Intercâmbio na Espanha: como fazer um curso de espanhol em Barcelona

Já fazia tempo que eu queria voltar a estudar espanhol. A oportunidade surgiu quando consegui algumas semanas livres, em abril. Em vez de marcar uma viagem qualquer, decidi que usaria o tempo para fazer um curso de espanhol na Espanha. É claro que semanas não me tornariam fluente na língua, mas esse não era o objetivo. Eu queria ser capaz de entender melhor o idioma e quebrar a chavinha do portunhol que tanto me atormentava. Sendo assim, comecei a olhar opções em Madrid e Barcelona, para, de quebra, passar um tempo em uma das cidades mais legais da Europa.

Leia também: Os muitos sotaques do espanhol

Espanhol não é português falado errado

Por coincidência, mais ou menos nessa época a SpeakEasy entrou em contato com a gente. A escola de espanhol em Barcelona, que é certificada pelo Instituto Cervantes, viu no 360meridianos uma oportunidade de divulgar seus cursos de espanhol para o mercado brasileiro. Decidimos que eu iria testar a qualidade da escola em um curso semi-intensivo de duas horas por dia, de segunda a sexta. Se gostasse, voltaria aqui para contar para vocês. Por isso, se você gostar da ideia e se matricular com a SpeakEasy, não deixe de avisá-los que viu a dica aqui no 360meridianos.

Além desse cursos, a Speakeasy também oferece aulas intensivas, de quatro horas por dia, e os de longa duração, que duram a partir de 6 meses e permitem que brasileiros consigam visto de trabalho na Espanha durante o período de estudos.

Como é estudar espanhol em Barcelona?

intercambio na espanha estudar espanhol em barcelona

Algumas pessoas me perguntaram se fazia sentido estudar espanhol numa cidade onde se fala catalão. Mas a verdade é que todo mundo também fala espanhol em Barcelona. E nas três semanas que fiquei lá, usei o idioma com o cara da padaria, com o cara que copiava chaves, com as meninas do meu apê. Não praticava só no durante a aula, mas também no dia a dia, e me forcei a nunca falar inglês.

Como são as aulas de espanhol na SpeakEasy?

A SpeakEasy tem duas vantagens que me atraíram imediatamente: é acreditada pelo Instituto Cervantes, uma instituição pública espanhola que promove o ensino da língua e a disseminação da cultura hispânica. A outra é que as turmas são pequenas,  de múltiplas nacionalidades e têm poucos brasileiros. Eu tinha colegas de todo mundo: coreanas, suecas, franceses, chineses, turcos, ingleses…

Eu gostei muito das aulas. Fiquei no nível A2.2 (que é o pré-intermediário alto). As duas horas passavam muito rapido, meu professor era muito bom. Um persa que morava em Barcelona desde a infância, era linguista e falava outros sete idiomas e só permitia que falássemos espanhol na aula. Ao invés de deixar olhar palavras no Google ou no dicionário, fazia jogos entre os colegas para descobrirmos sinônimos em espanhol. No curso semi-intensivo, você avança de nível a cada três semanas e ganha um certificado de conclusão das aulas.

Uma amiga se matriculou no curso intensivo. Nessa modalidade, ela tinha duas professoras, uma para gramática e outra para vocabulário. Tanto ela quanto a Lili, blogueira do Catálogos de Viagem, que cursa o nível avançado, foram só elogios para a qualidade das aulas.

Barcelona é uma cidade de programações intensas. A Speakeasy tem uma diretoria voltada para atividades que envolvam os estudantes, desde avisar sobre eventos imperdíveis e gratuitos até conseguir entradas em boates e ajudar em viagens pela Espanha. Vale a pena curtir a página deles no Facebook para acompanhar.

Quanto custa estudar espanhol na Espanha?

Gastos com o curso de espanhol em Barcelona

intercambio na espanha estudar espanhol em barcelona

O semi-intensivo tem o valor de 69 euros por semana*, já o curso intensivo custa €129. Há ainda opções de um curso noturno, de seis horas por semana por 49 euros, e o super-intensivo, de €189. Quem estuda mais semanas tem descontos progressivos de até 15%

Cursos de longa duração, desses que permitem o visto de trabalho, são de 24, 30, 36 42 a 48 semanas.  Os valores incluem todo o material e a documentação para o visto. Veja todas as opções.

*A matricula no curso foi oferecida pela SpeakEasy

Gastos com acomodação

Para quem fica menos de um mês em Barcelona, é mais fácil tentar encontrar um quarto tipo Airbnb ou ficar em hostel, reservando direto no Booking. Veja aqui um post com dicas de onde ficar em Barcelona.

Quem ficar mais tempo consegue melhores condições de aluguel e tem o auxílio da escola para encontrar o piso compartido, ou um quarto em casa de família. Para quem fica mais de 32 dias, pode ver a opção, com desconto, da Uniplaces. Expliquei aqui como o site funciona.

Eu paguei cerca de 20 euros por noite. No total, deu 400 euros por todo o período.

Gastos com alimentação, transporte, passeios e outras coisas

Como a ideia é morar por um período em Barcelona, você pode e deve economizar comprando parte da sua comida no supermercado. Espere gastar entre 20 a 25 euros por semana com isso, se você for fazer comida todos os dias. Sobre passeios e saídas, isso claramente vai variar de pessoa por pessoa. Eu gastei uma média de 70 euros por semana com saídas, bebida, restaurantes, entradas em passeios e transporte público.

No total, foram 204 do curso, 400 da acomodação, 75 do supermercado, 210 com outros gastos, totalizando 889 euros. Ou seja, colocando assim na ponta do lápis, passar esse tempo estudando espanhol sai igual ou até mais em conta que fazer uma viagem por várias cidades da Europa.

Para quem pretende fazer os cursos de longa duração, recomendo fortemente que leia o texto da Naty sobre como é a vida em Barcelona, visto que ela morou por um ano na cidade.

A esse valor, que é uma média, você precisa somar dois gastos em reais: as passagens de avião e o seguro de viagem, que é obrigatório para entrar na União Europeia.

Precisa de visto para fazer um intercâmbio na Espanha?

intercambio na espanha estudar espanhol em barcelona

Brasileiros não precisam de visto para ficar na Espanha por até 90 dias. Ou seja, se seu curso for menor que esse período, não tem que passar por nenhuma burocracia de visto, empadronamento, NIE, nada disso. Basta embarcar e levar os documentos necessários para a imigração. 

Mas se você for fazer um curso de longa duração, vai precisar do visto de estudante. Quem fica mais de seis meses também precisará solicitar o NIE quando chegar na Espanha. Já explicamos detalhadamente como fazer isso, então sugiro seguir esse passo a passo que já fizemos aqui no blog. 


Compartilhe!



Com o 360meridianos, você encontra as melhores opções para planejar a sua viagem. Confie em quem já tem prática no assunto!

 

Reserve seu hotel com o melhor preço e alto conforto

 


Veja as melhores opções para seguros de viagem

 


Transfira dinheiro para o Brasil e exterior com menos taxas

 


Alugue veículos com praticidade e comodidade

 




Quer 70 páginas de dicas (DE GRAÇA!)
para planejar sua primeira viagem?




Luiza Antunes

Sou jornalista, tenho 30 anos e moro no Porto, Portugal, quando não estou viajando. Eu já larguei meu emprego três vezes para viajar e finalmente encontrei uma profissão que me permite "morar no aeroporto". Já tive casa em quatro países diferentes, dei a volta ao mundo e cumpri minha meta de visitar 30 países antes dos 30. Mas o mundo é muito maior e, se puder, quero conhecer cada canto dele e inspirar vocês a fazer o mesmo. Siga @afluiza no Instagram

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

7 comentários sobre o texto “Intercâmbio na Espanha: como fazer um curso de espanhol em Barcelona

    1. Oi Marcela,

      Eu aluguei diretamente com a proprietária um quarto na casa dela. Não tenho como te falar o nome porque sei que o quarto não está mais disponível. Mas busque no airbnb e idealista.

    1. Oi Karine,

      As aulas são inteiras em espanhol. O professor não fala outra língua não. Você pode perguntar alguma tradução do português ou do inglês, se precisar

  1. Bom dia.
    Quero fazer um curso de espanhol + inglês na Espanha.
    Minha filha vai estudar balé por um ano e como quero acompanhá-la nessa experiência, gostaria de ver a possibilidade de um curso de idiomas que contemple o prazo de um ano.
    Já tenho passagem comprada e o seguro de viagem.
    Desde já agradeço a atenção, ficando no aguardo de um breve retorno.

    1. Oi Ariádne,

      Não sei te indicar curso de inglês especificamente, mas certamente você encontrará algum. Veja inclusive se as universidades não oferecem algo do tipo ao público em geral.

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.