Comida mexicana: pratos típicos do país

Comida mexicana: pratos típicos do país

O milho, o feijão e a pimenta vieram dos povos pré-colombianos, além de outros sabores. Durante a conquista espanhola chegaram o arroz, a carne bovina e o vinho. E, claro, muito mais. Dessa mistura nasceu a culinária do México, não por acaso declarada Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco. A comida mexicana é uma das mais exportadas do mundo – aposto que tem um restaurante de tacos, burritos e semelhantes mais ou menos perto de você.

Onipresença que já deveria transformar qualquer viagem ao México numa aventura gastronômica para pança nenhuma botar defeito (a minha não reclamou). Mas, não bastasse isso, a comida mexicana dá um passo além: a melhor parte da minha passagem pelo país foi comer bem.

Restaurantes são lugares tão imperdíveis quanto pirâmides astecas; a comida de rua é tão maravilhosa quanto as praias do Caribe. Por isso, não tenha dúvidas – reserve lugar no orçamento para comer bem. Listamos abaixo alguns dos mais conhecidos pratos típicos da comida mexicana, dos burritos, enchiladas, tacos e nachos até sabores bem, digamos, diferentões.

Leia também: Onde comer na Cidade do México: dicas de restaurantes

Onde ficar na Cidade do México: dicas de hotéis e bairros

comida no mexico

Tortilla e suas variações na comida mexicana

Quando os espanhóis chegaram a tortilla já estava lá, uma parte fundamental da culinária asteca. Esse pão, que pode ser feito com milho ou farinha de trigo, será servido em praticamente qualquer refeição que você pedir no país. A tortilla está nas entradas, junto com os mais variados molhos, e é coadjuvante em pratos variados.

E são muitos mesmo, a ponto de ser complicado entender as diferenças entre eles. O burrito é uma tortilla recheada com carne e outros ingredientes, a enchilada é parecida, mas com molho de tomate como um diferencial, enquanto a quesadilla não tem molho, mas tem queijo e costuma ser grelhada, e as enfrijoladas também envolvem tortillas fritas, feijão, queijo e um molho.

Já os totopos são tortillas fritas em formato triangular que são servidas como chips – eu sei, você pensou no Doritos. Mas basta servir os totopos com temperos, feijões e queijos e eles viram nachos. E ainda faltam os tacos, que também são, advinha… tortillas. Achou complicado? Então prove de tudo um pouco e siga em frente.

comida do méxico

Mesmo sendo tão comum, a tortilla pode surpreender. Em Cholula, cidade aos pés de um vulcão ativo e que fica a cerca de duas horas da capital do país, eu provei uma tortilla de cor que lembra o azul, feita de um tipo de milho que dá essa coloração. A receita desta tortilla levava ainda óxido de cálcio. Sim, a cal, utilizada na pintura de casas e na produção de argamassa, participa da preparação desse tipo de tortilla, num processo chamado nixtamalizacão.

tortilla México

Mixiote

O maguey é um símbolo do México. Essa planta, comum em todo o país, principalmente nas regiões mais quentes, é usada na produção de algumas das bebidas mexicanas mais tradicionais, como a tequila. O Mixiote é um prato de carne, em geral bovina, mas que também pode ser frango ou porco, que é cozinhada no vapor e enrolada nas películas da folha do maguey. Tudo, claro, com molhos e temperos típicos.

comida do méxico

Queso fundido con chapulines

Foi sem querer, mas acabei gostando. Como bom mineiro que sou, toda vez que as duas primeiras palavras de um prato forem “queijo derretido” a próxima certamente será “quero”. A surpresa veio quando ficou claro que chapulines são grilos, como o Chapolin colorado já deveria ter me ensinado. Foi assim que um prato enorme de grilos e queijo foi parar na nossa mesa, uma iguaria típica de Oaxaca, estado do México.

A entomofagia, ou o consumo de insetos por seres humanos, é comum no México desde antes da conquista, principalmente no sul e no centro do país. E, quer saber, o prato estava ótimo – e não só porque até grilo fica bom com queijo.

comida do méxico

Mole poblano

Mole significa molho – é por isso que guacamole é o nome do molho feito com abacate. Já Poblano vem de Puebla, estado vizinho da Cidade do México e considerado um dos templos gastronômicos do país. Não é por acaso que o Mole poblano é o prato mexicano por excelência, uma receita que já foi provada por praticamente todos os habitantes do país, de norte a sul. O Mole Poblano é o prato oficial das grandes festas mexicanas, como casamentos, aniversários e até no Natal.

No molho vão pimentas diversas, mas também tomate, banana frita, amendoim, coentro, canela e mais alguns ingredientes, conforme, claro, a receita de cada um. Mas o ponto marcante do mole poblano é o chocolate. Surpreendente, né? O molho costuma ser servido com frango ou peru. Nesse link você acha uma receita, passo a passo, para esse prato.

mole poblano México

Mole Poblano (Foto: Juan Salvador, Shutterstock)

Chiles en nogada

Outro prato de Puebla, esse fortemente ligado à Independência do México, já que, diz a tradição, ele teria sido servido pela primeira vez nessa época. A versão é contestada, mas, pelo sim ou pelo não, o chiles en nogada tem exatamente as cores da bandeira do México e costuma aparecer nas mesas do país perto de setembro, quando se comemora a Independência Mexicana.

É uma espécie de pimentão recheado com carne de porco e frutas, como banana e maça, além de passas e amêndoas. O molho é feito com nozes, leite e canela, enquanto sementes de romã são usadas por cima de tudo (e para completar a listinha de cores da bandeira).

A Hosteria Sto Domingo, restaurante que fica no centro histórico da Cidade do México, tem chiles en nogada como um prato fixo no cardápio. Se quiser fazer em casa, nesse link aqui há uma receita, também passo a passo.

Chiles en nogada

Chiles en nogada (Foto:  AGCuesta, shutterstock.com)

Pozole

O México também adora sopas. O pozole tem origem nos antigos povos pré-colombianos, como os maias e os astecas. É uma sopa de milho feita com o tal processo da nixtamalizacão, usado também na tortilla azul.

Leva cebola, pimentas, vegetais diversos e carne, que pode ser de porco ou frango. Fatias de abacate também podem acompanhar a refeição, assim como algumas tortillas. O pozole foi eleito num concurso como o segundo prato típico do México, ficando atrás apenas do Mole Poblano.

Você esteve no México? Qual o seu prato favorito da comida mexicana?

culinária do méxico

Pozole (Foto: Holbox, shutterstock.com)

Quando criança, eu queria ser jornalista. Alcancei o objetivo, mas uma viagem de volta ao mundo me transformou em blogueiro. Já morei na Índia, na Argentina e em São Paulo. Em 2014 voltei para Belo Horizonte, onde estou perto da minha família, do meu cachorro e dos jogos do América. E a uma passagem de avião de qualquer aventura. Siga minhas viagens também no instagram, no perfil @rafael7camara no Instagram

Um comentário em Comida mexicana: pratos típicos do país

Deixe um comentário

RBBV - Rede Brasileira de Blogueiros de Viagem
ABBV - Associação Brasileira de Blogs de Viagem

Parceiros: