Tags:
Atlas: Inglaterra, Londres, Reino Unido

Como é o Tower Bridge Tour, em Londres

A visita à Tower Bridge, em Londres, é daqueles passeios que eu não me programei para fazer, mas uma vez lá, acabei curtindo bastante. Minhas irmãs estavam no Tour do Harry Potter e minha mãe queria muito conhecer a Torre de Londres. Eu não estava a fim de gastar mais de 20 libras num passeio que já tinha feito. Então, minha mãe foi sozinha e eu fiquei circulando pela região.

Foi quando reparei uma fila grande, mais ou menos no meio da Tower Bridge. Se você não sabe, ou não se lembra qual é a Tower Bridge, é a ponte mais famosa de Londres. Aqui ô:

Tower Bridge Londres contraluz

Como eu estava com tempo de sobra, fui verificar o porquê da fila e assim descobri o passeio. Custava 9 libras, mas como sou estudante, sairia por £6.30. Uma moça comentou que a fila andava rápido e eu resolvi esperar. Em 20 minutos eu já estava dentro.

Veja também: Onde ficar em Londres – os melhores bairros 

Como é a imigração em Londres

Tower Bridge Londres Entrada

A entrada da Exibição

O passeio consiste em quatro fases: primeiro você sobe um elevador até uma sala onde há a exibição de um filme, em inglês, contando a história da construção da ponte na perspectiva dos personagens históricos. É uma história interessante: lá no final do século 19, o aumento no movimento naquela região do leste de Londres passou a exigir a construção de uma nova ponte, já que a também famosa (mas nada charmosa) London Bridge não dava conta do movimento. O problema era que não poderia ser uma ponte comum, dada a existência de um porto e a passagem de barcos grandes naquela parte do rio Tâmisa.

Tower Bridge Londres video

O vídeo da Tower Bridge Exhibition

Em 1876, a prefeitura da cidade abriu uma concorrência para tentar encontrar uma solução para o problema, entre ideias fracas e mirabolantes, nada foi resolvido. Até que em 1884, um dos membros do comitê de avaliação dos projetos enviados, Sir Horace Jones, criou um projeto próprio e a ideia foi finalmente aprovada.

 O time de engenheiros dele, liderado por Sir John Wolfe Barry, pensou desenvolver uma ponte basculante, ou seja, ao invés de uma ponte só, duas pontes combinadas, que seriam capazes de se dividir e dar espaço para os barcos passarem. Nessa época isso não era muito comum, tanto que quando foi inaugurada, em 1894, era a maior e mais sofisticada ponte basculante do mundo, com todo um sistema hidráulico complexo, que pode ser visitado ao final do tour.

Uma informação muito curiosa é que a Tower Bridge não foi bombardeada durante a Segunda Guerra Mundial. É que os inimigos usavam a ponte como ponto de referência para navegação.

Na segunda fase do passeio, subimos algumas escadas e chegamos à parte que mais me interessava: a Passagem no Topo da Ponte. A passagem é dividida em duas e dali se tem uma vista privilegiada de Londres – e eu ainda dei a sorte de ser o momento do pôr do sol. Além disso, o lugar ainda conta com um chão de vidro através do qual a gente vê o fundo, 42 metros acima do Rio Tâmisa.

Tower Bridge Londres vista lado B

Tower Bridge Londres vista lado B

Tower Bridge Londres chão de vidro

Essa passagem era aberta ao público até 1910, mas acabou sendo fechada por falta de uso, já que a galera do início do século 20 ficava com preguiça de subir todos aqueles degraus e cruzava pelo nível da rua mesmo. Somente em 1982 foi aberta a Tower Bridge Exhibition. Na passagem, eles ainda fizeram uma exposição sobre outras pontes significativas ao redor do mundo.

E uma dica: apesar da passagem ser toda fechada, é possível abrir as pequenas janelas brancas ao longo do caminho para tirar fotos sem reflexo.

Tower Bridge Londres panorama 3

Tower Bridge Londres panorama 2

Depois ainda tem outro vídeo contanto a história da ponte ao longo do século 20 e, por fim, você vai até a antiga Sala das Máquinas, onde fica o sistema hidráulico original da Tower Bridge. Hoje em dia, o que levanta os basculantes é um sistema mais moderno, elétrico-hidráulico. É possível se programar para ver a ponte “em ação”, ou seja, ser suspensa para um barco passar. Basta consultar os dias e horários de funcionamento no site oficial da Tower Bridge Londres.

Tower Bridge Londres Sala das Maquinas

A Torre Bridge Exhibition fica aberta de 10h às 17h30 (abril a setembro) e 9h30 às 17h (outubro a março). A entrada para adultos custa 9 euros, com descontos para crianças, estudantes e idosos. Confira as informações exatas no site oficial.

Tower Bridge Londres Panorama 1

Por fim, se você quer saber meu veredito: acredito que o tour vale muito a pena se o dia estiver bonito e se você já foi à Torre de Londres. É um passeio interessante para conhecer mais sobre a história da cidade e ver num outro ângulo esse monumento tão importante. E a vista lá do alto é realmente magnífica.

Vai viajar? O Seguro de Viagem é obrigatório em dezenas de países da Europa e pode ser exigido na hora da imigração. Além disso, é importante em qualquer viagem. Veja como conseguir o seguro com o melhor custo/benefício e garanta promoções.


Compartilhe!



Com o 360meridianos, você encontra as melhores opções para planejar a sua viagem. Confie em quem já tem prática no assunto!

 

Reserve seu hotel com o melhor preço e alto conforto

 


Veja as melhores opções para seguros de viagem

 


Transfira dinheiro para o Brasil e exterior com menos taxas

 


Alugue veículos com praticidade e comodidade

 




Quer 70 páginas de dicas (DE GRAÇA!)
para planejar sua primeira viagem?




Luiza Antunes

Sou jornalista, tenho 30 anos e moro no Porto, Portugal, quando não estou viajando. Eu já larguei meu emprego três vezes para viajar e finalmente encontrei uma profissão que me permite "morar no aeroporto". Já tive casa em quatro países diferentes, dei a volta ao mundo e cumpri minha meta de visitar 30 países antes dos 30. Mas o mundo é muito maior e, se puder, quero conhecer cada canto dele e inspirar vocês a fazer o mesmo. Siga @afluiza no Instagram

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

7 comentários sobre o texto “Como é o Tower Bridge Tour, em Londres

  1. Eu não fui à Tower Bridge depois que eles deram um up na exposição e colocaram a passarela de vidro, precisava voltar para tirar a impressão ruim que tenho. Fui ha alguns anos e achei que nãso valia o preço na época, nem o tempo. Sua opinião até me deu uma animadinha de leve. Mesmo assim eu acho que a torre pelo lado de fora é o monumento mais lindo da cidade. Vejo todos os dias e não me canso!

  2. A Tower Bridge pra mim é uma das atrações turísticas que mais gosto no mundo. Conhecer ela foi sensacional. Conhecia de leve a história dela, pesquisada sobretudo depois de assistir ao Sherlock e ver “ela em construção”. Na minha próxima oportunidade em Londres não vou perder esse passeio. Sensacional! 🙂

    Algumas fotos da minha viagem, há 2 anos atrás!

    https://www.flickr.com/photos/squarefotografias/sets/72157652094144516/

  3. Saudade de Londres bateu forte agora 🙁 Eu lembro que eu tinha acabado de sair da Torre de Londres, fui na intenção de fazer o tour na Tower Bridge, mas acho que fiquei sem dinheiro, ou precisava comer mais tarde… pena! Pelo menos já tenho mais uma desculpa pra juntar com as outras centenas para voltar para lá!
    Beijão!

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.