Mochilão de 20 dias pelo Peru, Bolívia e Chile

Olhos grudados nos livros de história da 5º série, não queria perder nenhum detalhe das pequenas imagens de uma antiga cidade Inca. Quantas noites de sexta privando meu sono para apreciar as belas paisagens da América do Sul no Globo Repórter. Sem a facilidade da internet, tudo se tornava mais impressionante e misterioso. “Quando na vida vou conseguir conhecer esses lugares?”, me perguntava. Cresci com a ideia de que um dia iria conhecer tais lugares, como se uma parte de mim estivesse lá.

Comecei a planejar meu primeiro mochilão para América do Sul. Parece um roteiro clichê, mas acredito que seja um dos mais incríveis da vida de qualquer pessoa que queira se aventurar por aí. Não sei falar inglês nem espanhol, mas este não seria meu problema, daria um jeito. Quero conhecer Machu Picchu, ok. Poxa vida, mas tão perto dali está o Lago Titicaca… Então vamos esticar. Mais perto ainda está Laz Paz e o Salar de Uyuni, como não conhecer? Estica.

Huuum, mas dá pra conhecer San Pedro do Atacama? Estica mais. Por que não encarar 24h de ônibus para conhecer Santigo? Claro que sim. Roteiro: ok. Tempo estimado: 20 dias. Férias para o mês desejado: ok. Mil pesquisas no 360meridianos: ok. Dinheiro: nunca. Nunca? Aperta que dá. E deu.

Dica importante: Não cometa o erro de viajar pela América do Sul sem um seguro viagem. 

Entenda a razão e saiba como conseguir um seguro com desconto

Chacaltaya

Preparei minha mochila, separei todos os documentos necessários e enviei cópias para meu email pessoal, reservei todos os hostels pelo Booking.com, comprei jaquetas e roupas térmicas (afinal iria no inverno), separei alguns remédios de uso caseiro, abracei e me despedi a quem de direito.

E fui. Embarquei em Vitória/ES, dia 19/07/14, cheguei em Cusco no dia seguinte. Totalmente perdido, entendi que aquela seria uma oportunidade única para mudar minha concepção das coisas e resolvi me permitir. Conheci os principais pontos turísticos de Cusco, andei e me perdi pelas ruas da cidade.

Acostumado com os 35°C do Espírito Santo, os 5°C foram um baque. No tour ao Vale Sagrado, contemplei aquelas montanhas marrons que nada se comparavam ao que eu imaginava. Examinei as pessoas e seus costumes, gentis e coloridos, muito coloridos. De trem, numa viagem nem tão empolgante (porque já era noite) rumei a Aguas Calientes. Não consegui dormir, a ansiedade era muita.

Machu Picchu - Peru

Às 5h eu já estava de pé, e o café da manhã não desceu a garganta. Tomei um susto ao ver que Águas Calientes é cercada por montanhas quase perpendiculares ao solo. Subindo de ônibus pela estrada íngreme, chorei. Poxa vida, estava a dois passos daquilo que sonhei por tanto tempo. E Machu Picchu se revelou para mim, imponente, misteriosa e energizante.

Me isolei por um momento em um cantinho silencioso e fechei os olhos. Depois de alguns minutos, abri os olhos, e tive aquela sensação louca de estar viajando pelos meus pensamentos. Toquei o chão e era real. Permita-se andar sem pressa, apreciar a paisagem e desfrutar de uma energia única. E, por que não, considerá-la transcendental.

Leia também: Machu Picchu, nossas dicas e relatos de viagem

cusco - Peru

Em um barquinho pelo Titicaca rumo a Isla del Sol, já na Bolívia, tive contato com um tom de azul que jamais pensei existir. Nada de azul turquesa, bebê, piscina… Acho melhor defini-lo como Azul Titicaca. Em meio ao lago, surge a Ilha meio desnuda e aparentemente sem vida. Chegando lá, mochila nas costas e morro pra subir. Sobe, sobe, ufa! Não acaba. Mas cheguei.

Um vilarejo edificado sobre uma encosta de uma ilha no lago mais alto do mundo. Lá estava eu no ponto mais elevado, apreciando o pôr do sol. Por vários momentos o lago se confundia com o céu, num misto de cores. Ao fundo, os Andes, alaranjados. Ali fiz algumas orações e, no meu silêncio, busquei compreender a grandiosidade daquele lugar. Ao acordar cedo para ver o nascer do sol, tive a sensação de ter cumprido minha missão ali.

Isla del sol - Peru

Em La Paz, muda-se o cenário. Cidade grande, muito alta, soroche para lá e para cá, trânsito infernal. Parecia mais uma 25 de Março, ou como se tivesse pegado um pouco de tudo, colocado em saco e chacoalhado. Tcharan, La Paz! E é exatamente esse o ponto chave da cidade, uma mistura de tudo. Em uma rua tem-se a sensação de ter passeado por toda cidade, tamanha a diversidade de gente e coisas. A comida não é tão boa, não sei se por ter vindo do Peru, de culinária impecável. Paga-se muito barato pelas coisas, inclusive comida.

Subi parte do Chacaltaya, não consegui chegar ao cume porque não tinha pulmões para atingir os 5.200m de altitude, estacionei nos 5.000m, o que considerei um feito. Fechei meu pacote de três dias e duas noites pelo Salar, após quase ter que abortar os planos devido a uma greve que ocorria na região de Uyuni, impedindo o tráfego de ônibus. Rezei tanto que a greve acabou no dia que fechei o passeio.

Salar de Uyuni - Bolívia

Talvez o almoço com vista mais inusitada que tive foi no Salar de Uyuni. Sentado em meio ao deserto branco, pegar um pouquinho de sal do chão (de sal!) para temperar a comida e me divertir com miragens ao horizonte. Subir no alto de uma “ilha”, dar um giro de 360° e se perder pela imensidão. O que eu representava em meio a tanta grandeza? Absolutamente nada.

Contemplar lagoas verdes, azuis e avermelhadas, estar perto de flamingos, ver vulcões ativos ao longe, ver neve branquinha em pleno deserto de areia, uma montanha com 12 cores, gêiseres em meio ao nada e encarar um frio de 25° negativos, coisas que marcaram definitivamente minha estadia pela Bolívia. Mais do que isso foi ficar três dias em um jipe 4×4 com dois ingleses, um suíço e dois alemães (depois do 7×1) enrolando no portunhol.

Atividade Vulcânica

A 30 minutos da fronteira com a Bolívia, ali estava um oásis em meio ao deserto do Atacama: San Pedro, com sua temperatura linda de 20°C. Como já era mais da metade da viagem, a tensão inicial passou e resolvi levar as coisas mais tranquilamente, afinal já estava batendo o maior papo as pessoas. Ali andei de bike pelas estradas de terra vermelha e subi em um mirante com vista de todo o lugar.

Cara, quando dei de frente com o vulcão Licancabur (que só lembrava do Rei Arthur e sua espada Excalibur) de 5.500m de altitude e eu estava a apenas 2.500m naquele mirante e essa diferença pouco era notada, mais uma vez me perguntei quem eu era em meio a essa imensidão.

Uma vibe indescritível no pôr do sol na lagoa Tebinquiche, refletindo as montanhas nas águas inertes. Gêiseres incríveis, a 10°C negativos. Vales descomunais, que externam nossa capacidade de comparação com outras coisas. Uma vida noturna super agradável e um vilarejo bem aconchegante. Um céu lindo de encher os olhos. Foi como se sentir em casa, abraçado. San Pedro é daqueles lugares que eu voltarei em breve.

Mirante San Pedro do Atacama - Chile

Poderia ter ido de avião, mas como a grana já estava bem curta, resolvi encarar as 24h de viagem de ônibus até Santiago, afinal não seria o problema, quem tem dramin tem tudo! Chegando lá, fiquei deslumbrado com a vista da cidade do alto do Cerro Santa Lucia, um fim de tarde encantador, amarelado, tornando a Cordilheira do Andes bordada a ouro.

Passeei de bike por vários cantos da cidade, onde pude me sentir mais próximo da vida local. Claro que fui em vinícolas experimentar vinhos e claro que tomei um porre de pisco, sozinho na mesa de um bar. E claro que fui esquiar. Das quatro horas que estive na estação de esqui aprendendo a esquiar, passei 03h59min esborrachado no chão, ops, na neve (ainda bem). Foi muito gratificante ter terminado a viagem ali. Dia 7 de agosto de 2014 voltei pra casa.

Santiago - Chile

Foi uma viagem de extremos. De uma metrópole a um vilarejo em uma ilha. De um quarto bom para um alojamento no deserto. De temperaturas positivas e negativas. Do lago gigante em meio a cordilheira a um enorme deserto de sal cravado na mesma. De desertos com neve. Da cidade perdida. E, o mais surpreendente, do povo feliz e receptivo, sem antônimos.

Ali, olhando ao longe por cima das nuvens no voo de volta, tive a certeza que havia atingido meu objetivo.


Compartilhe!



Com o 360meridianos, você encontra as melhores opções para planejar a sua viagem. Confie em quem já tem prática no assunto!

 

Reserve seu hotel com o melhor preço e alto conforto

 


Veja as melhores opções para seguros de viagem

 


Transfira dinheiro para o Brasil e exterior com menos taxas

 


Alugue veículos com praticidade e comodidade

 




Quer 70 páginas de dicas (DE GRAÇA!)
para planejar sua primeira viagem?




Júlio Dalmazio

Cansado de viajar pelo Google Maps, resolvi sair por aí conhecendo os lugares com meus olhos e pés.

  • 360 nas redes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

196 comentários sobre o texto “Mochilão de 20 dias pelo Peru, Bolívia e Chile

  1. Estou criando coragem e pretendo ir só, julho agora 2019, já se passou um tempo desde a sua viagem. Com o que mais pode me ajudar, estou cru e iniciando pesquisas agora. Obrigado.

  2. Pergunta: você comprou uma ida e volta brasil x peru e ida e volta chile x brasil?

    Vou fazer uma viagem pelos mesmos paises e não sei por onde começar

  3. Oi Julio, adorei o post!!! me inspirou muito! Quero fazer o mesmo roteiro que vc, porém o mês que tenho disponível é julho. Vi que para o Salar de uyuni não compensa ir em Julho! Isso chega a afetar a viagem? E as roupas de frio intenso? vc comprou no brasil ou deixou para comprar lá?

    obrigada!!

  4. Boa tarde Julio!!! Tudo bem? Incrível, me ajudou horrores.

    Estou me programando para o mesmo roteiro no próximo ano, também no inverno (amo neve *-*), e gostaria de iniciar as compras de passagem aérea e ônibus, reservar os hostels, me recomenda os que ficou? Poderia me ajudar em relação aos gastos totais da viagem?

    Muito Obrigada!
    Patricia

      1. Ei, boa noite!
        Também estou programando essa viagem com minha namorada, talvez uns dias a mais ou a menos. Estamos com algumas dúvidas também, sobre onde encontrar passagens de avião e ônibus, se puderem ajudar a gente ficaríamos muito gratos!

        [email protected]

  5. Oi Julio, gostei demais do teu relato! Me incentivou ainda mais.. Estou planejando uma viagem com o mesmo roteiro. Tens como me enviar um email com os gastos, lugares e detalhes da tua aventura?

  6. Olá pessoal.em 2014 fui ao Peru,e em julho de 2017 vou fazer Bolívia e peru,quem tiver interesse vamos nos falando e programar, se o roteiro bater por mim esta tranquilo. Faço viagem bem econômica,hostel e ônibus.
    Watts 22 998083066

    1. oi luiz fernando,vou para a bolivia em julho tbm.
      trajeto todo terrestre no maximo 20 dias.
      se alguem tbm for nesse periodo fique a vontade para conversamos.
      wts: 12 99769-4891 / Junior

    1. Oi. Pretendo fazer agora em Janeiro. Tem uma agência em SP que só faz esse roteiro. Mas tbm tem uma amiga que está indo dia 23 de Janeiro.
      O roteiro da agência é muito bom. Mas tbm gosto de mochilao. Com um pessoal bom. Sozinha não. [email protected].

  7. Se nao for muito invasivo, quanto tu gastou mais ou menos nessa viagem?
    Pretendo fazer algo parecido no comecinho de 2018, queria ter um noção mais ou menos.
    Parabéns pelo blog!

  8. OLÁ PESSOAL! EM JULHO DE 2017 VOU FAZER MINHA SEGUNDA VIAGEM PELA BOLÍVIA E UM POUCO PELO PERU,VOU RESOLVER SE VOU DE ÔNIBUS OU AVIÃO,VAI SER ESTILO MOCHILÃO MESMO,NO SENTIDO LITERAL DA PALAVRA,ACAMPANDO E HOSTEL BARATO.SOU DO RJ,QUEM PENSAR EM SE JUNTAR VAMOS MANTENDO CONTATO.
    ATT. LUIZ FERNANDO
    WATTS 22 998083066

  9. Segue abaixo a experiência vivida no roteiro Chile, Bolívia e Peru. A viagem durou 29 dias, entre 24/09 a 22/10/2016. Saímos de São Paulo/SP para Santiago/Chile. Retornamos de Cusco/Peru, para São Paulo, com escala de 2h em Lima/Peru – faltou tempo para conhecer Lima : ( Sei não viu!

    As cidades visitadas foram:

    Chile – Santiago, Valparaíso, Viña del Mar, Calama (apenas de passagem, mas a cidade é bem pequena), San Pedro do Atacama.

    Bolívia – Uyuni (três dias no meio do deserto de sal, foi fantástico), La Paz, Copacabana e Ilha do Sol;
    Decidir qual país ir para as férias foi muito complicado, pois pensamos em vários fatores como clima, cultura, moeda e idioma, cada um gostaria de ir para algum lugar, eu mesmo queria ir para Montreal no Canadá, mas depois de muita análise decidimos ir para algum país na América do Sul, como ideia inicial, pensamos somente em visitar Santiago, já que eu nunca vi neve.🙂

    Depois de tantas ideias começamos a selecionar os países da América do Sul que mais nós gostaríamos de visitar, dentro os países estavam: o Brasil (foi mais barato ir para o Chile do que ir para Fortaleza, mas enfim), o Chile, o Peru, a Argentina, o Uruguai, e depois de ter já ter os países pesquisamos na internet e em outros blogs de como outras pessoas faziam viagem pela América do Sul, ficamos nos perguntamos qual seria os roteiros dessas pessoas, e quais países elas escolhiam. Depois de tantas pesquisas decidimos o nosso destino (mãos pra cima). É isso mesmo, um mochilão, parece doideira. No começo não sabíamos como iriamos fazer, uma coisa é você ler os relatos dos outros mas no momento você pensa se as coisas podem dar certo, mas pra ser bem sincero só pensei negatividade.

    Os países que iriamos visitar eram Chile, Bolívia e Peru.

    Agora que tínhamos os nossos países escolhidos, pegamos o mapa e a sugestão de muitos blogueiros para ver quais seria a melhores cidades para se visitar, claro que as principais cidade de cada país não poderia ficar de fora da nossa lista e também da nossa presença. Então começamos outra procura de dias para decidir as reais cidades que visitaríamos, agradeço muito a ajuda dos blogs, porque foi com base neles que consegui fazer o roteiro para essa grande aventura que acabou dando 30 dias, isso mesmo, 30 dias fora de casa, e sempre pensando como iria sobreviver a esses dias, mas depois a positividade começou a fluir.

    As cidades que decidimos ir foram: Santiago – Valparaíso – Viña del Mar – Calama – San Pedro do Atacama – Uyuni – La Paz – Copacabana – Isla del Sol – Cusco.

    Cada cidade foi uma experiência única que não vou esquecer jamais, seus costumes, suas comidas, as vestimentas, a forma de contar a moeda local, o idioma (o Portunol :P), os medos por estarem em lugares desconhecidos, são coisas que não dá pra esquecer e principalmente a vista que tivemos em lugares excepcionais. Mas notamos algo quando liamos os blogs de outras pessoas, que quase todo mundo fazia o sentido ao contrário do nosso, muitos começavam no Peru, Bolívia e por último o Chile. Não sei o real motivo, mas creio que a ordem dos fatores não altera o resultado, encontramos durante o caminho vários brasileiros que estavam fazendo essa travessia eu e Marcelo estávamos subindo rumo ao Peru enquanto muitos estavam descendo do Peru rumo ao Chile.

    Iremos contar detalhadamente tudo o que se passou por essa nossa viagem, dicas, sugestões, as ciladas que encontramos no meio do caminho, orientações que procurávamos mas que não encontramos e principalmente valores. Antes de chegar no lugar ficamos muito preocupado se o dinheiro daria ou não, se aceita cartão ou não e aonde nós iriamos gastar mais dinheiro. Irei colocar também dicas de Moneychange em cada cidade, sugestões de hotéis e por onde ficar hospedado, pontos turísticos, lugares legais de frequentar e não se esqueçam que nesse Blog teremos duas pessoas escrevendo para você, eu e Marcelo.

    Perú – Cusco, Águas Calientes, Machu Picchu e Lima (somente escala aérea)

    Quer acompanhar todo o relato como foi a preparação e os lugares visitamos, acesse:

    viagem200.wordpress.com/blog/

  10. Boa noite Julio, vou fazer uma viajem semelhante ano que vem, será que poderia me mandar mais detalhes sobre seu roteiro? Estou meio perdida rsrs

    obg

    Thaíssa

  11. Oi Julio! Eu e uma amiga estamos querendo fazer o mesmo roteiro em fevereiro, no verão. Será que você pode me passar mais ou menos quanto gastou? estamos
    preocupadas com valores.E algumas dicas pra iniciantes mochileiras também cairiam bem, tipo os hostels que você recomenda, trabalhados… Vi que mandou roteiro detalhado pra algumas pessoas, poderia me mandar? Adorei o post! Obrigada!!
    meu e-mail: [email protected]

  12. Olá! Gostei muito do seu roteiro e é algo que estou pensando em fazer em aproximadamente 25 dias. Você acha viável? A unica diferença é que eu gostaria de começar por Lima e depois ir a Cusco.

    Você poderia me enviar mais detalhes, incluindo detalhes de tempo que permaneceu em cada lugar?

    Obrigada e parabéns pela matéria tão inspiradora

  13. Julio, obrigada pelo post! Sonho em conhecer esses lugares.. e já comecei a me programar para ir ano que vem. Desculpe se for indelicada com a pergunta… Mas, assim como vc relatou.. a minha grana tbm é curta rsrs
    Vc poderia dizer pelo menos por alto o valor de uma viagem assim?

    Se quiser mandar por e-mail…

    Obrigada.

  14. Olá Júlio, me apaixonei pelo seu depoimento e me encontrei muito dele. Em alguém que fez faculdade de História, assistiu muito a globo repórter e hoje da aula de Geografia e vê que chegou a hora de realizar esse sonho. Vou num muchilão de 17 dias saindo do Rio Grande do Sul, passando a Argentina (Salta) após rumo a São Pedro do Atacama (5 dias), após Oceano Pacífico, Puno e o lago e terminando em Cusco e Matchu Pitchu. E claro várias paradas no caminho. Espero que seja boa como a sua e cheia de aprendizado.

    1. Julio,

      Show sua descrição!!! Estou indo em outubro e farei os mesmos países por 20 dias. Pode me mandar o roteiro?

      Devo comprar ingressos antes?
      Como chego nos lugares?

      Me ajuda, please?

  15. Olá Júlio, fiquei encantada com toda as suas descrições. Vou em Janeiro com a minha irmã e queríamos passar por Chile e Peru. Como será nosso primeiro mochilão ficaria muito grata, se nos enviasse algumas dicas e até mesmo seu roteiro pra termos uma base. Estou no aguardo 🙂 email: [email protected]

  16. Olá, julio..Estou querendo ir em Setembro pro Chile, Peru e Bolivia..Quero ir no deserto do atacama e fazer o passeio pro salar..No Peru, ainda nao decidi o que exatamente vou fazer e qual o melhor caminho de trafegar entre esses destinos.

    Como vc fez?

    Agradeço se puder passar seu roteiro detalhado. 🙂
    Meu e-mail é [email protected]

      1. Julio, tambem quero conhecer estes tres paises, mas nao sei onde aterrissar e depois a cidade para voltar para Porto Alegre. Voce pode indicar?

  17. Bom dia a todos.

    Talvez me possam dar umas dicas.

    Ofereceram-me um presente espetacular: um bilhete de ida/volta América do Sul.

    Não vou atravessar o oceano para ficar lá meia dúzia de dias por isso estava a pensar ficar 1 mês. Mesmo sendo assim tive que fazer uma seleção escolhendo Peru e Bolivia.

    Não costumo fazer muitos planos mas desta vez….a ideia seria apanhar o autocarro em Lima – Cuzco e eventualmente ir parando pelo caminho.

    Agora vem o grande, grande, problema e talvez me consigam dar uma ideia aproximada. Tendo em conta que vou mesmo en plano económico, tentando fazer coachsurfing, hostais baratos, albergues, nada de luxos pois a mim o que me interessa é disfrutar da natureza e da cultura, com quantos euros acham que acham que me aguento.

    Obrigado desde já e boas viajens

  18. Meu brother, teu relato foi incrível. De tantas pesquisas pela internet, tuas descrições são exatamente o que eu gostaria de sentir e guardar nessa vida curta. Obrigado.
    Eu e um grande amigo iremos nos forma esse ano e pretendemos fazer um mochilão logo após pra lavar a alma dessa vida corrida. Mas somos iniciantes no arte da mochilaria, e além disso, recém formados sem muita grana, rs. Humildemente, poderias nos ajudar com esse planejamento? seriamos muito gratos, na moral.
    Caso seja possível, tens um email pra contato?
    Desde já agradeço, abração.

  19. Você é um escritor, me emocionou com o seu relato. Conseguiu descrever suas emoções, e me encheu de alegria e contentamento.Fez eu recordar-me dos meus sonhos de juventude rsrs( meus 30 anos), pois nem sou tão velha assim. Querido boa sorte, e vira escritor, palestrante de experiências de viagens. Felicidades.

  20. Caramba, relato massa!!! Tenho um sonho de poder conhecer o Chile e o Peru…Já fiz algumas viagens pequenas pelo Brasil afora, porém, a sensação de mochileiro me fascina. Pretendo ter esse batismo (kkk)em Fevereiro de 2017! Gostaria que me desse dicas de roteiros e se possível, hospedagem.
    Obrigado

    1. Fala Marcos!
      Acredite que seu sonho pode se realizar 🙂
      Temos várias opções de passeios, vai depender da quantidade de dias que vc pretende ficar Quanto a hospedagens, o Booking.com é o melhor lugar para vc reservar algo!
      Abraços!

  21. Poxa cara,de + seu relato,em julho de 2016 estarei indo para Bolívia e em seguida Peru, quem estiver afim de uma aventura podemos combinar.
    Abs fernando.
    Watts.22-998083066

      1. Primeiramente: gostei muito do relato! no meio da correria de preparar a viagem esqueci de pensar na paz que ela irá me trazer, que eu busco. Respondo aqui pois eu e o meu marido também vamos fazer um mochilão. Serão 17 dias e chegaremos pela Bolívia. Quais os dias da sua viagem Fernando? Qual o roteiro?

  22. Julio cheguei a pouco de um mochilao desse roteiro! Me identifiquei mto com seu relato…em Machu Picchu tb arrumei um cantinho para fechar os olhos e sentir a energia daquele lugar mágico! San Pedro de Atacama não vejo a hora de voltar, simplesmente demais! Ótimo seu texto, me senti na viagem novamente! Beijos

  23. Lindo relato, Júlio! Poético, emocionante!
    Parabéns e obrigada por compartilhar a sua experiência com a gente.
    Me fez ficar ainda mais ansiosa pela minha viagem. =)
    Abraço!

  24. Cara, que relato lindo! Fui para a Bolívia em 2013 e me senti lá novamente. Agora é arrumar as malas e partir para o Peru e Chile…espero que em breve. =)

  25. Conheci o Blog a mais ou menos 1 mês, e desde então não consigo ficar um dia sem abrir para ver as novidades.

    Estou programando um mochilão para o ano que vem e gostaria da opnião de vocês.

    Fiz um roteiro e alguns valores eu encontrei pela internet, outros eu chutei rsrs (Lembrando que sou viajante novato rsrs, só fiz viagens curtas pelo Brasil, essa será minha primeira viagem para fora).

    Aguas Calientes/Cusco -5 Dias R$ 750,00 – R$ 150,00 por dia.
    Puno – 2 Dias R$ 200,00 – R$ 100,00 por dia

    La paz/ Uyuni – 4 Dias R$ 520,00 – R$ 130,00 por dia

    Deserto do Atacama/Santiago – 5 Dias R$ 650,00 – R$ 130,00 por dia

    Passagem Aérea – São Paulo – Cusco – Santiago – São Paulo R$ 1.200,00

    Trem – Cusco – Aguas Calientes R$ 500,00

    Ônibus – Cusco – puno R$ 70,00

    Ônibus – Puno – La Paz R$ 70,00

    Ônibus – La paz – Uyuni R$ 70,00
    Ônibus – Uyuni – Atacama R$ 100,00
    Passagem aérea – Atacama – Santiago R$ 400,00

  26. Oi Gente,

    Estou indo com uma amiga para Cusco no dia 21/04. Se alguém aqui estiver indo na mesma data, me da um alô.

    Face: Andressa Camargo
    Insta: de_caa

    Beijos!

  27. Estou planejando fazer uma viagem em julho para Chile e Bolívia (e possívelmente Peru). Se alguém estiver indo na mesma data e quiser trocar informações meu email é [email protected]. Aceito qualquer tipo de ajuda para montar o roteiro, pois essa será a primeira viagem internacional e a primeira sozinho.

  28. Olá MIGO FAREI O MESMO ROTEIRO QUE VC DAQUI A EXATAMENTE DOIS MESES COM MINHA PRIMA E MINHA NAMORADA … VC PODE ME AJUDAR NA ORGANIZAÇÃO DOS CUSTOS QUANTO VC LEVOU , QUANTO ACHA NECESSÁRIO E QUANTO AOS DESLOCAMENTOS DE ONIBUS SÃO FACEIS DE SE FAZER…. SAO BARATOS…

  29. Olá,pretendo fazer mochilão por Uruguai,Argentina,Chile e tentar chegar no Peru e Bolivia

    Consegue me ajudar em algumas duvidas

    Vou ir no inicio de 2017
    se alguem por aqui quiser fazer companhia também
    Quanto de dinheiro para levar(pretendo ir em uns 2 a 3 meses),qual moeda?

  30. Ola Pessoal, bom dia !

    Estou me planejando para um mochilão (decidindo entre Março ou Abril), andei pesquisando algumas coisas mas ainda tenho muitas dúvidas. Enfim! Estou indo sozinha, não sei se faço os três lugares, ou faço somente Peru..
    Bom, se alguém estiver na mesma vibe de se jogar nessa aventura. Me add no face para trocarmos novas ideias. Sempre bom uma companhia do Brasil para nos dar mais segurança.
    Face: Andressa Camargo
    Instagram: de_caa
    Abraços.

  31. E aí galera,

    estou muito afim de fazer o meu primeiro mochilão, por isso comecei a ler sobre hoje. Escolhi como destino o Peru, com data de ida para 05/02/2016 e volta 16/02/2016. Gostaria de pedir algumas dicas aos mais experientes, tenho alguma dúvidas ainda como roteiro, quanto levar em dinheiro e em qual moeda, se a época do ano é favorável… Trabalho embarcado e resolvi fazer a viagem do nada. Alguém mais fará esse destino na mesma data? Seria interessante fazer novas amizades. [email protected] / [email protected] / instagram: jotarodrigues7
    Obrigado 🙂

  32. Julio! Me emocionei com seu texto, difícil isso acontecer. Sempre que viajo por esse mindinho futuco os blogs. Sei EXATAMENTE o que você viveu na América do Sul. Machu picchu já conhecia. Mas ano passado foi especial. Após perder meu emprego e ter tido problemas resolvi fazer essa viagem sozinha, mas o inverso. Comecei em Santiago, subi pro Atacama e segui deserto adentro até Uyuni. Em alguns momentos me vi sozinha e orando… agradecendo pela presença de Deus em todos os momentos. Viagem linda de frio e calor…. de cores e sabores…. perrengues.. soroche. … mas faria tudo de novo. Parabéns pra nós, guerreiros do mundo !!!

  33. Oii. Queria saber o que vc achou de ir no inverno fazer o mochilão.. Pois pretendo ir em julho, mas pelo que eu vi, uns parques no Chile principalmente não abrem nesse período.
    Aguardo muitooooo sua resposta.
    Obrigada

    1. Também estou planejando ir em julho. O plano inicial é Chile e Bolívia, mas queria aproveitar a proximidade (pero no mucho) pra ir no Peru também. Comecei a planejar agora, mas se eu puder ajudar (e alguém puder me ajudar também) me chamem lá no Facebook: Marcos Xaxá.

    2. Eu e o meu marido também estamos indo no próximo mÊs. Quando desembarcam? Seria muito bom poder alugar um carro em Sucre para ir até Uyuni..a paisagem é linda! Podemos tentar combinar? Abraço a todos

  34. Bom dia Julio.
    Nossa realmente incrível, estou indo fazer um mochilão por esses três países também agora em março, dois amigo e eu, e gostaria de tirar algumas duvidas com você Julio, se for possível entre em contato comigo por e-mail,
    ( [email protected])
    obrigado, e parabéns, trip incrível e com certeza inesquecível.

  35. Boa noite Galera!!! Estou me planejando para fazer uma viagem parecida com esta em Abril! Se alguém estiver planejando algo no período seria legal compartilhar o que já pesquisei e por que nao nos juntarmos nessa aventura 🙂 Sou do tipo que adoro viajar sozinho, mas ter compania na trilha de Machu Picchu seria bacana!!! Abraço

    1. Cristiano, também estou querendo fazer essa viagem há um tempo. Estou me programando para abril ou maio, mas ainda não pesquisei muito. Podemos trocar idéias. Quem sabe não nos encontramos por lá?! Abraço.

        1. Olá Ana Beatriz, tudo bem ?
          Estou indo p/ esse mochilão também, só falta decidir data (Março ou Abril), dizem que em Março chove muito em Machu Picchu, talvez eu mude para Abril mesmo.
          Estou indo sozinha, me add no face. Trocamos algumas novas ideias e informações sobre o roteiro.
          Face: Andressa Camargo
          Insta: de_caa

          Beijos!

    2. Olá Cristiano, tudo bem?
      Estou planejamento um mochilão para Machu Picchu também (ainda definindo data), eu quero muito ir em Março, assim passaria meu aniversário lá. Mas me disseram que chove muito nessa época, ouviu falar algo sobre isso?
      Estou indo sozinha também, mas adoraria uma companhia para dividir essa incrível aventura.
      Qualquer coisa, me add no face: Andressa Camargo ou insta: de_caa.
      Abraços,
      Andressa

  36. Que incrível!!! inspirador, vou fazer minha primeira viagem sozinha em 21/02 – FOZ, Argentina, Uruguai e Paraguai.
    Estou tão ansiosa, essa matéria só aumenta o frio na barriga e a vontade que daqui pra frente é viajar muuuuuito.

  37. Pretendo fazer um mochilao de 25 dias por Argentina, Bolívia, Chile e Peru em final de maio ou início de setembro. Alguém irá neste período?

    1. Olá Mari, tudo bem?

      Pretendo tirar férias neste período, e fazer este roteiro, porém estou um pouco perdida se puder me ajudar será ótimo.

      Me add 11 971623414, sou de SP, se tiver interessada me dar um toque ou me responde por email.

      Valeu bjos

    1. Oi Evaldo, tudo bem? Estou planejando de ir em Abril, quando saio de férias… me manda seu contato para falarmos, sobre a viagem… Abraço

  38. Olá, Julio.
    Tudo bem?

    Tei blog tem nos ajudado bastante. Temos utilizado ele como referência porque faremos os mesmo trajetos.
    No entanto, temos uma dúvida em relação a Machu Pichu. Tu comprou o trem quando chegou a Cusco? Achou lugares?
    Nós iriamos comprar agora, antes de sair do Brasil, mas estamos querendo comprar o ingresso de estudante que só se vende presencialmente.
    Chegaremos em Cusco no dia 18 e estamos nos programando a ir pra MP no dia 21. Acho que rola, né?
    A opinião da galera tem sido dividida. Todos os depoimentos que ouvi de quem foi de mochilão, é de que chegando lá e realizando a compra é sossegado.

    Obrigada!!! =)

  39. Olá, gostaria de seguir esse mesmo roteiro pra minha tão sonhada viagem.
    Aonde você pegou o barco para ir até Isla del Sol ?
    Qual foi o dinheiro gasto na viagem toda?

    1. Beatriz em La paz vc pega um taxi até o cemitério. ..de lá partem carros e micros até Copacabana…que eh tão pequena q só tem uma rua principal e é justamente no final desta rua q fica trapiche.

  40. Ola bom dia!!!
    Alguém sabe me dizer se da para fazer a América de ônibus? Chile para Bolívia e Bolívia para Peru? Quantos dias será que eu levo para gastar no percurso? Obrigada

  41. Olá, estou planejando para outubro de 2016 ir para Santiago pegar o ônibus para deserto do Atacama, ir para salar de uyuni passando por laguna colorada, depois La paz, Cusco, Machu picchu e terminando em Lima .
    Uma média de 17 dias.
    Avião só na ida do Brasil e volta para o Brasil, sou do Rj.
    Se alguém quiser trocar informações fale comigo.
    E-mail: [email protected]

  42. dando uma olhada achei bacana as fotos, essas de costas foram com a gopro? a abertura delas ficou sensacional depois da uma treinada pra aprender a tirar umas assim 🙂

  43. bacana dmais teve promoção pra santiago mas vendo esse relato vou me programar pra fazer um roteiro bem feito e esticado nesses locais. qual um período bom você recomenda pra esse roteiro ?

    1. Fala Marcos!
      Veja bem, eu fiz em 20 dias. E mesmo assim deixei de fazer bastante coisa..
      Vai de cada um sabe, mas acredito que 20 dias é um bom tempo!
      Quanto as fotos usei uma GoPro sim, mas ela não é isso tudo que vendem não, pelo menos o que eu acho.. rs

      1. vlw. estou esperando saber se poderei ir em jan/fev, mas é quse certo você tem algumas dicas do q levar o que não pode esquecer? como não tenho mochila especifica pra mochilar vou precisar organizar bem as coisas

  44. Estou planejando uma viagem parecida para julho de 2016.
    Pensei em começar por Lima (Rio x Lima) depois descer para Cusco (visitar Valle Sagrado, Águas Calientes e Machu Pichu), seguir para Puno, Isla del Sol, La Paz, Salar de Yuni, San Pedro Atacama e depois seguir para Santiago.
    Pensei em 20 dias.
    Estou na dúvida entre fazer Lima x Cusco de carro ou avião.
    Acha possível fazer de Cusco a Santiago por terra?

    Beijos,

    1. Olá Francine,tudo bem?
      Estou planejando uma viagem para a mesma época, porém, não tenho cia ainda, caso esteja interessada entre contato, meu whats (44)9753-1741.
      Obrigada 🙂

        1. Pessoal, vou em junho de 2016 tb!
          Começando pelo Peru (Lima), passando por Bolívia e terminando no Chile (voltando de Santiago), quem sabe consigo ir em Bariloche ainda?! Podemos criar um grupo no whatsapp para compartilhar dicas/roteiros!!

          1. Estou me planejando para fazer a mesma viagem na mesma época, se tiver um grupo, pode me adicionar por favor.

            011 972015193

          1. Olá Larissa,
            Vamos sim desenvolver a ideia… Já comprei a passagem (Fortaleza-Lima dia 27/05 e Santiago-Fortaleza dia 30/06).
            Suas datas coincidem? Qualquer coisa meu whatsapp é 88 9 9945-9062

          2. Oi! Caso já tenham criado um grupo, me inclua por favor?
            Vamos compartilhar dicas e roteiros. Irei em Julho/16 também, saindo de SP.

            11 9 68450858

    2. Olá Francine!
      É possível sim fazer por terra de Cusco a Santiago! Foi exatamente o que eu fiz.
      Quanto de Lima a Cusco, acho que vale a pena dar um confere nas passagens, talvez o custo x benefício seja melhor o aéreo mesmo!

    3. Olá Francine, tudo bem?
      Estou com férias planejadas para julho/16 e eu e minha esposa estamos pensando em fazer um tour como esse e, pesquisando me deparei com esse blog e vendo as mensagens a sua me chamou a atenção. Como estou começando agora a planejar tal viagem, ou seja, sem noção nenhuma de nada por enquanto, apenas traçando rotas, resolvi te escrever para saber como está seu planejamento, se poderia compartilhar o que já tem concreto e etc.
      Valeu

  45. Fantástico!
    Eu e uma amiga faremos o mesmo roteiro, com a mesma quantidade de dias, a partir de 5 de Janeiro.
    Todas as dicas e orientações são fundamentais e, quanto mais leio sobre esse mochilão, mais me encanto e me sinto lá.

    1. Oi Gisela estou indo em janeiro de 2016, saindo de Recife 01/01, estamos pensando em ir de trem por Corumbá até santa cruz e seguir para Cusco… …nesse mesmo roteiro acrescentando Argentina…

  46. Que texto bem escrito, parece uma poesia… Da vontade de viver as mesmas cenas e sensações descritas. Parabéns!! Quem sabe um dia.. Desse lugares só conheço Machupicchu e muito em breve santiago!! Um abraço dessa leitora assídua!!

  47. Nossa Julio, eu me vi no começo do teu texto. Desde que descobri a existência de Machu Picchu, no colégio, que sonhava em conhecer esse lugar. Sempre foi um dos primeiros destinos na minha bucket list. E enfim esse ano consegui realizar, estive lá em setembro, com direito a trilha inca para chegar até a cidadela. O sentimento é incrível, não é?

    1. Poxa May, queria muito ter feito a trilha Inca também!
      Quem sabe um dia…
      Não existe sentimento que caiba no peito ao me recordar daquele lugar…

  48. Oi! Amei seu relato! Vou para a Bolívia, mas só tenho 10 dias de viagem, vc acha que dá pra dar um pulo em Machu Pichu saindo de Copacabana em um dia e voltar em dois dias (ao todo 3)?

    1. Olá Elaine!
      Dá pra fazer isso sim, vai ficar corrido, mas compensa!
      E não tenho dúvidas que você irá querer voltar pra curtir Cusco mais um pouco… rs

  49. Julioooo que viagem fantástica cara!!

    To lendo os comentários e absorvendo mais dicas, só me tira uma dúvida rs
    As passagens de ônibus foram compradas aqui? ou lá mesmo? outra pergunta rsrs
    é certo chegar lá e ter? meu medo é esse pretendo em ir em JULHO 2016 e n quero ficar no frio na rua rsrs

    abraço!

    1. Fala Eduardo!
      Então velho, comprei as passagens de bus por lá.
      Existem vários ônibus que fazem os trechos que fiz. A dica é: vai ficar 3 dias no lugar, compre no primeiro dia que chegar e evite dor de cabeça. Se alguma coisa der errado você ainda tem tempo pra pensar…

      1. Oi Júlio… UFA ainda bem que te achei kkkk eu também vou viajar Julho de 2016 e vou fazer Argentina, Santiago, Bolívia e Peru e queria saber quantos dias leva de um país para o outro, lembrando que vou de ônibus… Me da uma dica aí por favor… Abs

      2. Júlio queria saber também se da para voltar de ônibus para casa, sou de São Paulo… Quantos dias levam?? E as passagens eu compro quantos meses ou dias antes? Eu vi um relato que são 2/dias de um país para outro e voltar para casa de ônibus 5 dias… É isso mesmo? Agradeço ABS

  50. Mochilão America do Sul
    Bom Dia pessoal esse vai ser o meu roteiro saindo só pela America do Sul (Bolívia, Peru, Chile) se coincidir com a data de alguém comenta no post.

    Partida dia 04/10/2015 Belo Horizonte – Corumba
    Corumba pegar taxi até – Porto Quijarro
    Porto Quijarro até Santa Cruz de la Sierra (Trem ou onibus o que for mais viavél)
    Santa Cruz até La Paz (Pegar Onibus )
    La Paz (Ficar em La Paz) (Ruínas de Tiahuanaco, Praça Murilo, Coroico Downhill Biking, Chacaltaya)
    La Paz até Copacabana (Pegar Onibus) (cobacabana, Lago Titicaca, Yumani, Challapampa,)
    Copacabana até Puno (Pegar Onibus) (Olhar o que a cidade tem a oferecer)
    Puno até Cusco (Pegar Onibus)
    Cusco (Olhar Emp. Turistica) até Aguas Calientes (Pegar Onibus ou Trem)
    Aguas Calientes (Ficar em Aguas Calientes) até Machu Picchu(Olhar Emp. Turistica)
    Aguas caliente até Cusco (Pegar Onibus)
    Cusco até Arequipa (Passar o dia em Arequipa)
    Arequipa até San Pedro de Atacama (Ficar em San Pedro, World White Travel)
    San Pedro de Atacama até Salar de uyuni
    Salar de Uyuni (Ficar em Uyuni e procurar guias turisticas)
    Salar de Uyuni até Sucre
    Sucre até Santa Cruz de la Sierra
    Santa Cruz até Corumba
    Corumba até BH

    1. Olá Jansen,

      Estou com viagem marcada para outubro também, porém só irei a Santiago, Deserto do Atacama, Salar de Uyuni e retorno pra Santiago… Meu voou sai do Rio no dia 02/10, não irei a Machu Picchu pois fiz esse roteiro ano passado, você tem previsão de quando estará chegando ao Atacama???
      De repente poderíamos combinar algo por lá.

  51. Fantástico relato, Júlio. Parabéns pela experiência.

    Você acha viável 4 dias pra ir até o Salar, na Bolívia? (4 dias e 3 noites)Penso em fazer em alguma ponte de feriado, talvez carnaval, por ser relativamente próximo.

    Obrigado e mais uma vez parabébs.

    Abraço, Rafael.

    1. Rafael, acho super viável sim.
      É relativamente fácil a logística do passeio.
      A paisagem tira o fôlego, e vale cada centavo investido. Abraço!

  52. Olá,

    Tenho um roteiro muito parecido com o de vocês, também em 20 dias mas com muito menos experiência que vocês.

    Gostaria de uma ajuda para saber como vou de Uyuni para o Atacama. Já ouviram falar do jeep tour de 2 dias? Li sobre mas nunca vejo como contratar.

    Li sobre o seguinte tour:
    2noites:
    Salar de Uyuni
    Ilha Incahuasi
    Parque Nacional Avaroa
    vulcão Ollague, a Laguna Canapa
    Deserto de Siloli
    Laguna Colorada
    Geisers Sol da Manhã
    deserto de Dali
    Laguna Verde
    Vulcão Lincabur
    San Pedro do Atacama

    Muito obrigado

    1. Olá Leandro!
      Veja bem, esse passeio você contrata diretamente com as empresas de lá. O tour padrão é o de 3 dias e duas noites.
      Na hora da contratação você já combina com a vendedora que vc vai ficar na fronteira para San Pedro, e ela já te vende o transfer.
      No terceiro dia eles te deixam diretamente na fronteira, você passa pela imigração e vc aguarda seu transfer. Abraço!

  53. Quero fazer o Roteiro Chile e Peru, mas assim como o Julio tb não falo nem inglês e nem espanhol… Dá pra ir sem medo??? pq é a unica coisa q tá me prendendo de cair no mundo e fazer meu primeiro mochilão

    1. Ei Cris!
      Na boa, vá sem medo de ser feliz!
      Pra você ter ideia, no Chile existem placas escritas em Espanhol (claro), Inglês e Português!
      Dá pra se virar muito bem, vai ser mais complicadinho nos dois primeiros dias, depois você já vai estar batendo papo em Portunhol fácil fácil… rs

    1. Ei Thiago, basta mandar por email, com fotos e abordar um tema que ainda não tenhamos postado aqui, de preferência relatando suas experiências pessoais.

      Abraços!

  54. Oii!!
    Queria muito saber como voce comprou suas passagens!!

    Estou querendo fazer o mesmo roteiro ano que vem em julho, comecei a dar uma olhada e estou achando muito caro!!
    Queria ir de FLN para Santiago/Cuzco e voltar de Cuzco/Santiago.

    Qual o truque pra conseguir esse trecho barato?? Quanto voce gastou nas passagens?

    Tbm acharia muuuuito interessante e me daria um adianto muito grande se você postasse uma lista dos custos (hospedagem + comida +traslados)

    Obrigada! Parabéns pelo blog, muuita informação legal e útil aqui!

    1. Olá Michelle!
      Veja bem, olhava sempre pelo Decolar, até descobrir a TAM não colocava lá o preço mais em conta das suas passagens. Como iria por 20 dias, então fui manejando as datas de ida e volta de acordo com minhas férias, selecionando a opção de “vários trechos”, desta forma comprando ida e volta no mesmo site. Da uma olhada porque as passagens saindo do GALEÃO costumam ser bem mais em conta, as vezes compensa comprar ida e volta por lá e depois olhar o trecho pra FLN.Como fui exatamente nas semanas mais caras do ano pra lá, que são as duas últimas de julho, acabei por pagar R$ 1.300,00.
      Neste relato no Mochileiros eu tenho uma planilha de custos, olha lá:
      http://www.mochileiros.com/peru-bolivia-e-chile-jul-ago-2014-20-dias-de-experiencias-unicas-com-custos-t103235.html

    2. Olá Michelli, no Mochileiros deixei um relato com custos:
      http://www.mochileiros.com/peru-bolivia-e-chile-jul-ago-2014-20-dias-de-experiencias-unicas-com-custos-t103235.html

      Quanto a passagem, vale olhar direto no site da empresa, pois quando olhava no Decolar o preço era bem mais caro. Paguei R$ 1.300,00 na TAM, no Decolar tava R$ 2.400,00 durante os 6 meses aneriores que pesquisei. Escolha a quantidade de dias e vá manejando no site até encontrar uma boa tarifa. Programe-se, porque julho é o mês mais caro em de passagens por lá, já que é alta temporada em ambos.
      Vale dar uma olhada das passagens de ida e volta pelo GIG ou pelo GRU, geralmente GIG é mais em conta, aí depois vc olha os trechos pra FLN.

  55. A-D-O-R-E-I!!!! Estou inspirada a fazer meu primeiro mochilão em breve: junho!!! E já vou colocar na lista o Dramin, rs.

  56. Uauu..show seu post.mas como vc se comunicou sem saber ingles e espanhou e como e o processo de visto.tipo:eu li no 360 que para ir a Tailandia nao precisa de visto mas para a india sim.entao se eu quiser ir a Tailandia e resolver esticar meu passeio a india como eu faco?vc deu varias esticadas cpmo foi esse procrsso de visto?att Elaine Rangel

    1. Elaine, só pra adiantar: não é preciso visto para visitar nenhum país da América do Sul. Na realidade, na maioria deles você nem precisa de passaporte, só carteira de identidade resolve.

    2. Olá Elaine!
      Veja bem, como Rafael disse, não há necessidade de visto nem passaporte para América do Sul, apenas RG. Mas como sou precavido, fiz sim o passaporte, até porque já facilita quando eu quiser sair do país naquela promoção louca que sempre surge.
      Quanto a comunicação, o espanhol fui tentando enrolar. As pessoas são muito solicitas e buscam te ajudar quanto ao idioma. Levei um guia de bolso com frases prontas, mas na hora do vamo ver não adiantou muito não. Lá pelo 10º dia eu já estava batendo o maior papo! rsrs

  57. Que texto maravilhoso!!! Parabéns, Julio!!! Viajamos junto com você e até me emocionei com a sensação de realizar uma viagem de sonhos!!! Obrigada por compartilhar e que você continue a viajar para todos os lugares que você desejar (e conte p/ nós dps! hehe)

  58. Dormir em trem, onibus ou mesmo aviao é para os fracos! Kkk eu tb nao prego o olho com medo de perder uma vista, ainda mais nessa regiao de Águas Calientes. Nada como ter um sonho de viagem realizado!

  59. Que linda história inspiradora,viajei em cada ponto abordado em seus relatos e com certeza só fez crescer a vontade de conhecer Machu Picchu (meu sonho) e os arredores. Parabéns pela conquista e espero em breve ler sobre muitas viagens que vc há de realizar. Sucesso!!!

  60. Que emocionante Julio poder usufruir um pouquinho dessa sua experiência. Com certeza você inspirou muita gente a seguir seus passos. Sua historia mostra do que somos capazes! Parabéns pela sua viagem e seu trabalho. Que venham outras historias pra viajarmos um pouquinho com você!

  61. Júlio, você bem que podia fazer um relato mais detalhado do seu mochilão no mochileiros.com, hein?! Daqueles com as datas, as cidades, os hostels, as despesas, etc. Ia ajudar demais quem quer fazer um mochilão dessas como eu! 😀

  62. Meu Deus, que viagem! Fiquei completamente encantada e esse texto me inspirou ainda mais a conhecer esses lugares maravilhosos, que é o meu maior sonho. Eu normalmente me sinto tão frustrada por ter apenas 16 anos e não poder trabalhar pra juntar dinheiro devido aos estudos, muito menos poder sair por aí. Mas esse texto me inspirou e me motivou, muito obrigada!

    1. Olá Marina!
      Que isso, não se sinta frustrada. É normal nessa idade termos sonhos mais ambiciosos, mas tudo é fase.
      Um dia você~e vai trabalhar para realizar seu sonho, e assim como eu, ter certeza que o tempo esperado para concretizá-lo valeu a pena.
      Abração 🙂

    2. Oi Mariana

      Você tem muita vida pela frente para viajar. E lembre-se…. se não dá para fazer um mochilão visitando 3 países, cogite ir a apenas um que pode ser mais barato. Sempre há um jeito de a viagem caber no bolso de cada viajante. Foco no objetivo e que Deus te acompanhe!

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.