de ser a maior frota.
      O transporte público lá também atende bem dependendo de onde você estiver hospedado. Mas não funciona 24h.

      abraço

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.