Tags:
Atlas: Madrid, Espanha

Seguindo os passos de Hemingway em Madrid

“Almoçamos no primeiro andar do Botín. É um dos melhores restaurantes do mundo. Comemos leitão assado e bebemos Rioja Alta.” A frase é do escritor americano Ernest Hemingway, em O Sol Também Se Levanta, de 1927, mas bem que poderia ser de qualquer turista em Madrid, na Espanha. É que o Botín não é fictício: ele existe e tem um baita orgulho próprio: o de ser o restaurante mais antigo do mundo, em funcionamento desde de 1725.

Hemingway nasceu nos Estados Unidos, em 1899. O autor dos clássicos “O velho e o mar” e “Por quem os sinos dobram” tem ligação com várias cidades – ele fez parte do grupo dos expatriados de Paris e viveu em Cuba, mas tinha afeição especial por Madrid.

Hemingway, também jornalista, trabalhou como correspondente durante a guerra civil da Espanha. Durante o tempo em que viveu na cidade – e também nas várias visitas seguintes, décadas mais tarde – Hemingway frequentou muitos lugares e fez seus personagens passarem por outros tantos, agora transformados numa espécie de via sacra para os fãs do escritor. O Botín é apenas um deles.

Botín - O Restaurante mais velho do mundo em Madrid

Planeje sua viagem: Onde ficar em Madrid

Tendo mais para o Fitzgerald que para o Hemingway, mas nem por isso iria deixar passar a oportunidade de trilhar os passos de um escritor da geração perdida. Por isso resolvemos procurar o Botín – e também outros lugares que fazem parte do Hemingway tour.

O restaurante fica perto da Plaza Mayor, um dos mais importantes pontos turísticos de Madrid. Após uma curta caminhada chegamos ao endereço indicado: A rua Calle Cuchilleros, número 17. Reza a lenda que fãs do escritor costumavam até chegar na rua certa, mas erravam de restaurante, o que levou um outro estabelecimento a colocar um enorme aviso na porta: “Hemingway nunca comeu aqui”. Nós não tivemos dificuldades para achar o restaurante: é um lugar concorrido e até com fila de espera. Entramos na primeira sala, um lugar pequeno, com algumas mesas e decoração antiga.

Depois de alguns minutos de espera, fomos levados para dentro da cozinha. Após uma parada rápida para tirar fotos dos cozinheiros – afinal não é sempre que você vai a um restaurante de 286 anos, seguimos até uma sala lateral, onde havia mais mesas. A especialidade da casa é o o leitão assado, citado no livro de Hemingway. Uma rápida olhada no cardápio nos mostrou que o salário do Hemingway jornalista devia ser um pouco maior que a verba de três jornalistas brasileiros em viagem de volta ao mundo (#pobres). Mas pelo menos aproveitamos para conhecer o local.

Plaza Mayor Madrid

Plaza Mayor, Madrid, Espanha

Outros lugares que Hemingway gostava e costumava frequentar em Madrid também são obrigatórios para os fãs do escritor. Fica aqui o roteiro. Basta começar a peregrinação.

Lugares favoritos de Hemingway em Madrid:

Plaza Mayor,  um dos pontos turísticos mais importantes de Madrid.

Cervejaria Alemana, na Plaza de Santa Ana. A mesa favorita de Hemingway ainda continua no local.

Museu do Prado, um dos mais importantes da Europa.

Plaza de Toros Las Ventas (o escritor adorava touradas).

Vai viajar? O Seguro de Viagem é obrigatório em dezenas de países da Europa e pode ser exigido na hora da imigração. Além disso, é importante em qualquer viagem. Veja como conseguir o seguro com o melhor custo/benefício e garanta promoções.


Compartilhe!



Com o 360meridianos, você encontra as melhores opções para planejar a sua viagem. Confie em quem já tem prática no assunto!

 

Reserve seu hotel com o melhor preço e alto conforto

 


Veja as melhores opções para seguros de viagem

 


Transfira dinheiro para o Brasil e exterior com menos taxas

 


Alugue veículos com praticidade e comodidade

 




Quer 70 páginas de dicas (DE GRAÇA!)
para planejar sua primeira viagem?




Rafael

Quando criança, eu queria ser jornalista. Alcancei o objetivo, mas uma viagem de volta ao mundo me transformou em blogueiro. Já morei na Índia, na Argentina e em São Paulo. Em 2014 voltei para Belo Horizonte, onde estou perto da minha família, do meu cachorro e dos jogos do América. E a uma passagem de avião de qualquer aventura. Siga minhas viagens também no instagram, no perfil @rafael7camara no Instagram

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

5 comentários sobre o texto “Seguindo os passos de Hemingway em Madrid

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.