Como encontrar trabalho voluntário no exterior

Como encontrar trabalho voluntário no exterior

Atualizado em abril/2017 – A ideia parece incrível: além de viajar, conhecer outras culturas e ter experiências únicas, você ainda pode contribuir, nem que for um pouquinho, com a comunidade que visita. Parece uma troca justa, não?

Mas na hora de colocar o plano em ação, surgem as dúvidas. Como encontrar uma oportunidade de trabalho voluntário no exterior? Em quais lugares devo pesquisar? Que tipo de trabalho vou fazer? Para onde ir? Quanto vou gastar? Será que essa organização e esse projeto são mesmo sérios? O quanto minha contribuição vai impactar na comunidade?

Desde que eu publiquei os posts sobre a minha experiência na África do Sul, recebi dezenas de comentários, emails e mensagens no Facebook de gente que queria uma experiência parecida, mas não sabia muito bem por onde começar. Para te ajudar a responder todas essas dúvidas, selecionei alguns links que podem servir como pontapé inicial na sua busca por um trabalho voluntário para as suas férias ou ano sabático.

Comece aqui: Dicas para fazer trabalho voluntário no exterior

Sites e organizações sobre trabalho voluntário no exterior

Idealist.org

www.idealist.org

Um dos maiores portais sobre voluntariado do mundo. Possui um banco com mais de 100 mil organizações que aceitam voluntários internacionais, em 180 países do mundo, todas analisadas e certificadas pela equipe do site. O sistema de buscas permite pesquisar por área de interesse ou locação.

Crianças tibetanas em Mcleod Ganj - Índia

Volunteer Vacations

http://volunteervacations.com.br

Empresa brasileira especializada em volunturismo que possui o diferencial de levar pessoas para países pouco usuais em outras empresas, como o Haiti, Gana e Afeganistão, além de outros destinos mais populares. Oferecem também pacotes de trabalho voluntário para atuar dentro do Brasil a partir de R$300. Uma das vantagens que eu vi nessa empresa é que os programas oferecidos no site me parecem mais encorpados, diferente de outras empresas do tipo na qual o voluntário nunca tem certeza se está ajudando de verdade.

Voluntary Services Overseas

www.vso.org.uk

Organização inglesa que leva voluntários para 30 países na Ásia e África. Os projetos ofertados são sérios e vão além dos genéricos “abrace um órfão”. Por isso, exige profissionais qualificados, entre 25 e 75 anos e com no mínimo dois anos de experiência. Os voluntários são selecionados para postos de trabalho voluntário que condizem com sua área de atuação, como medicina, engenharia e educação. Também possui um programa para jovens entre 18 e 25 anos.

WorkingAbroad

www.workingabroad.com

Possui um banco de oportunidades de trabalho voluntário no mundo inteiro, nas áreas de conservação marinha, preservação da vida selvagem, educação, desenvolvimento de comunidades, educação ambiental, saúde e muitas outras. Possui também um banco de estágios, muitas vezes não remunerados ou com apenas uma ajuda de custo, na área ambiental.

Global Volunteer Network

www.globalvolunteernetwork.org

ONG com sede na Nova Zelândia que leva voluntários do mundo inteiro para projetos em diversos países. Possui status de consultor especial do Conselho Econômico e Social das Nações Unidas. Os projetos são vendidos em forma de pacotes, que podem ser cobrados por dia ou semana. 

Lha Social Work

www.lhasocialwork.org

trabalho voluntário no exterior - McLeod Ganj

ONG que dá suporte à comunidade tibetana refugiada em McLeod Ganj, uma pequena vila incrustada no himalaia indiano. Possuem oportunidades para ensino de línguas e informática, comunicação, fotografia, direitos humanos, ioga, fundraising, saúde, alimentação e saneamento básico. Voluntários que vão contribuir por menos que um mês não precisam se candidatar com antecedência. Basta procurar a sede da ONG em McLeod e ver em que tipo de serviço suas habilidades seriam melhor aproveitadas.

AIESEC

www.aiesec.org.br

Organização apartidária, independente, educacional, sem fins lucrativos e totalmente formada e gerenciada por estudantes universitários. Possui oportunidades de trabalho voluntário e estágios remunerados em mais de 110 países. Para se candidatar a uma vaga é preciso ter menos de 30 anos, estar matriculado em algum curso de graduação ou pós-graduação ou ter se formado há até dois anos.

No entanto, escolher uma vaga de trabalho voluntário lá pode ser um tiro no escuro: muitos proporcionam experiências incríveis, como já relatamos várias vezes aqui no blog, mas há projetos que nem mesmo existem. As oportunidades remuneradas costumam ser melhores. Vale dizer também que a AIESEC é uma das formas mais baratas de viajar pelo mundo e ter experiências de intercâmbio, o que é um ponto a favor.  A equipe do 360 já viajou duas vezes com a AIESEC: para a Índia e Argentina. 

You2Africa

you2africa.com

Cape-Town-Africa-Sul

ONG que me levou para a África do Sul, possui projetos em educação, meio ambiente e desenvolvimento de comunidades em diversas cidades do país. É possível combinar o trabalho voluntário com cursos de inglês em Cape Town.

Rotary Club

www.rotary.org

Recruta profissionais para atuar em projetos condizentes com sua área de atuação em diversos países. Possui também oportunidades de voluntariado local, nas quais o interessado vai trabalhar em projetos em sua própria comunidade ou região. Para se inscrever, é preciso retirar o formulário na sede do Rotary mais próxima de você.

Já chamei de casa a Cidade do Cabo, Chandigarh, Buenos Aires e Barcelona, mas acabo sempre voltando pra minha querida BH. Gosto de literatura, cervejas, música e artigos de papelaria, mas minha grande paixão é contar histórias. Por isso, desde 2011 viajo o mundo e escrevo sobre o que vi. Também estou no blog sobre escrita criativa Oxford Comma.

Siga @natybecattini no Instagram

45 comentários em Como encontrar trabalho voluntário no exterior

  1. Oi Nathalia eu nao tenho uma faculdade estou cursando tecnico profissionalizante,
    será que tem voluntariado para pessoas que nao tem formação ? quais sao os passos a ser tomados .
    No aguardo obrigada

    Elisangela

    • Elisangela, esses que eu citei não precisam de formação, inclusive são muito feitos por estudantes que acabaram de terminar a escola e tiram um ano antes da universidade. O processo é o mesmo!

      Abraços

  2. Oi Natalia,

    não sei se este é o local correto pra esta dúvida, mas eu queria saber se, no caso de uma viagem para os EUA utilizando o Workaway para trabalhar em troca de hospedagem, eu preciso de um visto de trabalho voluntário ou pode ser de turista mesmo?

    Obrigado!

  3. Olá gostei muito do seu site gostaria de ser voluntária em educação em países de língua portuguesa mas não consigo achar nenhum todos estão em inglês. Meu sonho e passar um tempo me dedicando as crianças com necessidades especiais. Sou orientadora educacional especialização em educação especial. Caso vc tenha um site em que eu possa me inscrever por gentileza compartilhe. Obrigada

      • Oi!!!
        Me chamo Roberta, sou enfermeira, já há muito tempo venho tendo vontade de me dedicar para o voluntariado, com intuito de contribuir para melhorar ou ajudar pessoas, mesmo que por um curto espaço de tempo, bom, mas nunca consegui, por desconhecimento, por não sab e por onde começar, gostaria muito de colaborar com trabalho na área da saúde na África, você teria algo para indicar?

        • Ei Roberta, não faço indicação de programas específicos, porque isso é muito pessoal. Acho que cada um tem que pesquisar e escolher aquela que acha que vai gostar e conseguir ajudar mais. No entanto, eu posso ajudar com o processo, dar uma ideia de como começar e onde procurar. Você diz que não sabe por onde começar, mas nesse post mesmo eu cito um monte de organizações que você pode entrar para descobrir os programas e o tipo de voluntariado que elas oferecem. Esse é um bom caminho. Todas elas são confiáveis 🙂 . Também já escrevi vários textos sobre o tema aqui e recomendo que você leia todos porque eles dão dicas de como escolher e também contam um pouco da minha experiência: http://www.360meridianos.com/tag/trabalho-voluntario

          Volte aqui sempre que tiver dúvidas!

          Abraços! 🙂

  4. Oi Natália!
    Você sabe me indicar um site para pesquisar intercambio de idiomas com trabalho voluntário?
    Tenho interesse em lugares onde se fala o espanhol (na América do sul).

    Grata!

    • Eu Nati!

      Há alguns programas que combinam aulas de idioma com trabalho voluntário vendidos por agências de intercâmbio, mas costumam ser carinhos. Você também pode entrar em contato com ONGs e outras organizações para ver se eles recebem voluntários ou têm algum programa e, quando tiver lá, se esforçar para falar espanhol todo o tempo ou procurar grupos de intercâmbio de línguas na própria cidade.

      Abraços

    • Aline, não entendi bem o que você precisa… Nunca ouvi falar disso, para que país é? Seria uma carta para a organização ou para obter o visto? Explique melhor e tentamos te ajudar!

      Abraços

  5. Oi Natalia, estou num momento critico da vida, e penso no trabalho voluntario como uma valvula de escape.
    Tudo o que vi ate agora pede dinheiro pra se voluntariar, eu não dinheiro pra pagar intercâmbio ou algo assim, vou ter a grana da passagem de ida e volta basicamente.
    vc teria como me indicar algum site que gerencie e ofereça oportunidades pra o que eu preciso ?

  6. Ola Natalia, Existe o site workaway.info, muito interessante pois é uma troca, sem custo para o voluntário, acomodação por umas horas de serviço por dia. Tem gente que hospeda apenas para bater papo, aprendendo a lingua por exemplo. Oportunidades no mundo todo. Ótimo para quem quer tirar um tempo sabático viajando sem gastar quase nada.

    • Olá Francisco, não somos uma agência e não oferecemos esse tipo de trabalho. Somos apenas um blog que tenta ajudar as pessoas através dos relatos de nossas experiências.

      Abraços

  7. Gostei muito das dicas! Pretendo fazer intercâmbio pela AIESEC ano que vem mas fiquei um pouco receosa com o que foi falado no post. Tem alguma forma além de pegar um intercâmbio remunerado de se certificar de que não será uma furada?

    Obrigada!

    • Andrea, a única forma é escolhendo um bom projeto e tentando descobrir a reputação da AIESEC local, conversar com gente que fez o mesmo intercambio, essas coisas.

      Abraços

  8. Boa noite !gostaria muito de conhecer outros países sou especialista em atendimento e trabalho como vencedora. Gostaria de saber como faço para fazer isso .

  9. Olá Natália. Sou publicitário e fotógrafo profissional e gostaria de saber se todas as oportunidades exigem o idioma inglês. Digo isso porque não domino a língua mas adoraria participar de algum projeto.

    Obrigado

  10. SOU MOTORISTA E PINTOR E ADORARIA FAZER TRABALHO VONLUTARIO PRINCIPALMENTE AGORA QUE ESTOU DESEMPREGADO E POSO FAZER ALGO PRA AJUDAR O PROXIMO COMO EU DEVO FAZER ISTO TB SOU UM POUCO CUZINHEIRO E SOU MUITO DEDICADO GOSTARIA DE PRATICAR EU E MINHA ESPOSA FERNANDA FLORINDA NOSSO TEL 0414396775765 OU 43-33514741 ESTAMOS AGUARDANDO

    OBRIGADO

  11. Sou Assistente Social ja trabalhei como voluntaria em duas instituiçao,uma Ong que atendia todos que procurava para solicitar pedido de ajuda.,fazendo triagem pedia para aguarda .outra Ong trabalhei jovens aprendiz fazendo triagem reuniao pais para informar sobre o trabalho do aprendiz.Gostaria sobre trabalho .voluntario em pais como agentina ,pois moro no Brasil gostaria de aprender de passar conhecimento do que aprendi. Obrigada.

  12. Meu sonho ajudar la fora sou construtor civil entre outras areas do ramo mas não sei por onde começar pretendia sair de muchilao aqui na América do Sul as talvez minhas mãos façam melhores atos em paises em gerra ajuda ae valeu

  13. Olá , Natália .
    Sou esteticista pet , faço de tudo na area de beleza e bem estar para cachorros e gatos .
    Existe algum trabalho de volutario nessa Area ?
    obrigado desde já .

  14. Olá, Natália, o que você achou da ONG You2Africa? Ela contemplou as atividades oferecidas no projeto? De acordo com sua experiência, recomendaria outra ONG? Agradeço desde já.

    • Ei Luíza, como recebemos muitas dúvidas, fica difícil responder a todo mundo por email. Peço que deixe suas perguntas nos comentários mesmo do blog que a gente vai se esforçar para ajudar.

      abraços

  15. Adorei o post! Já penso em fazer mochilão + voluntarismo há um tempo, mas tenho essa dúvida que me mata: nessas organizações/associações disponibilizam alojamento/alimentação ou alguma coisa assim pros viajantes que querem ajudar?

    A AIESEC eu já sei como funciona, mas as outras não conheço e queria saber se funcionam basicamente como a AIESEC, disponibilizando moradia e alimentação, ou isso muda de uma organização pra outra.

    • Ei Manuela, a maior parte dos programas oferece pacote com hospedagem e muitas vezes alimentação. No entanto, isso precisa ser conferido em cada caso. Na maior parte das vezes, você precisa pagar.

      Abraços!

Deixe um comentário