Tags:
Atlas: Argentina

Documentos para viajar para a Argentina e passar pela imigração

Este texto é um guia com os documentos necessários para viajar para a Argentina, incluindo o protocolo exigido por conta da pandemia de Covid.

Com as fronteiras reabertas para o turismo desde novembro de 2021, a Argentina, assim como outros países da América do Sul, dispensa passaporte na imigração. Mas é preciso ficar atento às outras obrigações – que mudam com alguma frequência.  Uma delas envolve um seguro viagem específico para covid.

Documentos para viajar para a Argentina

Documento de Identidade

Como dito na abertura do texto, não é necessário ter passaporte para entrar na Argentina. Basta um documento de identidade, desde que em bom estado de conservação e com foto em que você seja reconhecível.

Por muito tempo existiu o boato de que esse documento deveria ter, no máximo, 10 anos de emissão, mas não há nada nas regras que indique isso. O fundamental é que você seja reconhecido pela foto.

A carteira de identidade está em mau estado ou sua aparência mudou? Então é melhor levar um passaporte válido, mesmo que o RG seja relativamente recente.

Vale carteira de motorista para entrar na Argentina?

Não. E nem carteira de trabalho, documento de reservista ou qualquer outro que não seja o documento de identidade emitido pelas polícias civis de cada estado. A exceção costuma ser apenas na região de fronteira, como Foz do Iguaçu, e somente para motoristas.

Precisa de visto para entrar na Argentina?

Não. Lembrando que este texto é para quem vai passar pela Argentina a turismo.

Vai estudar ou trabalhar no país? Leia nosso guia com dicas de custo de vida, regras de imigração e outras informações para morar na Argentina.

Precisa de vacina contra Covid para entrar na Argentina?

Sim! E você precisa estar com o esquema vacinal completo, com a última dose aplicada pelo menos 14 dias antes do embarque.

Todas as vacinas aplicadas no Brasil são aceitas pelo país vizinho: AstraZeneca, Coronavac, Pfizer e Janssen (dose única). A comprovação da vacina é feita pelo aplicativo conecte SUS e pode ser emitida em espanhol.

A vacina só é dispensada para brasileiros que residam na Argentina legalmente e que estejam voltando ao país. Neste caso, é obrigatório cumprir quarentena e realizar um teste de PCR sete dias após o desembarque, que precisa dar negativo para o fim do isolamento.

Precisa de teste PCR para entrar na Argentina?

Não, desde janeiro de 2021 a Argentina retirou a exigência de testes PCR para brasileiros.

Declaração juramentada

É obrigatório preencher uma declaração juramentada, que nada mais é que um formulário online, a ser preenchido 48 horas antes do embarque, em que você assume saber todas as obrigações de imigração. O documento está no site do governo argentino.

Também é necessário baixar o aplicativo CUIDAR.

Precisa fazer quarentena na chegada?

Não. E crianças não vacinadas também estão liberadas da medida.

E outras vacinas?

Não há obrigatoriedade de outras vacinas. Nem a de febre amarela, que costuma ser exigida por muitos países.

Seguro de viagem para entrar na Argentina é obrigatório?

Sim. Isso é um dos compromissos que todo viajante assume ao concordar com a declaração juramentada obrigatória, que diz: “é preciso contar com um seguro de viagem com cobertura para covid-19”.

Note que não basta qualquer seguro, como alguns dos que são oferecidos gratuitamente pelos cartões de crédito ou mesmo seguros que você contrate por conta própria, mas que não ofereçam cobertura contra covid.

Segundo o Itamaraty, se a cobertura de Covid não for mencionada na apólice do seguro, ele não é válido e o turista pode ser barrado na imigração.

Como escolher o seguro de viagem para a Argentina

Por isso, é fundamental escolher um bom seguro, um produto que garanta cobertura em caso de covid, o que vai custar um pouco mais caro. E também, claro, que cubra outras emergências médicas, hospitalares e jurídicas.

Para fazer sua busca, nossa recomendação é que você use um comparador como a Seguros Promo, que fornece as principais opções e preços e informa quando o produto tem ou não cobertura para covid – após fornecer as datas da sua viagem, basta clicar na aba cobertura covid-19, destacada na imagem abaixo.

documentos para viajar para argentina

Por conta de uma parceria do 360meridianos com a Seguros Promo, tem cupom de desconto para nossos leitores de até 25% off. Pague com boleto e garanta outros 5% de desconto. Também dá pra pagar com cartão ou PIX.

Seguros de viagem para a Argentina com cobertura de covid-19

  • O Affinity 60 LATAM Covid19 tem cobertura de até 60 mil dólares, o que é excelente. Esse seguro é hoje dono do melhor preço e custo/benefício dentre as opções que cobrem problemas relacionados à pandemia. E focado na América Latina.
  • O Coris 30 Basic tem cobertura de até 30 mil dólares e proteção contra covid.
Seguro Viagem: América do Sul
AC 60 MUNDO COVID-19 QUARENTENA (EXCETO EUA) AC 60 MUNDO COVID-19 QUARENTENA (EXCETO EUA) Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 60/dia*
Affinity 60 LATAM COVID-19 QUARENTENA Affinity 60 LATAM COVID-19 QUARENTENA Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (SUPLEMENTAR) R$ 73/dia*
CORIS 30 BASIC +COVID19 CORIS 30 BASIC +COVID19 Assistência médica USD 30.000 Bagagem extraviada USD 1.000 R$ 22/dia*

Documentos para viajar para a Argentina: outras dicas importantes

Há documentos que são importantes para qualquer viagem ao exterior:

  • Sempre leve os comprovantes de passagem de volta;
  • Documentos que comprovem que você tem dinheiro para arcar com a viagem (extratos bancários, limite de cartão de crédito e alguma moeda em espécie);
  • Comprovante de reserva de hospedagem ou carta-convite, caso vá ficar na casa de alguém.

A declaração juramentada tem outras obrigações dos viajantes em relação à crise sanitária, mas que muitas vezes passam despercebidas:

  • Você não pode viajar se tiver sintomas compatíveis com covid, mesmo que esteja vacinado e testado;
  • Se você esteve fora do Brasil 14 dias antes da viagem, verifique se seu local de origem está dentro dos permitidos para entrada no país;
  • Testes extras podem ser exigidos a qualquer momento e o turista tem que arcar com os custos.

Protocolo para retornar ao Brasil

A Anvisa exige o comprovante de vacinação para entrar no Brasil. Quem não tiver completamente vacinado, deve apresentar um teste PCR negativo realizado até um dia antes do embarque.

Vai viajar para Argentina? Então não deixe de ler as nossas dicas de viagem

Dicas de hotéis em Buenos Aires

Por fim, deixo aqui uma pequena seleção de hotéis em Buenos Aires. Tem opções para todos os tipos de viajantes. Lembre-se de imprimir e levar com você os comprovantes de hospedagem.

Veja também: Onde ficar em Buenos Aires, bairro a bairro

Dúvidas? Só deixar um comentário.


Compartilhe!







Banner para newsletter gratuita

Receba grátis nosso kit de Planejamento de Viagem

Eu quero!

 

 




Rafael

Siga minhas viagens também no perfil @rafael7camara no Instagram - Quando criança, eu queria ser jornalista. Alcancei o objetivo, mas uma viagem de volta ao mundo me transformou em blogueiro. Já morei na Índia, na Argentina e em São Paulo. Em 2014, voltei para Belo Horizonte, onde estou perto da minha família, do meu cachorro e dos jogos do América. E a uma passagem de avião de qualquer aventura.

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

3 comentários sobre o texto “Documentos para viajar para a Argentina e passar pela imigração

  1. O texto menciona que precisa realizar teste PCR 72 horas antes de viajar de volta para o Brasil.
    Mas o teste antígeno com 24 horas antes da viagem não é atualmente aceito para retornar, por exemplo, de Buenos Aires para o Brasil ?
    Agradeço-vos pela atenção.

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.