Viajar é simples

Viajar é simples, quem complica é a gente. Você não precisa de nada além de um passaporte, uma mala pequena, uma passagem e um canto para dormir. Tem quem banque até desembarcar em um destino sem ter lido uma linha sobre ele antes, mas isso não é pra todo mundo.

Extremos de lado, tem hora que eu vejo tudo ficar grande demais, difícil demais, detalhado demais. E eu até entendo: muitas vezes, aquela vai ser a única viagem que a pessoa vai fazer em um ano. Junta a expectativa, a ansiedade, a vontade de ser perfeito e você tem prato cheio para a complicação.

Orla Colonia del Sacramento

Vejo gente preocupadíssima porque não conseguiu descobrir qual o exato local de parada do ônibus que leva do ponto A ao ponto B. Ou que vasculhou os confins da internet em busca da programação mais eficiente e não encontrou, porque isso não existe.

Por mais que você tente, não dá para desvendar um destino inteiro de frente para a tela do computador. Mas, chegando lá, as coisas se desenrolam, acontecem e na maior parte das vezes são mais fáceis que a gente previu

Sem perceber, a gente transforma uma experiência que deveria ser leve em mais um foco de estresse, em mais uma variável pra gente controlar e perder a chance de dessa vez, só dessa vez, deixar a vida fluir. Sim, é bom saber um pouco sobre o destino e o seu roteiro para evitar comer mosca. Não, você não precisa ter cada detalhe da sua viagem esmiuçado em uma planilha, cronometrado, anotado e decorado.

floresta - arvores -mulher

Não tem segredo na receita: compre passagens, embarque e explore. Programe-se para ver as atrações que mais te interessam, mas deixe espaço na agenda para o acaso. Permita-se acordar sem despertador na maior parte dos dias. Ou ler um livro em uma praia ou parque por uma tarde inteira sem sentir que você está perdendo alguma coisa. Sem pensar que você não vai conseguir ver aquela atração lá do outro lado da cidade e que, no fundo, você nem queria ver tanto assim, mas parece quase uma heresia não cumprir o top 10 turístico daquele guia.

Fotos: Pixabay e 360meridianos

Clube Grandes Viajantes

Olá, somos a Luíza Antunes, o Rafael Sette Câmara e a Natália Becattini. Há 10 anos fazemos o 360meridianos, um blog que nasceu da nossa vontade de conhecer outras terras, outros povos, outras formas de ver o mundo. Mas nós começamos a sonhar com a estrada ainda crianças e sem sair de casa, por meio de livros sobre lugares fantásticos. A gente acredita que algumas das histórias mais incríveis do mundo são sobre viagens: a Ilíada, de Homero, Dom Quixote, de Cervantes; Harry Potter, Senhor dos Anéis e Guerra dos Tronos. Todo bom livro é uma viagem no tempo e no espaço. E foi por isso que nasceu o Grandes Viajantes: o clube literário do 360meridianos. Uma comunidade feita para você que ama ler, escrever e viajar.

Somos especialistas em achar livros raros, já esquecidos pelo tempo. Fazemos a curadoria de crônicas, contos e histórias de escritores e escritoras incríveis, que atualizamos numa edição moderna e bonita. A cada mês você receberá em seu e-mail uma nova aventura sempre no formato de livro digital, que são super práticos, para você ler onde, quando e como quiser.

Além do livro raro e do bônus exclusivo, recompensas que todos os nossos associados recebem, oferecemos duas experiências diferentes à sua escolha:

1) Para quem quer se aprofundar nas histórias e conhecer pessoas com interesses parecidos;< br/>
2) Para quem, além de ler, também quer escrever seus relatos.

Conheça cada uma das categorias e escolha a que combina melhor com você. Venha fazer parte do Clube Grandes Viajantes.

recompensas clube recompensas clube


Compartilhe!







KIT DE PLANEJAMENTO DE VIAGENS
Receba nossas novidades por email
e baixe gratuitamente o kit




Natália Becattini

Jornalista, escritora e mochileira. Viajo o mundo em busca de histórias e de cervejas locais. Já chamei muito lugar de casa, mas é pra BH que eu sempre volto. Além do 360, mantenho uma newsletter inconstante, a Vírgulas Rebeldes, na qual publico crônicas e contos . Siga também no instagram @natybecattini e no twitter.

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

23 comentários sobre o texto “Viajar é simples

  1. Concordo plenamente. Em uma viagem para Barcelona que não ia lá muito bem, deixamos os planos de lado para relaxar em um restaurante nas Ramblas e tudo mudou da água para o vinho. É preciso se deixar levar…

Carregar mais comentários
2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.