Guia para os diferentes tipos de cerveja

Foi-se o tempo em que pedir cerveja em um bar era uma decisão simples, uma escolha que envolvia apenas duas ou três opções entre as marcas mais vendidas no país. Com a expansão do mercado de cervejas especiais e sua consequente popularização, o leque de opções se expandiu junto com o paladar da freguesia.

Estima-se que as microcervejarias cresçam 20% ao ano no Brasil e os bares e beer pubs que oferecem esses títulos chegam aos 30%. E minha Belo Horizonte, que me mata de orgulho, tem se firmado no cenário nacional como um polo cervejeiro. Com tantas opções no menu, o consumo da bebida acaba se transformando em uma aventura gastronômica, sempre com um sabor novo para descobrir.

Mas, diante desse novo mundo de possibilidades, qual a cerveja certa a escolher? São tantos tipos e subtipos que a gente pode ficar perdido, sem saber por onde começar. Por isso, segue um pequeno guia com alguns dos tipos de cerveja mais importantes que você vai encontrar por aí.

Leia também: A história da cerveja e onde visitar cervejaria ao redor do mundo

Bares de Cervejas Artesanais de Buenos Aires

Tipos de cerveja: Ale – cervejas de alta fermentação

É o tipo mais tradicional de cerveja e o primeiro a surgir, lá para o ano 6000 a.C e cacetada. Durante séculos e séculos, reinaram absolutas. Produzidas em temperaturas consideradas mais altas (uns 20ºC), a partir do malte e de uma levedura de alta fermentação, têm, em geral, sabores mais frutados, adocicados e mais complexos que as Lager. Os principais estilos de cerveja Ale são:

Stout

Tipos de cerveja

Cerveja escura, opaca e com teor alcoólico que vai de 8% a 12% (cuidado, amigos!). Tem sabores que lembram o café e o chocolate. Sua representante mais célebre é a irlandesa Guiness. Alguns sub-estilos famosos são o Dry Stout, Imperial Stout e o Oatmeal Stout.

American Pale Ale

São cervejas claras, com coloração que vai do dourado ao cobre. Possuem forte aroma e costumam ser um pouco ácidas. São perfeitas para acompanhar hambúrgueres, pizzas e outras refeições rápidas.

American Strong Ale

Cervejas fortes (acima de 7% de teor alcoólico), com sabor também forte por causa da alta presença de malte e lúpulo. De coloração escurecida.

India Pale Ale

Quando você ver as letras IPA em algum cardápio, essa é a Indian Pale Ale. Elas foram criadas para sobreviver às longas viagens entre a Índia e a Inglaterra e, por isso, levam muito lúpulo, o que torna seu sabor intenso e refrescante. Costumam ter teor alcoólico mais elevado, embora seja possível encontrar no mercado exemplares com menos de 4%. É boa para acompanhar pratos condimentados.

Cervejas da Wals BH

Irish Red Ale

Possuem um toque adocicado e costumam ser mais suaves e leves. Também têm gosto pronunciado do malte e de cereais. Não são tão fortes, com o teor alcoólico variando entre 4% e 6%.

Amber Ale

É um estilo muito amplo que engloba cervejas de coloração avermelhada, em geral bem leves e saborosas.

Weiss

Entre as minhas favoritas, estão as cervejas de trigo típicas da Alemanha. Possuem coloração clara e opaca, com sabor de trigo e também de frutas e especiarias. São refrescantes e de teor alcoólico não muito alto, variando entre 5% e 6%. São uma boa escolha para quem está começando no mundo das cervejas, porque é difícil não gostar.

Além desses, existem vários estilos de cerveja Ale para serem descobertos.

Tipos de cerveja: Lager – cervejas de baixa fermentação

Produzidas em baixa temperatura (por volta de 10ªC), possuem baixa fermentação e, em geral, são mais secas que as Ale. É o tipo mais vendido no Brasil e no mundo, por causa das American Larger, as cervejas que normalmente pedimos nos bares.

souvlaki e cerveja comida grega

Cerveja na Grécia

Pilsen

Originárias da República Tcheca, mas com grande força também na Alemanha, são comumente confundidas com as cervejas comuns que pedimos nos bares. No entanto, as grandes cervejarias nacionais não produzem cervejas Pilsen, mas sim American Larger. São cervejas douradas, translúcidas e leves, com gosto amargo.

Bock

Uma variação de lager mais forte e escura, com teor alcóolico entre 6% e 14% e podendo chegar a tons amarronzados ou vermelhos. Apesar disso, possui sabor suave.

American Lager

São as mais populares no Brasil e no mundo, chegando a 98% do total do consumo de cerveja no país. Por aqui, em geral são bem leves, refrescantes e com pouco amargor e por isso são usadas para matar o calor e sede. No entanto, podem também ter representantes mais encorpados. Em geral, todas as cervejas de grande distribuição são American lager, como Skol, Brahma, Itaipava, Bohemia, Kaiser, Antarctica, Budweiser, Stella Artois e Heineken.

Também há muitos estilos de Lager para experimentar. Mas, enquanto isso, me conta, qual a sua favorita?

Fotos destacada, 2 e 3: Shutterstock


Compartilhe!



Com o 360meridianos, você encontra as melhores opções para planejar a sua viagem. Confie em quem já tem prática no assunto!

 

Reserve seu hotel com o melhor preço e alto conforto

 


Veja as melhores opções para seguros de viagem

 


Transfira dinheiro para o Brasil e exterior com menos taxas

 


Alugue veículos com praticidade e comodidade

 




Quer 70 páginas de dicas (DE GRAÇA!)
para planejar sua primeira viagem?




Natália Becattini

Já chamei muito lugar de casa, mas é pra Belo Horizonte que eu sempre volto. Viajo o mundo em busca de histórias e de cervejas locais. Além do 360, mantenho uma newsletter sobre o a vida, o universo e tudo mais, que eu chamo de Vírgulas Rebeldes. Vira e mexe eu também estou procrastinando lá no instagram @natybecattini e no twitter.

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

6 comentários sobre o texto “Guia para os diferentes tipos de cerveja

  1. Oi, Natália! Adorei o post! Comecei a apreciar mais as cervejas artesanais por conta do meu marido, que adora uma cervejinha no fim do dia, chegamos até a assinar um clube de cervejas, bem bacana, deu p/ descobrir várias cervejarias nacionais e internacionais! Mas ainda assim sempre temos coisa a aprender, essa informação de que no Brasil consumimos mais a American Lager, eu desconhecia, fazia parte do grupo que achava que era tudo Pilsen! Muito obrigada pelo esclarecimento!

    1. Bárbara, eu também só descobrir que não era Pilsen quando fui pesquisar para esse post. Alguns lugares ainda falam que são as Pilsen que são mais consumidas, mas parece que essa é uma confusão bem comum. As próprias cervejarias colocam que são Pilsen, talvez por marketing, não sei…

      Abraços

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.