Tags:
Atlas: Buenos Aires, Argentina

Bate-volta a Tigre e ao Delta do Paraná, perto de Buenos Aires

A apenas 35km do centro de Buenos Aires, Tigre e a região do delta do Paraná é o escape de final de semana preferido dos portenhos. A pequena cidade, cortada por diversos canais que enfeitam as ruas e construções que relembram o estilo belle-époque, é um reduto de tranquilidade perto do burburinho da metrópole.

Tanta água e refinamento rendeu ao lugar o título (cafona, diga-se de passagem) de Veneza Argentina. No entanto, as águas do rio estão longe de parecer o paraíso cristalino que você pode ter em mente. Ricas em ferro que é carregado pelas águas de outras regiões do país, as águas do delta do Paraná são amarronzadas, cor de lama e, por isso, pouco convidativas para um mergulho. Isso, claro, não impede que as famílias hospedadas ou que vivem ao longo do delta se esbaldem nelas durante o verão. Mais próximo do centro da cidade, é fácil ver gente de lanchas, canoas ou kayak pelos canais. É possível contratar empresas para esse tipo de atividade mais radical na orla do rio.

Veja também: Onde ficar em Buenos Aires – os melhores bairros 

Passeio de bicicleta em Buenos Aires

Não é por ser perto de casa que dá para viajar sem seguro: saiba por que contratar um seguro de viagem para conhecer a Argentina e como garantir um com boa cobertura (e com desconto).

Tigre - Atividades Kayak

Os passeios de barco pelo delta do Paraná são a principal atração de Tigre. Ao caminhar pela orla do canal principal, é fácil encontrar diversas empresas que oferecem o tour. Não compre de primeira. Pesquise um pouco e procure por agências mais afastadas da ponte para conseguir um melhor preço. A dica é: antes de comprar, faça uma caminhada pela orla e vá perguntando o preço em todas as empresas. Há também diferenças nas opções de barcos, alguns com bar e restaurante e outros mais simples. Esse tipo de regalia pode influenciar bastante no preço.

Tigre - Naty

Mas o que, afinal, é esse delta do Paraná? É uma rede de cursos d’água com mais de 300 km de extensão, que vai desde o centro da Argentina até desembocar no Rio da Plata. Perto de Tigre, o lugar se tornou um refúgio de luxo, com diversas mansões construídas às margens dos rios que só são acessíveis pela água, além de clubes requintados e spas. O passeio te leva ao longo dessa região e te permite, além disso, ver a bela natureza ao redor.

Casas no Delta de Tigre

Outra opção legal de passeio em Tigre – o meu favorito – é a visita ao Puerto de Frutos, um grande mercado a céu aberto que vende não apenas frutos, mas também artesanato, flores e plantas, comidas, doces, brinquedos e o que mais você imaginar. Um boa pedida é passar por ali na hora do almoço e sentar-se em um dos restaurantes na beira do rio. O Puerto de Frutos está a apenas 10 minutos de caminhada da estação Delta, onde desembarca quem vai pelo Tren de la Costa.

Puerto de Frutos - Tigre

Outras atrações em Tigre

Tigre - Parque de diversões

Museu de Arte Tigre, Paseo Victorica 972, (www.mat.gov.ar).

Isla El Descanso, Rio Sarmiento (islaeldescanso.com) – Um resort localizado dentro de uma ilha do Delta.

Parque de la Costa (parquedelacosta.com.ar) um parque de diversões com atrações aquáticas logo em frente à estação Delta do Tren de la Costa.

Como chegar em Tigre

A forma mais fácil é pegando um trem na Estação Retiro, em Buenos Aires, com destino a Tigre. Os trens saem umas três vezes a cada hora e custam apenas 4 pesos. Outra opção é pegar o Tren de la Costa, um trajeto cênico que atrai muitos turistas pela possibilidade de descer em outras estações interessantes do percurso. Para isso, é preciso pegar um Tren no Retiro e descer na estação Mitre (ou ir direto para ela de outra forma). De lá, basta atravessar uma ponta para a estação Maip, de onde sai o Tren de la Costa. Nesse caso, você precisa descer na estação Delta.

Eu não sei porque alguém iria preferir ir de ônibus, mas se você tiver pânico de locomotivas ou outro motivo qualquer, basta pegar o coletivo 60. A viagem demora 1h30, em média.

Onde ficar em Tigre

Tigre é, em geral, um passeio de um dia, mas se você tiver mais tempo e for com família ou grupos de amigos, pode valer a pena ficar um pouco mais, em especial se é tranquilidade que você procura. Dá para ficar em hotel, alugar uma casa ao longo do Delta ou até mesmo se hospedar em spas e resorts. Aqui você encontra as melhores opções de hospedagem em Tigre.


Compartilhe!



Com o 360meridianos, você encontra as melhores opções para planejar a sua viagem. Confie em quem já tem prática no assunto!

 

Reserve seu hotel com o melhor preço e alto conforto

 


Veja as melhores opções para seguros de viagem

 


Transfira dinheiro para o Brasil e exterior com menos taxas

 


Alugue veículos com praticidade e comodidade

 




Quer 70 páginas de dicas (DE GRAÇA!)
para planejar sua primeira viagem?




Natália Becattini

Já chamei muito lugar de casa, mas é pra Belo Horizonte que eu sempre volto. Viajo o mundo em busca de histórias e de cervejas locais. Além do 360, mantenho uma newsletter sobre o a vida, o universo e tudo mais, que eu chamo de Vírgulas Rebeldes. Vira e mexe eu também estou procrastinando lá no instagram @natybecattini e no twitter.

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

15 comentários sobre o texto “Bate-volta a Tigre e ao Delta do Paraná, perto de Buenos Aires

  1. Natalia, vi na sua descrição que vc adora papelaria. Tem lugares legais pra comprar material de papelaria em buenos aires? Obrigada!

    1. Gabriela, o lugar que eu fiquei mais doida com as coisas foi a livraria Ateneo, que além de ser linda vende uns livros lindos e a Papelera Palermo (Honduras 4912), para caderninhos e coisas fofas..

      Abraços

  2. Fomos à Tigre de trem mesmo..Muito fácil e prático pois partimos da Estação Retiro e em 40 minutos chegamos lá.Muito aconchegante .Vale muito a pena conhecer.

  3. Na minha última visita à BA fiz esse passeio e adorei! Fui usando o trem de lá costa, achei bem interessante, pois permite paradas ao longo do percurso, com o mesmo bilhete! Paramos em San Isidro, visitamos a pracinha com uma feirinha e a igreja matriz. Odeio vontade de fazer mais paradas, pois há outras cidadezinhas fofas no percurso, mas preferimos usar o tempo restante em Tigre mesmo.

      1. Hey,por favor, pode falar um pouco sobre esta nova aventura? Estou pensando em alguma coisa semelhante, e claro, é muito interessante escutar pessoas que já viveram ou estão vivendo. Tenho 65 anos, acabei de completar meu tempo de Trabalho Pastoral,gosto de viajar e agora estou sonhando com uma aventura sozinho pelo mundo.

        1. Estou indo pra Barcelona por um ano, J. Venâncio. Vou morar lá para fazer meu mestrado. Por isso fui para a Argentina, para calibrar o espanhol.

          Abraços!

    1. Olá, como fui e voltei no mesmo dia não pesquisei preços de pousadas, mas nesse link que eu deixei ai em cima você poder ter uma noção.

      Abraços

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.