fbpx
Tags:
Atlas: Alentejo, Monsaraz, Portugal

O que fazer em Monsaraz, Portugal: uma vila medieval no Alentejo

A vila de Monsaraz, em Portugal, compõe uma das paisagens mais lindas do Alentejo. Nesse texto, você descobre tudo o que visitar Monsaraz: como chegar, o que fazer por lá, dicas de hotel e restaurantes, o que conhecer nos arredores, com passeios a vinícolas e a praia fluvial na Barragem de Alqueva.

Leia também:
Roteiro de viagem completo pelo Alentejo
O que fazer em Évora: todas as atrações
O que fazer em Marvão, Portugal: uma vila histórica no Alentejo
• Vila Viçosa: visita a vila alentejana e a história da Dinastia de Bragança
• Elvas, em Portugal: o que fazer na cidade fortificada

monsaraz portugal

Onde fica Monsaraz: mapa e como chegar

A vila e castelo de Monsaraz faz parte do conselho de Reguengos de Monsaraz, mas fica a uns 15 quilômetros de distância. Fica no alto de uma colina, na beira da Barragem de Alqueva.

A distância de Évora a Monsaraz é de 56 km ou cerca de 50 minutos de carro. Já de Lisboa a Monsaraz são 185 km ou cerca de 2 horas.

Não tenha dúvidas que a melhor forma é ir de carro, porque só assim você conseguirá visitar a vila e os arredores, como a praia fluvial, os vinhedos, os monumentos megalíticos e outras aldeias na beira da Barragem de Alqueva. Saiba como alugar um carro em Portugal.

Há ônibus/autocarros da Rede Expressos e da RodoAlentejo que chegam em Reguengos de Monsaraz, partindo de Évora. O restante do trajeto precisa ser feito de táxi /uber.

monsaraz portugal

História da Vila Medieval e do Castelo de Monsaraz

A história de Monsaraz é bastante parecida com a de outras vilas fortificadas do Alentejo. Tinha uma posição privilegiada, no topo de uma colina, que fez com que fosse ocupada desde a pré-história até o período romano por diversos povos.

No século 8, com as invasões muçulmanas na Península Ibérica, caiu sob domínio islâmico. Passou a se chamar Saris ou Sarish, e pertencia ao reino de Badajoz.

Em 1167, foi conquistada por um português chamado Geraldo Sem Pavor. Porém, com a derrota do primeiro rei português, D. Afonso Henriques, em Badajoz, caiu novamente no poder dos árabes.

Foi com os cavaleiros templários, na época do governo de D. Sancho II, neto de D. Afonso, que Monsaraz foi reconquistada definitivamente. Isso foi em 1232. Acabou sendo doada para a Ordem dos Templários.

monsaraz portugal

Somente em 1385 volta à coroa portuguesa, após uma série de conflitos. A Casa de Bragança fez com que a Vila de Monsaraz e sua produção de vinho, azeite e artesanato, fosse uma das mais preciosas fontes de rendimentos. Além disso, como era praticamente inexpugnável, formava um poderoso sistema defensivo com outras cidadelas e teve um papel importante nos conflitos portugueses durante o período medieval.

No século 19, após a guerra civil portuguesa, passou a fazer parte do conselho de Reguengos. Desde então, manteve as produções regionais e ainda cresceu como um importante ponto turístico português.

monsaraz portugal

Vai viajar? O Seguro de Viagem é obrigatório em dezenas de países da Europa e pode ser exigido na hora da imigração. Além disso, é importante em qualquer viagem. Veja como conseguir o seguro com o melhor custo/benefício e garanta promoções.

Visita à Vila e Castelo de Monsaraz, Portugal

Imagine um castelo com muralhas feitas de pedra de xisto e casas pintadas de branco, com flores na janela. Construído no alto de uma serra, esse castelo dos sonhos tem uma vista incrível dos arredores, incluindo um grande lago, que mistura azul, dourado e o verde dos campos.

Em poucos minutos você caminha de uma ponta a outra da vila murada, mas dá vontade de ficar ali horas e horas, passeando pela bucólica e agradável cidadezinha, circulando pelo ziguezague de casas brancas e muros, observando a paisagem e vagando pelo castelo bem conservado.

O castelo de Monsaraz é uma construção do século 13 cuja entrada é gratuita. O estacionamento da cidade fica do lado de fora das muralhas, ou seja, é um passeio livre de carros. Além disso, na subida há um belo mirante para o lago da barragem.

monsaraz portugal

Há quatro portas de entrada pelas muralhas: a Porta da Vila, protegida por dois torrões e que é a principal; além da Porta d’Evora, a Porta d’Alcoba e Porta do Buraco.

Recomendo uma passeada no Posto de Turismo assim que chegar, onde você pode se informar sobre possíveis atividades e eventos na vila e arredores.

A Igreja de Nossa Senhora da Lagoa, construída no século 16, é bem simples, mas bonita. El foi construída em substituição à igreja original, que era gótica, mas foi destruída porque acreditavam estar contaminada pela peste. Você encontra também outros templos na cidade, como a Igreja de São Tiago, uma construção do século 13 que foi restaurada e hoje é um espaço cultural.

monsaraz portugal

monsaraz portugal

Outro lugar que vale a pena conhecer é a Casa da Inquisição, que fica na Rua do Quebra-Costas. O lugar é um centro interativo que conta a história dos judeus em Monsaraz, que chegaram a ser perseguidos pela Igreja Católica. Apesar do nome, a casa nunca foi utilizada como tribunal da Inquisição, mas sim como uma prisão temporária antes que os presos fossem transferidos para Évora.

Bares e Restaurantes em Monsaraz

Dentro das muralhas de Monsaraz você encontra a Ervideira Wineshop, uma pequena adega/bar, com um terraço para degustação de vinhos.

Entre os restaurantes, os melhores classificados são: Taverna Os Templários, Restaurante Xarez e o Restaurante Sabores de Monsaraz

Fora das muralhas, nós já experimentamos e recomendamos o excelente o Restaurante Bar Sem Fim, que possui decoração histórica de um antigo lagar (onde está localizado) e comidas típicas alentejanas.

O que fazer em Monsaraz: arredores da vila

  • Praia fluvial de Monsaraz

Para além da cidade murada, também há outras atividades em Monsaraz. A praia fluvial da vila, por exemplo, fica a cerca de 4 km, na beira da barragem. A praia é super estruturada, tem banheiro, salva-vidas, área para crianças, quadras para esportes. Foi um programa excelente para o calorão alentejano.

monsaraz portugal

  • Astroturismo

E, para os nerds e admiradores de estrelas de plantão, saiba que o céu de Reguengos e Monsaraz é considerado um dos melhores do mundo para a prática do astroturismo.

Saiba mais: Astroturismo: lugares perfeitos para observar o céu e aprender sobre as estrelas

Nas noites de terça a sábado, as 21, o Observatório do Lago Alqueva oferece sessões de observação de estrelas nas quais somos ensinados a identificar algumas delas, além de aprendermos sobre as lendas, mitologias e claro, fatos e curiosidades científicas sobre o espaço. Tudo em linguagem bastante acessível. O tour custa 14 euros e tem duração de duas horas.

  • Passeios pré-históricos

Há ainda diversos monumentos megalíticos nos arredores de Monsaraz, marcas de uma história de mais de cinco mil anos. Aqui tem uma lista de todos eles: Menir da Bolhoa, Menir do Outeiro, Cromeleque do Xerez e Antas do Olival da Pega.

Leia também: A pré-história e os monumentos megalíticos em Portugal

  • Monsaraz: vinhos e azeites

Em Monsaraz e arredores você encontra diversas quintas e herdades que produzem vinhos e azeites certificados. Segue abaixo uma lista de vinícolas que você pode visitar e fazer degustação desses produtos:

Herdade do Esporão (também produz azeites famosos)
Monte dos Perdigões (já visitamos e recomendamos!)
Grupo Carmim (Azeites e Vinhos Monsaraz e Reguengos)
Wine Lounge Adega Ervideira (também possui a Wine Shop em Monsaraz)
Adega do Calisto (produção familiar)

  • Aldeia da Luz e Mourão

Na Barragem de Alqueva, a menos de 20 km de Monsaraz fica Mourão, outra cidade histórica que conta com castelo, praia fluvial e bons vinhos.

E de lá, você consegue visitar a Aldeia da Luz – ou melhor, a nova aldeia, que foi reconstruída depois que a outra antiga, foi afogada pelas águas da barragem. Lá fica o premiado Museu da Luz, que conta toda essa história. Saiba mais sobre como é a visita: Aldeia da Luz, em Portugal, a vila que não se afogou

Hotel em Monsaraz: onde ficar na vila e arredores

Apesar da ideia de ficar dentro das muralhas do castelo de Monsaraz ser bastante charmosa, acreditamos que aproveitar a região de Monsaraz e da barragem para passar algumas noites em uma herdade, um tipo de propriedade rural típica do interior de Portugal, é mais interessante.

Uma boa opção, por exemplo é a Casa Saramago, que já nos hospedamos. Foi uma das experiências mais imersivas e relaxantes de sua estadia em Portugal. A herdade tem uma vista incrível do Castelo de Monsaraz e está a um minuto de caminhada de um bom restaurante. Tem piscina, bom café da manhã e os quartos são rústicos e charmosos, perfeitos para dar uma parada e sentir de perto o ritmo do Alentejo.

Mas se você preferir dormir em Monsaraz, saiba que existem algumas opções de hotéis alojamentos locais. Algumas sugestões dentro das muralhas:


Compartilhe!







KIT DE PLANEJAMENTO DE VIAGENS
Receba nossas novidades por email
e baixe gratuitamente o kit




Luiza Antunes

Sou jornalista, tenho 30 anos e moro no Porto, Portugal, quando não estou viajando. Eu já larguei meu emprego três vezes para viajar e finalmente encontrei uma profissão que me permite "morar no aeroporto". Já tive casa em quatro países diferentes, dei a volta ao mundo e cumpri minha meta de visitar 30 países antes dos 30. Mas o mundo é muito maior e, se puder, quero conhecer cada canto dele e inspirar vocês a fazer o mesmo. Siga @afluiza no Instagram

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

10 comentários sobre o texto “O que fazer em Monsaraz, Portugal: uma vila medieval no Alentejo

  1. Boa tarde! Eu e meu marido estamos indo para Portugal e iremos ficar em várias cidades.
    Gostaria de saber se tem como ir de Évora para Monsaraz de ônibus e se é direto e onde o ônibus vai nos deixar. É no Centro Histórico de Monsaraz?
    Obrigada

    1. Oi Silvana,

      O ônibus da Rede Expressos vai para Reguengos de Monsaraz e de lá você tem que pegar outro ônibus para a Vila de Monsaraz

  2. Olá, Luiza. Estou indo a Portugal com minha esposa pela primeira vez e não quero deixar passar em branco o Alentejo. Selecionei entre tantas: Marvão, Elvas, Beja, Évora, Monsaraz. Te pergunto como neófito que sou em coisas lusas, quantos dias, no mínimo, cada uma dessas vilas merece para que possa conhecê-las e não deixar ficar nada imperdível? Minha viagem tem duração de 25 dias, que serão divididos entre Lisboa 14 dias, Alentejo e Algarve + Sevilha, ainda não definidos. Que dirias? Grato, Victor, desde o Brasil

  3. Oi Luiza, vou para Portugal em setembro por 20 dias e estou adorando seus posts!!
    Vou ficar 2 noites no Alentejo. Vc sugere dormir em Evora ou Monsaraz?
    Obrigada pelas dicas
    um abraço

  4. Amo Portugal….Monsaraz é simplesmente um lugar encantador…Já visitei várias vezes….inclusive na época de Natal….maravilhoso…todo decorado…imperdivel….

    .

  5. Luiza. Muito bom o seu blog.
    Moro no Rio de Janeiro.
    Tambem gosto muito de viajar. Se vc conhecer alguém que queira vir ao Rio ,eu alugo meu lindo apto. Fica no bairro de Ipanema. Inclusive ficará disponível agora nas minhas férias.
    Estou chegando ao Porto dia 2 de novembro . Vou ficar no norte por 12 dias . Um dos destinos será a terra do meu avô. Depois sigo de carro para Lisboa parando na Serra da estrela Aveiro etc
    Se puder me dê dicas de lugares , restaurantes bacanas ,sem ser muito caro.
    Há alguma agência de carro para alugar que vc conheça?
    Qual a loja de roupa para mulheres que vc conhece com um preço super Bom.
    Abraços desde o Rio de Janeiro

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.