Tags:
Atlas: Brasov, Romênia

Onde ficar em Brasov, na Transilvânia

Quando eu estava planejando minha viagem pela Romênia, sabia que a Transilvânia faria parte do meu roteiro, com toda certeza. Depois de muita pesquisa, elegi Brasov (pronuncia-se Brashov) como minha base para explorar os principais castelos da região, incluindo aquele que inspirou a história do Drácula.

A escolha por Brasov não foi aleatória: essa é uma das maiores cidades da região, com uma boa oferta de ônibus e trens (ou aluguel de carro) parar explorar os arredores. A maioria das cidades da Transilvânia fica por perto, com no máximo 2 horas de distância – de lá, dá para ir facilmente a Bran, Rasnov, Sigshoara, Sinaia e Sibiu. A capital, Cluj Napoca, apesar de ser interessante, fica mais afastada e não funciona como uma boa base para bate-voltas.

Onde ficar em Brasov Transilvania Romenia 2

Brasov é maior do que você pensa

Como eu fiquei na cidade por seis noites, experimentei duas opções de hospedagem e tenho uma noção boa sobre qual o melhor lugar para você se hospedar.

Centro Histórico

Onde ficar em Brasov Transilvania Romenia Centro Histórico

O centro histórico é onde tudo acontece na cidade. É possível e perfeitamente aceitável não sair dessa região na sua temporada por lá. A área do centro histórico envolve principalmente construções alemãs, um dos três povos que já dominaram partes da cidade.

Por ali, a maioria das ruas é fechada para carro e há uma excelente estrutura turística. Essa área também é cercada por parques. Sem dúvida, é o melhor lugar para se hospedar em Brasov e há opções de hospedagem para todos os bolsos. Foi lá que eu fiquei, no Centrum House e no JugendStube.

Veja aqui todos os hostels e hotéis no Centro Histórico de Brasov

Fora do Centro Histórico

Onde ficar em Brasov Transilvania Romenia fora do centro

Se por qualquer motivo você não quiser ou não puder ficar na região do centro histórico, não se desespere. A notícia boa é que há oferta de hospedagem bem avaliada fora do miolo turístico.  Minha sugestão é que você busque na área que era de dominação romena da cidade, que também tem construções históricas bonitas e fica perto das atrações da cidade velha. O ponto de referência é a Igreja de São Nicolau (Biserica Sfântul Nicolae).

.Outra área com boa concentração de hotéis é a região do Centro Novo (Centrul Nou), que fica entre o Centro Histórico e a estação de trem. Dali, você pode tanto ir a pé para um ou outro, como pegar facilmente transporte público. Tenha em mente que a área perto da estação não é muito segura durante a noite.

Veja aqui todas as opções de acomodação em Brasov

Onde ficar em Brasov: minhas escolhas

Centrum House Hostel Onde ficar em Brasov

Nas quatro primeiras noites na cidade, minha casa foi o Centrum House Hostel, um hostel novo, que fica no final da principal rua do centro, a Republicii. Mesmo com a proximidade da rua movimentada, não tive problemas com barulho para dormir, até porque essa não é uma cidade de baladas. E a vista do quarto era bem legal.

Esse é um hostel família, com decoração fofa e cozinha grande com mensagens e assinaturas de antigos hóspedes. Eu fiquei num dormitório misto, com 8 camas e banheiro privativo. Achei o quarto confortável e limpo, com o grande benefício de ter uma tomada por pessoa e locker grande para a mala.

O sinal de wifi era muito bom. O defeito, que foi o mesmo problema que tive nos dois hostels em Bucareste, é a cortina, que basicamente não servia para nada: ou seja, muito cedo o quarto ficava claro. O hostel oferece dormitórios e quartos privativos, com preços a partir de 11 euros. A classificação dos hóspedes é 8,7 (Fabuloso). A minha estadia no Centrum House foi oferecida como cortesia. 

Jugenstube Onde ficar em Braosv

Como o Centrum não tinha mais disponibilidade para minhas duas últimas noites, fui para o JugendStube Hostel, que também fica no centro histórico, mas numa das ruas laterais, um pouco menos movimentada. É preciso entrar numa ruelinha fechada para chegar ao hostel.

Apesar da localização mais reclusa, a atmosfera do JugendStube é um pouco mais movimentada, digamos assim. A área comum fica ao lado da recepção, então os donos estão sempre lá batendo um papo, dando dicas, etc. A decoração é mais simples, mas é tudo muito limpo e organizado. A cozinha é bem equipada e o wifi é rápido.

Fiquei num dormitório para seis pessoas, com banheiro compartilhado com todos os hóspedes. Custou 11 euros por noite. Eles também têm quartos privativos. A classificação é 8,6 (Fabuloso).

Vai viajar? O Seguro de Viagem é obrigatório em dezenas de países da Europa e pode ser exigido na hora da imigração. Além disso, é importante em qualquer viagem. Veja como conseguir o seguro com o melhor custo/benefício e garanta promoções.


Compartilhe!



Com o 360meridianos, você encontra as melhores opções para planejar a sua viagem. Confie em quem já tem prática no assunto!

 

Reserve seu hotel com o melhor preço e alto conforto

 


Veja as melhores opções para seguros de viagem

 


Transfira dinheiro para o Brasil e exterior com menos taxas

 


Alugue veículos com praticidade e comodidade

 




Quer 70 páginas de dicas (DE GRAÇA!)
para planejar sua primeira viagem?




Luiza Antunes

Sou jornalista, tenho 30 anos e moro no Porto, Portugal, quando não estou viajando. Eu já larguei meu emprego três vezes para viajar e finalmente encontrei uma profissão que me permite "morar no aeroporto". Já tive casa em quatro países diferentes, dei a volta ao mundo e cumpri minha meta de visitar 30 países antes dos 30. Mas o mundo é muito maior e, se puder, quero conhecer cada canto dele e inspirar vocês a fazer o mesmo. Siga @afluiza no Instagram

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.