fbpx
Tags:

7 fotógrafas famosas (ou nem tanto) de viagem

Como em qualquer área profissional, criativa ou não, o número de fotógrafas famosas e reconhecidas pelo seu bom trabalho sempre é muito menor que o de homens.

Além disso, soma-se o peso que é ver uma mulher sozinha com uma câmera na mão passando por guerras, montanhas, mares, pessoas e paisagens em função de nos mostrar sua visão daquele outro mundo.

Quanto maior a diversidade de olhares sobre um tema, menos unilateral é nossa percepção. Além disso, tal como a velha máxima diz, uma imagem vale mais do que mil palavras e por isso listamos aqui sete fotógrafas maravilhosas: algumas que fizeram grandes contribuições para a história da fotografia e outras que estão hoje construindo essa história.

Todas têm em comum a paixão por viajar e criar projetos fotográficos sobre os lugares onde nasceram ou que visitam.

Fotógrafas famosas de viagem para conhecer

1. Margaret Bourke-White

Bourke-White foi muito importante para a história da fotografia: foi a primeira mulher a fazer parte de um time de fotógrafos numa revista – isso nos anos 1930. E foi uma das poucas mulheres creditadas como correspondes de guerra pelo exército dos Estados Unidos, isso durante a Segunda Guerra Mundial.

Seu trabalho como fotojornalista a levou a documentar a Grande Depressão na área rural dos Estados Unidos, a vida na União Soviética e a guerra entre a Índia e o Paquistão. Ela também ficou famosa por tirar uma foto de Mahatma Gandhi horas antes deles ser assassinado. Margaret publicou dez livros com seu trabalho ao redor do mundo e certamente inspirou várias mulheres desta lista.

fotógrafas famosas

LOUISVILLE FLOOD, KENTUCKY, 1937

2. Carole Alfarah

Alfarah é uma fotógrafa da Síria, nascida em Damasco, em 1981, cujo trabalho fotográfico representa majoritariamente o conflito em seu país, em curso desde 2011. Seu objetivo com as imagens não era retratar a guerra em si, mas mostrar as pessoas que seguiram vivendo ali. São alguns dos registros mais complexos e interessantes sobre o conflito e a vida dos sírios, tiradas entre 2012 e 2014. Atualmente, Carole segue documentando a vida dos refugiados, com o projeto “Waiting in Limbo“.

fotógrafas famosas

December 2012, Syria by Carole Alfarah

3. Ariana Lindquist

Uma bolsa de fotografia da fundação Fulbright levou Lindquist até a China para uma pesquisa de um documentário fotográfico. Ela gostou tanto de explorar o país e as pessoas que acabou ficando lá por seis anos. Claro, nesse tempo também passou viajando por todo canto e fotografando para importantes publicações. Já teve vários de seus trabalhos premiados. Seu projeto de fotos sobre cultura alimentar no mundo é simplesmente incrível: você pode conferir parte desse trabalho e vários outros projetos no site oficial de Ariana.

fotografia de viagem

Global: Food Culture, Ariana Lindquist. Fonte

4. Yoshino Ōishi

A japonesa Ōishi nasceu em 1944 e foi uma fotojornalista que trabalhou em lugares como o oeste da África, o Sudeste Asiático Europa. Suas visitas ao Vietnã e Camboja, em 1966, influenciaram bastante seu olhar sobre o mundo: ela inclusive publicou um livro com um projeto fotográfico sobre o Vietnã pós-guerra. Ganhou diversos prêmios ao longo da sua carreira e tem uma coleção permanente de seu trabalho exposto no Tokyo Metropolitan Museum of Photography. Uma série especial de seu trabalho é a que tem as fotografias de mulheres que sobreviveram à bomba atômica de Hiroshima. Infelizmente, é bem difícil achar fotos da Ōishi na internet.

mulheres que fotografam viagem

5. Ella Maillart

Nascida em 1903, Maillart era uma fotógrafa suíça e também escritora de viagens, esportista e aventureira. Passou boa parte da década de 1930 explorando a União Soviética e Ásia. Publicou livros cujos testemunhos são referência histórica e fotos que fazem parte de galerias de vários museus pelo mundo. Ela cruzou a China em 1935 numa jornada de sete meses, passando por desertos e montanhas do Himalaia, com o objetivo de cobrir conflitos na região naquela época. Esteve no Afeganistão, Irã, Turquia e fez uma viagem de carro de Genebra a Kabul. Todas essas aventuras devidamente documentadas em fotos e livros. Ella morreu em 1997.

história da fotografia

Mais fotos de Ella no site oficial 

6. Kristen Ashburn

Ashburn é uma fotojornalista dos Estados Unidos. Nascida em 1973, começou sua carreira fotografando o impacto da AIDS no sul da África (você pode ver um TED Talk dela sobre o assunto). Depois disso, seguiu viajando pelo mundo e cobrindo importantes eventos, como bombardeios suicidas em Israel, o tsunami no Sri Lanka e o furacão Katrina em Nova Orleans.

Com tantos projetos, seu trabalho já apareceu em grandes jornais e revistas do mundo inteiro e foi premiado inúmeras vezes. Um de seus trabalhos mais interessantes foi sua atuação como diretora do projeto “Through the Eyes of Children: The Rwanda Project“, em que órfãos do genocídio de 1994, na Ruanda, aprenderam fotografia e depois receberam apoio para vender as imagens.

fotografia história

Mais fotos de Kristen no Word Press Photo

7. Farzana Wahidy

Nascida no Afeganistão, em 1984, Wahidy é fotojornalista e fotógrafa documental, a primeira mulher do Afeganistão a trabalhar com agências internacionais como a AP e AFP. Seu trabalho mais conhecido são as séries fotográficas de mulheres e meninas no seu próprio país, discutindo seus papéis numa sociedade segregada. Seus trabalhos foram premiados por importantes instituições, como a National Geographic e a Open Society Institute. Ela também tem uma série de fotos sobre o Ártico no Canadá, graças a uma bolsa que ganhou para estudar no país por dois anos.

fotógrafas famosas de viagem

Mais fotos no site oficial de Farzana

Quer aprender a fotografar bem de verdade?

Vou indicar um curso online de fotografia que é muito bom, o Caçadores de Imagens. São 60 aulas – quase 20 horas de conteúdo exclusivo e original.

Os professores, a Lígia e o Charles, são fotógrafos profissionais há mais de uma década e já comandaram uma grande escola de fotografia em Belo Horizonte, que na época era uma das maiores do Brasil. A equipe do 360 estudou na escola deles, entre 2014 e 2015, e indica de olhos fechados.

Há três anos eles se mudaram para o Japão e passaram a dar aulas somente online. Mais de dois mil alunos já fizeram o curso Caçadores de Imagens, que tem sete módulos: introdução, desenvolvimento de olhar fotográfico, formação técnica, cores, composição, iluminação e photoshop para fotógrafos digitais.

O curso Caçadores de Imagens garante certificado e você terá um grupo exclusivo no Facebook para interagir com os professores e com outros alunos. Saiba mais aqui.

Clube Grandes Viajantes

Assine uma newsletter exclusiva e que te leva numa viagem pelo mundo.
É a Grandes Viajantes! Você receberá na sua caixa de email uma série de textos únicos sobre turismo, enviados todo mês.
São reportagens aprofundadas, contos, crônicas e outros textos sobre lugares incríveis. Aquele tipo de conteúdo que você só encontra no 360 – e que agora estará disponível apenas para nossos assinantes.
Quer viajar com a gente? Então entre pro clube!

Avalie este post

Compartilhe!







Banner para newsletter gratuita

Receba grátis nosso kit de Planejamento de Viagem

Eu quero!

 

 




Luiza Antunes

Sou jornalista, tenho 34 anos e atualmente moro na Inglaterra, quando não estou viajando. Já tive casa nos Estados Unidos, Índia, Portugal e Alemanha, e visitei mais de 45 países pelo mundo afora. Além de escrever, sempre invento um hobbie novo: aquarela, costura, yoga... Siga minhas viagens em @afluiza no Instagram.

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

2 comentários sobre o texto “7 fotógrafas famosas (ou nem tanto) de viagem

  1. Eu estou adorando visitar seu blog, e ler os seus posts…. São muitos legais, e interessantes…. Sempre estou passando aqui para desfrutar de seus posts…..

    Parabéns !!!!

    Posso compartilhar este artigo no meu Facebook ?

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.