fbpx
Tags:

Onde ficar em Capitólio, MG: melhores hotéis e pousadas

Onde ficar em Capitólio, Minas Gerais? Este texto é um guia completo sobre hospedagem na cidade, com sugestões de hotéis baratos e pousadas com piscina e perto das cachoeiras de Capitólio.

Na hora de reservar sua hospedagem, a dica mais importante é que não basta escolher a pousada, é preciso definir bem a região. E há basicamente três opções para se hospedar em Capitólio:

  • Hotéis no centro de Capitólio, MG
  • Pousadas nos condomínios fechados, como Escarpas do Lago
  • Pousadas próximas à Ponte do Rio Turvo e na MG-050.

Vou explicar detalhadamente as diferenças entre cada uma dessas regiões. Antes, vou direto ao ponto, para ajudar quem só precisa do básico. Quais as melhores pousadas de Capitólio?

Veja também: Capitólio, MG – O que fazer, roteiro completo, onde comer, quanto custa e outras dicas!

Melhores pousadas em Capitólio

Aqui está uma lista com as cinco melhores pousadas de Capitólio, separadas para diferentes perfis de viajantes.

  • Pousada Bougainville – Opção barata no centro. Para quem está sem carro e quer economizar. Diárias a R$ 150.
  • Escarpas Eco Village – Para quem quer conforto e piscina, mas sem gastar muito. Diárias a R$ 350.
  • Pousada Cachoeira Lagoa Azul – Uma das cachoeiras mais bonitas de Capitólio fica DENTRO desta pousada. Diárias a R$ 690.
  • Balneário do Lago – Hotel com três piscinas em Capitólio. É um resort com grande área de lazer, ótimo para famílias com  crianças. Diárias a R$ 650.
  • Nosso Recanto Pérola – Vista, piscina e ótimo preço (R$ 300).

Onde ficar em Capitólio: centro ou cachoeira?

Capitólio não é a mais bonitinha das cidades mineiras, é verdade. Some isso com o fato de cachoeiras, cânions e paisagens estarem a alguns quilômetros do centro e você vai entender por que muitos turistas sequer passam por ali.

Por outro lado, se hospedar no centro de Capitólio é a melhor saída para viajantes econômicos e para quem está sem carro, já que é fácil chegar ali de ônibus e a partir do centro contratar os passeios pela região.

Se hospedar no centro de Capitólio também é uma boa opção para quem faz questão de ficar perto de bares e restaurantes e não pretende pegar o carro (e a estrada) à noite.

Hotéis em Capitólio MG (centro)

Algumas opções por ali:

  • Pousada Bougainville – Ótima localização, numa rua perto de tudo. O custo/benefício é muito bom. Diárias a R$ 150.
  • Hostel Badulack – Opção mochileira no centro. Diárias a R$ 100.
  • Casarão Hostel – Mais uma alternativa de albergue na área central da cidade. Diárias a R$ 80.

Outra possibilidade de hospedagem muito comum no centro de Capitólio são as casas e apartamentos. Neste link aqui você acha uma seleção dos melhores deles

destinos incríveis do brasil para conhecer em 2017

O cartão-postal da região fica a 25 km do centro de Capitólio

Pousadas em Escarpas do Lago e nos condomínios fechados

Várias pousadas de Capitólio estão perto do centro, mas dentro de condomínios fechados como o Escarpas do Lago. Ficando ali você estará a 10 minutos de carro do centro da cidade, mas a hospedagem ganha muito, com mais tranquilidade e conforto.

Há um mercadinho e três restaurantes dentro do condomínio, então você não necessariamente precisa sair do condomínio para jantar – só se quiser.

Algumas opções nessa área:

  • Escarpas Eco Village (testamos!) – Fica a cinco minutos a pé do mercadinho de Escarpas e também de um bom restaurante, o Huds. Tem piscina, área de lazer e quartos bons e confortáveis. Diárias a R$ 350.
  • Solarium de Escarpas Suítes – Outra pousada no mesmo condomínio, uma das mais reservadas da área e bastante elogiada no Booking. Diárias a R$ 600.
  • Apartamentos Mirante de Escarpas – Com uma vista linda do lago, piscina e aptos que cabem de 6 a 8 pessoas. Diárias a R$ 330.
  • Casa para alugar em Escarpas do Lago – Tem 6 quartos e acomoda até 17 pessoas! Tem piscina e churrasqueira. Diárias a partir de R$ 500.

Pedrinhas em cachoeira de água verde

Hotéis em Capitólio perto da Ponte, na MG 0-50

Muitos dos passeios saem de frente para a Ponte do Rio Turvo, que fica a 23 km do centro de Capitólio (25 minutos, pela MG-050). Por ali estão também as entradas de várias cachoeiras, o que faz com que muita gente prefira se hospedar nessa área de uma vez.

Por um lado, o problema é à noite: as opções para jantar são limitadas e uma vida noturna mais agitada envolve pegar a estrada e dirigir por meia hora.

Por outro, é uma região tranquila, muito bonita e com boas pousadas – algumas delas têm cachoeiras no quintal e de acesso livre para hóspedes.

Algumas alternativas nessa área:

  • Pousada Cachoeira Lagoa Azul – Fica na MG-050, bem perto do Mirante dos Cânions. Tem vista linda, chalés simpáticos e dentro da propriedade está uma das cachoeiras mais bonitas da região. Não me hospedei ali, mas visitei – e é onde pretendo ficar quando visitar novamente Capitólio. Diárias a R$ 690.
  • Balneário do Lago Hotel – Outro hotel na MG-050, perto das cachoeiras, mas a 30 km da cidade. Boa opção para quem não precisa economizar e está de carro. Diárias a R$ 650.

Onde ficar em Capitólio: outras opções

Nenhuma dessas opções funcionou para você? Há mais opções pousadas baratas, com piscina e muito próximas a cachoeiras de Capitólio.

Neste link aqui você encontra todas as hospedagens em Capitólio e arredores, de albergues a hotéis de luxo – incluindo, claro, algumas casas e apartamentos.

Quanto custa um hotel em Capitólio?

Como ficou claro no texto, os preços variam de acordo com a localização e o tipo de hospedagem:

  • No centro de Capitólio, pousadas simples custam R$ 150.
  • Camas em hostels em Capitólio custam R$ 80.
  • Pousadas mais confortáveis e com piscina custam a partir de R$ 300.
  • Casas de temporada em Capitólio custam cerca de R$ 500.
  • Pousadas muito boas, com estrutura de lazer e cachoeiras, custam a partir de R$ 600.

Lembrando que os preços aumentam muito em certas épocas do ano, como feriados e Réveillon. Se quiser economizar, vá em dias de semana. 

Ir de carro ou de ônibus para Capitólio?

Por conta das atrações, distantes entre si, Capitólio é uma viagem que funciona melhor no esquema road trip.

Estar de carro facilita no dia a dia e abre todo um leque de opções de hospedagem. As melhores delas, tanto no custo/benefício quanto na localização, estão em condomínios fechados nos arredores da cidade.

Vai alugar um carro? Veja nosso guia de como reservar o veículo online, com o melhor custo/benefício

Planeje sua viagem – Veja também:

Inscreva-se na nossa newsletter

5/5 - (1 vote)

Compartilhe!







Eu quero

Clique e saiba como.

 




Rafael Sette Câmara

Sou de Belo Horizonte e cursei Comunicação Social na UFMG. Jornalista, trabalhei em alguns dos principais veículos de comunicação do Brasil, como TV Globo e Editora Abril. Sou cofundador do site 360meridianos e aqui escrevo sobre viagem e turismo desde 2011. Pelo 360, organizei o projeto Origens BR, uma expedição por sítios arqueológicos brasileiros e que virou uma série de reportagens, vídeos no YouTube e também no Travel Box Brazil, canal de TV por assinatura. Dentro do projeto Grandes Viajantes, editei obras raras de literatura de viagem, incluindo livros de Machado de Assis, Mário de Andrade e Júlia Lopes de Almeida. Na literatura, você me encontra nas coletâneas "Micros, Uai" e "Micros-Beagá", da Editora Pangeia; "Crônicas da Quarentena", do Clube de Autores; e "Encontros", livro de crônicas do 360meridianos. Em 2023, publiquei meu primeiro romance, a obra "Dos que vão morrer, aos mortos", da Editora Urutau. Além do 360, também sou cofundador do Onde Comer e Beber, focado em gastronomia, e do Movimento BH a Pé, projeto cultural que organiza caminhadas literárias e lúdicas por Belo Horizonte.

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.