Tags:
Atlas: Índia

Dicas para montar o seu roteiro de viagem na Índia

Um país enorme e variado. Assim é a Índia, gigante asiático que abriga mais de um bilhão de pessoas e tantos outros lugares fantásticos. Quer visitar um deserto, andar de camelo ou ver encantadores de serpentes? Na Índia tem. Seu objetivo é conhecer florestas tropicais? Vai pra Índia! E também pra ver montanhas nevadas, templos milenares, cidades perdidas, locais religiosos, rios sagrados…

São tantas opções que fica até complicado planejar uma viagem pelo país. Já publicamos mais de 60 posts sobre o assunto, mas um importante tema ainda não tinha aparecido aqui no blog: como montar um roteiro de viagem na Índia? Hoje vamos resolver essa questão, com dicas detalhadas e várias sugestões de roteiros e lugares que você pode visitar.

Roteiro de viagem na Índia: uma semana

Por que diabos alguém cruza o mundo pra ficar só uma semana lá? Por vários motivos! Pode ser um viajante no meio de uma volta ao mundo e que não tem muito tempo para conhecer o país; alguém que foi para lá a trabalho e conseguiu uma semana de folga; uma pessoa que vai na realidade para outro lugar da Ásia, mas fez uma escala na Índia e resolveu ficar uns dias por lá também… Enfim, tem gente passa pelo país e não fica muito tempo. Tanto é que existe uma coisa chamada triângulo dourado, que é formado por três cidades: Nova Delhi, Agra e Jaipur.

Nova Delhi é a capital e porta de entrada para Índia, já que por lá chegam voos de todo o mundo. Além disso, é uma das maiores cidades do país, com direito a comodidades típicas de metrópoles, como um metrô que funciona razoavelmente bem e um ótimo aeroporto. Enfim, uma boa escolha para começar uma viagem pelo país sem sofrer  muito com o soco no estômago que o choque cultural vai te dar, quer você queira ou não.

Vista do Taj Mahal, Índia

Além disso, Delhi está perto de alguns dos lugares mais incríveis e disputados da Índia, como Agra e Jaipur. A primeira é nada menos do que a cidade onde fica o famoso Taj Mahal, cartão-postal mais fodão do país. Já a segunda é a mais famosa cidade do Rajastão, o estado indiano dos Marajás.

As três cidades estão relativamente perto – cerca de cinco horas bastam para se locomover de uma para a outra. Por tudo isso, o tal do triângulo é um dos roteiros mais comuns entre os turistas que desembarcam na terra das vacas livres. É possível fazer o trajeto entre as cidades de trem, de ônibus ou mesmo de carro. Neste caso, basta alugar um táxi no aeroporto ou combinar no seu hotel.

Veja nossas dicas de onde se hospedar em Agra, Jaipur e Nova Delhi

Roteiro do triângulo dourado melhorado

Os próprios indianos chamam o roteiro Delhi-Agra-Jaipur de triângulo dourado, talvez pelo fato desse tripé concentrar uma quantidade enorme de turistas. Nós concordamos que o Taj Mahal deve ser prioridade de qualquer viagem à Índia e que Delhi é mesmo uma excelente porta de entrada no país.

No entanto, não incluiríamos Jaipur numa viagem tão curta. Não que a cidade seja ruim, mas certamente não é nem de longe a mais legal do Rajastão. Então pode ser uma ideia melhor deixar Jaipur para uma viagem que inclua o resto do Rajastão, fechando o triângulo com uma cidade que fica a umas sete horas de Nova Delhi: Rishikesh.

Rishikesh é simplesmente um dos lugares mais agradáveis da Índia. Vila às margens do rio Ganges, lá é possível conhecer um pouco da fé hindu, passar alguns dias num ashram, andar por lugares onde os Beatles estiveram, na década de 1960 e – o mais importante – nadar e até mesmo fazer rafting no rio Ganges, que é completamente limpo naquele trecho.

Estátua de Shiva no Ganges em Rishikesh, Índia

Caso escolha essa roteiro, fique duas noites em Delhi, siga durante o dia para Agra, fique uma ou duas noites por lá e depois siga para Rishikesh, que é muito mais agradável do que Agra. Você pode fazer o percurso entre as cidades de ônibus, carro ou de trem. No caso de Rishikesh, é preciso ir de trem até Haridwar, cidade próxima, e de lá pegar um tuk-tuk ou taxi. Veja nosso post sobre como organizar sua viagem de trem pela Índia.

Roteiro Rajastão

O Rajastão é a Índia que você viu na TV: fortes, marajás, encantadores de serpentes, camelos e elefantes. Ali também fica o Deserto do Thar, que durante séculos foi utilizado como rota de especiárias, que eram transportadas no lombo de camelos. Hoje os camelos transportam apenas turistas, que visitam as várias cidades do mais turístico dos estados indianos.

Existem várias cidades incríveis no Rajastão. Nós estivemos em quatro: Jaipur, Udaipur, Jodhpur e Jaisalmer. A primeira serve de porta de entrada para o estado, mas certamente não é um local para ficar muitos dias. Esse lugar é Udaipur, cidade cercada por lagos, fortes de marajás e com um ambiente muito tranquilo.

Jodhpur tem um mercado típico muito bacana (ou seja, caótico) e forte mais impressionante da Índia. Localizada na fronteira com o Paquistão, Jaisalmer tem também o seu forte. Ao contrário dos outros, este ainda serve de moradia para parte da população da cidade. Além disso, é em Jaisalmer que ocorre o famoso safári de camelo pelo deserto.

Vista do forte de Jaisalmer

Jaisalmer

Outro lugar interessante do Rajastão – mas onde nós infelizmente não fomos – é Pushkar, cidade onde uma vez por ano ocorre uma tradicional feira de camelos. Vale conferir se a data da sua viagem é a mesma da feira, o que certamente justificaria parar por lá.

Nós saímos de Delhi e fomos de trem para Jaipur. De lá, pegamos um ônibus para Udaipur, onde ficamos quatro noites (é possível ir de trem). Em Udaipur pegamos um busão capenga para Jodhpur, onde ficamos mais duas noites. O trajeto entre Jodhpur e Jaisalmer também foi feito de ônibus. São necessários entre 10 e 12 dias para fazer esse roteiro com tranquilidade.

Roteiro de viagem pelo norte da Índia

A parte mais legal do país. Esse é o norte da Índia, que deveria ser visitado por todo viajante que desembarca pela primeira vez por lá. Um bom exemplo é McLeod Ganj, vila encravada no Himalaia indiano, de difícil acesso e onde vive o Dalai Lama e o governo em exílio do Tibet. McLeod foi o lugar mais incrível que visitamos por lá.

Outra cidade que merece destaque – principalmente no inverno – é Manali, onde fica uma das principais estações de esqui da Índia. Sim, na Índia neva. E não é pouco.

No mesmo estilo é Shimla, que já foi capital de verão da Índia britânica. Vale incluir pelo menos uma das duas num roteiro pelo norte do país, pelo menos se sua viagem for durante o inverno, época em que essa parte da Índia fica cheia de montanhas nevadas e rios congelados.

Vista-Himalaias-Manali

Na fronteira da Índia com o Paquistão fica Amritsar, cidade sagrada para os sikhs, religião monoteísta comum no estado indiano do Punjab. Amritsar é uma cidade para a qual o adjetivo agradável definitivamente não se aplica, mas com uma coisa muito especial: o Golden Temple, um templo dourado que é considerado sagrado pelos Sikhs. Ele pode até não ser tão famoso quanto o Taj Mahal, mas certamente é tão interessante como. Ou mais.

Um roteiro pelo norte da Índia também deveria incluir Varanasi, definitivamente uma das top-5 cidades que precisam ser visitadas no país. A mais sagrada cidade dos hindus pode até meter medo, afinal o rio Ganges tem uma fama bem ruim fora da Índia, mas certamente causa um impacto em todo viajante que passa por lá. Esse roteiro poderia ser completado com outras cidades que já falamos, como Rishikesh, Agra e Nova Delhi.

Combo Rajastão + norte

Se você tiver um mês para gastar na Índia, gaste no Rajastão e no norte do país. Num caso assim, o ideal é escolher quais lugares te interessam mais e fazer uma mistura entre os dois últimos roteiros, incluindo as cidades mais interessantes da Índia, mas sem fazer uma viagem absurdamente apressada. Eu incluiria Jaisalmer e Udaipur, no Rajastão, Amritsar, no Punjab, Delhi, Agra, Varanasi, Rishikesh e McLeod Ganj. Pronto: Tá aí um roteiro muito legal pelo país.

Se sobrar tempo, vale incluir mais cidades do Rajastão e também Khajuraho, a cidade dos templos do Kama Sutra, que fica a algumas horas de trem de Varanasi. No inverno, considere incluir Manali. A melhor forma de se locomover entre as cidades é de trem. Quando ele não estiver disponível, opte pelo ônibus ou alugue um carro (com motorista). E o legal de um roteiro assim é que ainda dá para incluir alguns dias no Nepal, que afinal de contas está logo ali.

Outros roteiros pela Índia

É lógico que existem outros lugares interessantes na Índia. No sul está o Kerala, que tem atraído muitos estrangeiros. Por lá também fica Mumbai, a mais incrível metrópole indiana. Goa, a região de praias que já foi portuguesa e que até lembra um pouco o Brasil, também entra na lista de viagens de muita gente.

E ainda tem a Caxemira, onde nós não fomos, mas que queremos um dia visitar. Todos esses lugares são interessantes, mas acho que não cabem num primeiro roteiro de viagem pelo país, a não ser que você tenha muito tempo por lá (como a gente teve) ou interesses específicos nessas regiões. Veja também: como montar seu roteiro pelo sul da Índia

Seguro

Vai viajar? O seguro de viagem é obrigatório em dezenas de países e indispensável nas férias. Não fique desprotegido na Índia. Veja como conseguir o seguro com o melhor custo/benefício para o país – e com cupom de desconto.


Compartilhe!



Com o 360meridianos, você encontra as melhores opções para planejar a sua viagem. Confie em quem já tem prática no assunto!

 

Reserve seu hotel com o melhor preço e alto conforto

 


Veja as melhores opções para seguros de viagem

 


Transfira dinheiro para o Brasil e exterior com menos taxas

 


Alugue veículos com praticidade e comodidade

 




Quer 70 páginas de dicas (DE GRAÇA!)
para planejar sua primeira viagem?




Rafael

Quando criança, eu queria ser jornalista. Alcancei o objetivo, mas uma viagem de volta ao mundo me transformou em blogueiro. Já morei na Índia, na Argentina e em São Paulo. Em 2014 voltei para Belo Horizonte, onde estou perto da minha família, do meu cachorro e dos jogos do América. E a uma passagem de avião de qualquer aventura. Siga minhas viagens também no instagram, no perfil @rafael7camara no Instagram

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

132 comentários sobre o texto “Dicas para montar o seu roteiro de viagem na Índia

  1. Olá Rafael!

    Gostei muito da sugestão do Combo Rajastão + Norte. Vc acha que seria possível em 19 dias fazer Delhi, Jaipur, Jodhpur, Udaipur, Rishikesh, Mcleodganj, Agra e ainda alguns dias no Nepal?
    Retirei Varanasi por causa do tempo, mas vi que vc reconenda muito.

    1. Oi, Janine. Acho que seria muito corrido. Sem o Nepal fica tranquilo. Ou então eu tiraria uma ou duas cidades da Índia.

      Dá pra fazer isso tudo nesse tempo, mas vai ser uma correria enorme. Tenha em mente que trens e ônibus podem atrasar. E isso não é incomum, não.

      Abraço.

  2. Rafael,
    obrigada pelo post. Irei para a Índia agora em fevereiro e o blog está sendo muito útil.
    Queria te perguntar sobre a ordem das cidades no Rajastão para facilitar o transporte (porque li que algumas não tem conexão com as outras). Tenho um casamento em Mumbai e, de lá, quero visitar o Rajastão, Delhi, Agra e Varanasi. No Rajastão, pensei em ir a Udaipur, Jodhpur e Jaipur. Você sabe qual seria melhor visitar primeiro, para conectar com as outras?

    Obrigada

  3. Que blog maravilhoso! Parabéns!!
    Infelizmente os mapas com os roteiros estão dando erro, como se o link estivesse quebrado, vocês poderiam verificar??

    Obrigada <3

  4. Olá Rafael, tudo bem? Primeiramente gostaria de deixar um mega elogio para todos vocês pelo incrível trabalho que fazem aqui no 360! É sempre um lugar obrigatório para minhas leituras! Gostaria de uma ajuda: estou planejando minha viagem para India e estou um pouco perdido com a Logística. Gostaria de ir para Delhi, Agra, Jaipur (o famoso triângulo dourado) e Varanasi, além de um pulo no Nepal. Terei duas semanas para fazer tudo isso, mas não gostaria de deslocamentos grandes, prefiro fazer de avião. Alguma sugestão? Por onde começo? Delhi-Agra ou Delhi-Jaipur? Por favor, a opinião de vocês será muito importante! Obrigado e parabéns por disponibilizar tantas informações preciosas!!

  5. Olá Rafael,
    Estou viajando para a Índia em Outubro.
    Chego dia 6 e volto para o Brasil dia 14.
    Para este curto tempo.Eu precisaria de ajuda.Qual o roteiro vc me sugeria.
    Estou indo com mais 7 adultos.
    Obrigada pela atenxao

  6. Olá!
    Estarei na India entre 11/05 e 18/05, gostaria de conhecer NOVA DELHI, VARANASI, JAIPUR e AGRA.
    Escolhi este roteiro porque quero muito conhecer o Ganges e se possível o ritual do fogo em Varanasi, em Jaipur quero ir até o parque Elefantastic andar de elefantes, e em Agra quero conhecer o Taj Mahal.
    Não comprei as passagens internas, pois não sei se o trajeto é mais fácil de avião ou de trem já que o tempo é bem curto.
    Podem me ajudar?
    Roteiro:
    NOVA DELHI – 12/05 conhecer a cidade o dia todo e seguir para Varanasi em 12/05 pela manhã.
    VARANASI – 13/05 chegada pela manhã e ficar dias 13 e 14.
    JAIPUR – 15/05 chegada pela manhã, ficar dias 15 e 16, talvez voltar para Nova Delhi para depois seguir para Agra.
    AGRA – 17/05
    NOVA DELHI – 18/05 embarque pela manhã para Europa.
    No guia de vocês tem orientação sobre receptivos na India?
    Preciso de mais detalhes sobre as cias de trem.
    Recomendam algum guia local que fale português?
    Obrigada. Glauce

  7. Olá meus amigos , sou brasileira e trabalho com turismo na India, Sou proprietária na empresa Ishq India Tours, podem pesquisar no facebook , Trip advisor e até mesmo no google, Deus tem honrado nosso trabalho, e cada dia mais, estamos plantando a semente no amor no coração das pessoas que viajam conosco, entre em contato apaixone se pela India vc também ! [email protected] Grata!

  8. Olá!

    Que maravilha que encontrei este blog…pretendo viajar a India pela primeira vez agora no mês de março e acho que estou muito atrasada, pois ainda não comprei as passagens. E encontrar vocês foi mais do que útil…assim, estou pretendendo fazer o roteiro sugerido: Delhi – Agra – Rishikesh, pois ficarei poucos dias por lá (uns 4 dias).

    Inicialmente, quero ver o Festival Holi e por isso a viagem está programada para o dia 11 de março, chegando em Delhi no dia 12. O festival acontece no dia 13. Vocês recomendam participar deste festival em Delhi?

    E outra grande dúvida: qual a forma mais segura e confortável de fazer esse triângulo Delhi – Agra – Rishikesh? A pergunta existe porque li o texto sobre viajar de trem na India e fiquei um pouco assustada.

    Essa será minha primeira e grande experiência em um pais tão distante e tão diferente em tudo do lugar que vivo e dos lugares que já visitei.

    Agradeço a atenção e parabenizo pelo blog.

    Luciana

    1. Oi, Luciana. Você pode ir de Delhi para Agra de trem. De Delhi para Rishikesh só de ônibus. Acredite: as viagens de trem são bem melhores que as de ônibus. Apenas garanta sua passagem com antecedência e evite as classes mais baratas.

      Sobre o Holi, tome cuidado, principalmente se estiver viajando sozinha. Grandes aglomerações são complicadas para mulheres na Índia. Nós passamos o Holi numa cidade menor: Udaipur.

      Boa viagem. 🙂

  9. Oi Rafael, Tudo bem?
    Dia 2 de Março vamos fazer uma viagem para a Índia e Nepal e teremos 31 dias livres. Destes 31 dias, 10 dias ficaremos no Nepal e 21 na Índia. Chegaremos por Mumbai e voltaremos ao Brasil por Delhi.
    Queria sua opinião e algumas dicas. Temos uma idéia para nosso roteiro sendo: Mumbai – Aurangabad – Rajastão (Udaipur, Jodhpur, Jaisalmer, Jaipur, Agra e Delhi) – Varanasi(?)- Amritsar – Kashmir. Você acha viável e qual seria a ordem que você nos indicaria para fazer esses destinos que escolhemos? Com certeza precisaremos pegar um ou outro aéreo para viabilizar o tempo que temos e a quantidade de locais que queremos fazer.
    Pode nos ajudar?
    Aguardo seu retorno e agradeço.
    Abs,

    1. Oi, Anna.

      Olha, são 11 lugares em 21 dias. Eu acho muito. Dá pra fazer sim, mas se você conta os tempos de deslocamento fica bem corrido. Sei que dói, mas eu cortaria algumas cidades. Mas também entendo quem gosta desse estilo de viagem mais corrida, sabe? Cada um na sua, então é uma questão de gosto também. 🙂

      Dessas, recomendo fortemente Udaipur. E também Varanasi, que você está em dúvida, e Amritsar, por conta do Golden Temple. A Caxemira eu não conheci, infelizmente. Deu uma olhada em como estão as temperaturas por lá nessa época? Eu não fui por conta do frio. Sei que o inverno já estará distante, mas vale a pena conferir. 🙂

      Vocês precisam de alguns aéreos sim, principalmente para ir do sul para o norte. Muitos desses trechos, como os do Rajastão e Agra e Délhi, dá pra fazer de trem ou ônibus.

      No que mais posso ajudar?

      Abraço.

  10. Boa tarde, quero muito conhecer a Índia. Fazendo as contas das férias, teria disponível
    13 noites. Um lugar que não pode faltar no meu roteiro é Agra, por causa, do Taj Mahal. Quais cidades me indicariam para conhecer? Quero muito ver palácios, as tecelagens… É tanta coisa. Rs…

  11. Parabens pelo texto … mas senti falta de dados MEGA IMPORTANTES como valores, visto (da India pro Nepal precisa de Visto?) e locais pra ficar (tipo mochilão mesmo, sem luxo). Poderia ajudar com essas informações ?

    1. Oi, Beto.

      Siga os links do texto. Eles te levarão para outros textos com as respostas. 🙂 Todas essas dúvidas, que são sim mega importantes, foram tratadas aqui no blog. Mas são assuntos diferentes. Olha só:

      https://www.360meridianos.com/2014/04/quanto-custa-uma-viagem-para-india.html
      https://www.360meridianos.com/2014/08/como-tirar-o-visto-do-nepal.html
      https://www.360meridianos.com/2014/12/visto-india-internet.html
      https://www.360meridianos.com/2012/11/visto-india-2.html

      Sobre hospedagem, também temos várias dicas, mas antes você precisa definir as cidades. 🙂 No texto mesmo linkamos para dicas de hospedagem em algumas cidades indianas.

      Abraço.

  12. Olá, Rafael!

    Parabéns pelo post, está mega completo!

    Estarei viajando pela Índia e montei o meu roteiro na seguinte ordem: Delhi (3 dias), Agra (3 dias), Jaipur (4 dias), Udaipur (4 dias), Jodhpur (4 dias), Jaisalmer (4 dias), Rishikesh (7 dias, pois pretendo ficar em um Ashram), Varanasi (4 ou 5 dias) e de Varanasi estarei indo de ônibus para o Nepal.

    Gostaria de saber se você mudaria algo com relação a ordem das cidades e gostaria de saber também se existe ônibus de Jaisalmer para Rishikesh ou por ali perto só há ônibus através de Jaipur.

    Obrigado. 🙂

    1. Parece ótimo, Luis! Uma baita viagem. Olha, posso estar errado, mas acho que não tem não.

      Você pode ir para Delhi e de lá pegar um ônibus para Rishikesh. Ou pode voltar para Jodhpur e de lá pegar o trem para Haridwar, que fica pertinho de Rishikesh – uma corrida de Tuk Tuk.

      Talvez, se você conseguir, pode até ir de Udaipur para Jaisalmer e deixar Jodhpur por último no roteiro Rajastão, só por conta disso.

      Abraço.

  13. Boa tarde !

    Muito bom o Blog.
    Próximo ano irei passar 20 dias na Índia, irei chegar por Nova Deli.Gostaria de algumas sugestão de roteiro a serem feitos. De lugares impares a serem visto .
    Conto com sua ajuda !

    Obrigado.

  14. Muito boa as dicas Rafael, estou indo em janeiro para tailandia e certamente quero passar pela India, ainda não sei quantos dias, como vou com minha namorada e vi em alguns sites que até mesmo para reservar hotel eles são taxativos com as mulheres.
    Penso em conhecer o Taj Mahal e mais algo, oque me indica para uma viagem de no max 3 dias pela India?
    Abraço

  15. Estou começando a planejar uma viagem à India e adorei o post.
    Eu adoraria fazer uns 15/18 dias de turismo e, na última cidade, passar uma semana em algum ashram de yoga, meditação e/ou algum trabalho voluntário.
    Vc, por acaso, conhece algum?
    Depois envio mais perguntas.
    Obrigada

  16. De repende me veio a ideia de ir para a India nas próximas férias. Mas é dificil escolher que lugares visitar em um pais tão grande. Aqui eu achei as informações que eu precisava. Dicas valiosissimas!!! Parabéns!!!

  17. Oi Rafael! O Blog é realmente ótimo, estou planejando uma viagem para a Áseia e ele tem me ajudado muito. E por falar nisso, pretendo viajar no final de maio e início de junho, sei que é verão e início das monções em muitos lugares…eu queria mesmo ir pra Índia mas estou com medo que o calor destrua minhas férias, o que você acha?
    a outra opção seria Indonésia e Malasia, lá é um pouco mais ameno o verão, certo? ou não??
    Ficaria bem feliz com sua resposta 🙂

  18. Rafael, tudo bem querido?

    Primeiramente, parabéns MESMO pelo site, amo as dicas de vocês e tô sempre passando por aqui! Hahaha. Esse post ajudou muuito porque acabei de comprar passagem pra Tailândia, mas minha viagem dos sonhos é Tailândia + Índia + tô muito na dúvida do terceiro lugar (to entre Camboja e Bali, basicamente hahaha), então ainda estou definindo quanto tempo exatamente vou ficar em cada lugar. São 27 dias (na verdade 26 inteiros, o primeiro chego na hora do almoço e conheço um pouco de bangkok) de viagem e inicialmente pensei em passar 8 na Tailândia (pra poder passar essa primeira tarde + 2 dias em Bangkok e o restante em Koh Tao e as outras ilhas), 8 na Índia e, desses 10 restantes, passar 7 na Indonésia e 3 dias em Camboja, e então voltar pra Bangkok pra pegar o vôo de volta rs.

    Só que na Índia eu queria muuito passar em Delhi e Agra, mas também quero demais passar os 2 dias que vc indicou em Jaisalmer, um pra conhecer a cidade e outro pro passeio de camelos. Mas pra fazer esse roteiro vc disse que precisaria de uns 10-12 dias, né?
    Então, se vc puder, queria pedir qual sua sugestão, já que vc conhece todos os lugares e sabe melhor de onde dá pra “tirar dias” e onde realmente precisa de mais pra conseguir conhecer sem uma pressa absurda! hahaha especialmente na Índia.. pq meu sonho é conhecer a Índia (tenho um instagram chamado @invertisa em que falo sobre yoga e inspiração e tal, e por ter feito formação em yoga sinto essa energia muito forte me puxando pra Índia.. Achei demais que vc já morou um tempão lá!), então realmente quero poder aproveitar!

    Mas ao mesmo tempo eu queria muuito mesmo conhecer Angkor, mas se for ficar muito inviável e for melhor usar os 3 dias que passaria lá pra ficar mais na Índia, acho que talvez seja uma opção melhor.

    Me dá um conselho do que vc faria? hahaha e em qual ordem vc faria, tb? Pensei que talvez seja melhor primeiro Tailandia, depois Camboja, depois Bali e Índia por último, se for mesmo fazer todos. O que vc acha? =)

    Super beijo e muito obrigada desde já!!

    1. Oi, Isabella. Obrigado pelos elogios ao blog!

      Eu acho que a ordem é essa mesma que você citou no final.

      Jaisalmer é interessante, mas pensou em incluir Rishikesh? Até pela sua ligação com o yoga… Pode ser mais interessante. Veja esses textos aqui: https://www.360meridianos.com/india/rishikesh

      Acho que com 8 – 10 dias dá pra fazer com calma Delhi, Agra e Rishikesh, por exemplo. Se você quiser correr, dá ainda pra colocar mais uma cidade próxima, tipo Jaipur, mas sou super a favor de viagens mais lentas. 🙂

      O problema de Jaisalmer é ser a última parada do Rajastão, mais complicada de chegar. Mas, claro, acho que você deve visitar as cidades que mais te interessaram.

      Abraço.

      1. Oi Isabella, tudo bem?

        Sem querem me intrometer, mas ja me intrometendo, acho que posso te ajudar…fiz uma viagem de 28 dias em novembro pela Tailandia, Índia, Camboja e Singapura…

        Por experiência própria, sei que devem estar passando várias dúvidas pela sua cabeça. Por isso peço desculpas ao Rafael pela intromissão heheheh

        Se precisar de ajuda, meu email é [email protected]
        Abracos

  19. Boa noite Luíza, Natália e Rafael. Posso dizer que sou um felizardo por já ter visitado a Índia, lugar que nenhuma foto pode registrar o que se sente. Quando estive na índia, viajei por uma agência de turismo (Special Tours) e tudo correu muito bem. A viagem ficou restrita ao triângulo dourado e tudo foi maravilhoso, tanto que desejo retornar, só que preferia visitar outros lugares, embora repetir o Taj Mahal não é nenhum sacrifício.
    Um local que gostaria muito de conhecer é o Templo Dourado (Amritsar) e não consigo encontrar agências que incluam esse destino, sem incluir o triângulo dourado. Vocês indicariam alguma agência da India que seja confiável e que eu possa tentar montar um roteiro com Amritsar?

    1. Oi, Ricardo. Infelizmente a gente não consegue indicar agências porque nós fizemos tudo por conta própria. Mas posso te garantir que vale muito conhecer esse templo. 🙂

      Abraço.

  20. Olá boa noite, preciso da vossa ajuda eu vou com a minha filha de 18 anos à Índia em Março e gostava da vossa ajuda no seguinte:
    – podemos contratar alguém para nos acompanhar nos transferes e algumas visitas??
    – um ashram onde possamos ficar 3 dias para meditar .estou a pensar fazer deli- agra – jaipur – ( ashram em rishikesh ou puskar ou bodhgaya) – varanassi- Goa- mombaim o
    Obrigada

  21. Olá boa noite, preciso da vossa ajuda eu vou com a minha filha de 18 anos à Índia em Março e gostava da vossa ajuda no seguinte:
    – podemos contratar alguém para nos acompanhar nos transferes e algumas visitas??
    – um ashram onde possamos ficar 3 dias para meditar .estou a pensar fazer deli- agra – jaipur – ( ashram em rishikesh ou puskar ou bodhgaya) – varanassi- Goa- mombaim

  22. Olá Rafael, tudo bem?
    Estou planejando minhas férias na India, porem irei sozinha, gostaria de saber se é muito perigoso uma mulher viajar para a India sozinha?Vou começar a planejar no próximo ano, minhas férias que será só em setembro. Se tiver alguma dica me diz, por favor.
    Muito Obrigada

  23. Oi pessoal, primeiro de tudo parabéns pelo blog, cai aqui de paraquedas procurando dicas para a India e ja quero planejar mais umas tres viagens hehe
    Bom, vou viajar pra India em 20 dias, pra passar 45 dias em Delhi, trabalhando voluntariamente num hospital, por meio da AIESEC, e queria montar um planinho de viagens pros finais de semana e tambem pra minha ultima semana lá, quando o projeto ja vai ter acabado e eu vou estar livre.
    Pensei nas cidades mais tradicionais mais ao norte, como voces mesmos recomendam, como Agra, Jaipur, Rishikesh etc. e tambem queria muito conhecer Mumbai e dar uma passadinha pelo Nepal, pq ja que vou estar la mesmo, porque nao rs. Ao todo tenho cinco finais de semana livres, sem contar o primeiro, que é ano novo, entao provavel que passe em Delhi mesmo.
    Enfim, ajudem uma jovem de 20 anos desesperada pra conhecer tudo, que nao sabe pra onde ir, nem como ir e é a pessoa mais chata do mundo pra comer.
    obrigada 🙂 🙂

    1. Oi, Gabi. Legal sua viagem. 🙂

      Agra, Jaipur e Rishikesh você consegue conhecer em finais de semana facilmente. Mumbai também, desde que você vá de avião, mas o ideal é ter uns três ou quatro dias. Acho que vale a pena você tentar ir em Varanasi – também é possível fazer a viagem num fim de semana, embora três dias fosse uma opção melhor

      Por fim, o ideal é deixar uns 7 dias pro Nepal. Tente conhecer pelo menos Kathmandu e Pokhara.

      Qualquer dúvida é só falar.

      Abraço.

  24. Oi Rafael!
    Estou indo com mais dois ou três amigos homens para India no fim de outubro. Temos cerca de 25 a 30 dias. Lendo seus posts cheguei ao seguinte roteiro: Delhi – Rishikesh – Agra – Udaipur – Jaisalmer – Khajuraho – Varanasi e por ultimo Mumbai.
    O que vc acha? Rola fazer de trem e nessa quantidade de tempo? Tem alguma dica melhor? E quanto a ordem das cidades?

    Desde já obrigada!

  25. Olá Rafael, tudo bem?
    Acabei de comprar passagem pra Índia, pra passar o Natal e Ano Novo. A questão é: quais seriam os melhores destinos nestas datas? Pensei em algum lugar no Norte, mas onde celebrar? Obrigada 🙂

  26. Olá, Pessoal

    Vou para a India em março, sempre to lendo aqui os relatos de vocês. Se possível, gostaria de um ok de vcs para o roteiro que penso em fazer: Deli, Agra, Varanasi, Khajuraho e Jaisalmer, tenho 11 dias inteiros e tenho um receio de que não dê tempo de fazer todas as cidades devido a distancia entre as mais extremas : Jaisalmer e Varanasi, mas não abro mao de nenhuma, rs. As mais próximas penso em fazer de trem e as mais distantes de avião. O que vcs acham? Uma média de 2 dias para cada cidade está razoavel? Pensei em tentar achar trens noturnos tbm, aí pouparia tempo… espero contar com a juda de vocês! Obrigada Beijos e muitas viagens a todos nós!

    1. Vai ser corrido, mas se você não abre mão, acho que dá, Angela. Só Delhi e Varanasi que eu acho que poderiam render mais dias. Em Varanasi nem tem tanto para ver, mas a aura da cidade é incrível.

      Abraço.

  27. Olá Rafael, estou indo para India em março 2016, pelo que estou vendo a dificuldade de passagem de Trem e Ônibus e Avião, Delhi/ Agra /Varanasi / Katmandu /Bang Kok. Poderia me dar alguma orientação a respeito. Obrigado. celso

  28. Vou pra Índia em Março, gostaria de saber do clima no norte!

    Com passaporte europeu tenho que providenciar Visto?
    meu roteiro Delhi- Agra

    Rishikesh- Mac Leod Ganj com 17 dias entre sair e voltar de Amsterdam.

    Entre Rishikesh e Mac Leod você indica uma ou mais cidades para conhecer???

  29. Oi, Rafael! Tudo bom?
    Estou na Índia nesse momento, mais precisamente em Jaipur, e queria saber se você pode me dar umas dicas! Vou ficar aqui por 6 meses estudando yoga, budismo, meditação, e meu primeiro curso será em Dharamshala! Comprei uma passagem pra Amritsar, pois me disseram que era o local mais próximo do meu destino, mas aparentemente ninguém aqui sabe me informar como ir de uma cidade pra outra, rs!
    Você chegou a fazer esse trajeto? E de Dharamshala pra Rishikesh? Alguma dica?
    Brigada desde já,
    Renata

    1. Oi, Renata. Bom, faltou responder de Dharamshala para Rishikesh. Também não fiz esse trajeto, mas achei algumas informações na internet. E novamente a coisa não é fácil: ou você faz um complexo sistema de baldeações ou então contrata um motorista particular.

      https://www.lonelyplanet.com/thorntree/forums/asia-indian-subcontinent/topics/dharamsala-to-rishikesh-21f6841a-3721-499c-96e5-6b03d407243d
      http://www.tripadvisor.com/ShowTopic-g580106-i9979-k6299185-Rishikesh_to_Dharamsala-Rishikesh_Uttarakhand.html

      Se você tiver tempo de sobra, faça uma parada em Chandigarh, que fica no meio do caminho entre as duas cidades.

      Abraço.

  30. Parabéns Rafael ! Se possível gostaria de uma orientação. Chego em Mumbai e depois subo pelo rajastao até agra. Depois de agra ainda me restam 10 dias de viagem, onde gostaria de fazer uma viagem tranquila sem muita correria e de trem. Pensando que tenho que estar em delli no 10 dia para embarcar no dia 11. Qual trajeto você faria e que cidades vc visitaria ? Delli entraria no seu roteiro ou somente como a cidade outbond. Não tenho preferências só queria realmente uma locomoção e viagem tranquila

    1. Há um trem Agra Varanasi. Acho que vale a pena dar uma olhada nele. Delhi entraria no meu roteiro sim. E, se tiver tempo, eu incluiria uma passagem por Rishikesh, a partir de Delhi. A forma mais direta de ir é de ônibus.

  31. Caro Rafael, boa noite.
    Parabéns pelo seu trabalho! Muito completo e claro!
    Estou em uma situação um pouco delicada: preciso melhorar meu inglês para assumir um desafio profissional em janeiro e pensei em fazer uma viagem de uns 60 dias para treinar. O pequeno detalhe é que não tenho dinheiro! Meu projeto é financiar as passagens (minha e de minha esposa) e mochilar fazendo couch, hostel, camping, trabalho voluntário ou o que aparecer que viabilize este período em um país de língua inglesa. Pergunta: acha que a Índia pode ser este lugar? Temos algumas afinidades com a cultura hindú e por isso pensamos neste país, mas estou totalmente em função do melhor custo x benefício. Gratidão por sua opinião. Sucesso sempre!

  32. Grande Rafael, sem seu livro e dicas, minha viagem à India seria extremamente complicada. Passarei lá o mês de novembro. O roteiro está montado e algumas passagens de trem compradas (agora podem ser compradas com 90 dias de antecedência e no máximo 10/mês de calendário). Estou organizando um blog com minha experiência: mais uma aplicação prática dos seus ensinamentos. Tenho uma dúvida ou melhor duas:1) rede elétrica: 110/220, 50/60Hz, tipo de tomada? adaptador? 2) compensa colocar um chip indiano no celular? Valeu pela ajuda.

    1. Fico feliz de estar ajudando, Samuel.

      Como muitos aparelhos hoje em dia ligam tanto em 110 como em 220, não prestei atenção nisso. Mas tenho quase certeza que era 220. Esse site aqui diz que era: http://www.travelproducts.com/electricity_guide.htm

      Sobre o adaptador, quando a tomada era a antiga, aquela de dois pinos, eu não precisava, mas tinha que usar na tomada brasileira nova, de três pinos. Em todo caso, leve aquele adaptador universal, com várias entradas, sabe? Deve resolver.

      Sobre o chip: sim, sempre compensa ter um. Mas tem um problema. Na época em que eu estive lá só era possível conseguir o chip com um comprovante de residência da Índia. Não sei se essa situação mudou. Espero que sim.

      Abraço e depois me manda seu blog. 🙂

    2. Oi Rafael, tudo bem? Adorando suas dicas

      Minha viagem é para daqui a 40 dias e eu ainda estou perdida no meu roteiro! Heheh

      Vou ficar 8 dias, com chegada e partida de Delhi. Gostaria de conhecer agra, rishikesh e varanasi

      O difícil mesmo é locomoção, né? pensei em fazer de trem e de preferência trem para dormir. Onde encontro informações? Onde compro os Tickets? Vou com uma amiga, você acha perigoso dormir no trem? Tem alguma dica de roteiro? Qnts dias, locomoção etc?

      Obrigada

      1. Oi, Camila. Veja esse texto aqui:

        https://www.360meridianos.com/2012/06/como-viajar-de-trem-na-india.html

        Delhi – Agra é uma viagem de no máximo 5 horas. Não compensa fazer de noite. De Agra você pode pegar um trem noturno para Haridwar, que fica perto de Rishikesh, e de lá pegar um táxi ou tuk-tuk. Não há trens diretamente para Rishikesh. Essa é uma viagem noturna.

        Assim como a viagem Delhi – Varanasi, que também é mais demorada. Não acho perigoso, mas compre tickets de classes mais caras, para evitar problemas.

        Abraço.

  33. Rafael, preciso de alguns conselhos…Vou para Índia em Novembro e meu roteiro, por enquanto, será:
    11/Nov às 09:00 = Chegada a Nova Delhi
    12/Nov às 06:00 = Viagem de trem até Agra, chegando lá as 8. Vamos conhecer Taj Mahal e Agra Fort.
    12/Nov às 18:00 = Viagem de trem até Jaipur. Ficaremos lá o dia 13.
    14/Nov às 08:30 = Viagem de avião até Varanasi. Passaremos o dia 14 e dia 15.
    Dia 15 às 20:00 = Vôo até Nova Delhi. Ficaremos até o dia 18.

    As passagens de avião já estão compradas. Mas estou com dúvida no roteiro de Agra e Jaipur, então ainda não comprei as passagens de trem.
    A príncípio, estamos planejando chegar em Agra logo cedo, visitar o Taj Mahal e o Agra Fort e no final do dia ir para Jaipur. O que você acha? É o suficiente? Ou seria melhor ir para Jaipur mais tarde (ou até mesmo na manhã do dia seguinte)?

    Muito obrigado pela ajuda e parabéns pelo relato!

    Abraços

    1. Oi, Guilherme. Acho que dentro do tempo que você tem é isso mesmo, não tem muito o que mudar.

      A visita ao Taj Mahal não costuma ser demorada não. E Jaipur tem bastante coisas para conhecer.

      Abraço.

  34. Adorei as dicas de viagem que deu no post, parabéns.
    Gostaria apenas de tirar uma dúvida, quanto tempo seria o ideal para conhecer boa parte da índia e seus principais pontos destacados no post?

    1. Oi, Victor. Isso depende do seu roteiro.

      Mas, para começar a pensar, com 15 dias já dá pra ver bastante coisa interessante. Se você tiver mais tempo, tipo um mês, melhor – você visita várias cidades. E sempre vai ter mais lugares para visitar. Eu fiquei seis meses, mas não vi tudo que queria. 🙂

      Abraço.

  35. Oi Rafael,

    Adorei o post e as dicas!!
    Vou passar na Índia poucos dias, pois vou aproveitar a volta de uma viagem à Tailândia.
    Você sabe me informar qual o local mais perto de Jaipur oferece passeios de camelo?
    Ou esse serviço existe apenas nas proximidades da fronteira com o Paquistão?
    Grata!!

    1. Não sei te dizer, Jéssica. Mas ó: se você tem poucos dias, a Índia tem passeios e tours mais interessantes. 🙂 Já pensou qual roteiro você quer fazer?

      Se precisar de ajuda, só falar.

      Abraço.

      1. Obrigada pelo retorno Rafael!!

        Como são poucos dias mesmo, pensei no triângulo dourado tradicional.
        Vejo camelos em quase todas as fotos em todos os lugares da Índia rsrsrs… mas sobre andar de camelo só li aqui mesmo no blog sobre Jaisalmer, que muito longe de Delhi para uma viagem curta.

        Mais um vez, Obrigada!!

  36. Olá Rafael, obrigada pela tua rápida resposta :). Gostava então que me sugerisses um roteiro mais ou menos dentro daquelas zonas que falei . Ou melhor ,o que achas que posso cortar ? Já me disseram que Dehli não é nada de especial e que em Agra só vale mesmo o Taj Mahal . Mas estou muito dividida , num pais com tanta diversidade é muito difícil fazer um roteiro. Abraços

    1. Oi, Inês. Existem muitas atrações em Agra além do Taj Mahal, mas a verdade é que não se trata de uma cidade agradável, daquelas que dão vontade de ficar por semanas, tipo Udaipur ou Rishikesh.

      Veja esse texto:

      https://www.360meridianos.com/2014/07/agra-alem-taj-mahal.html

      Delhi tem coisas interessantes sim, mas realmente não é minha cidade favorita da Índia. O problema, no entanto, é que quase toda sua viagem é pela parte norte do país. Com isso, fica inevitável: você vai acabar tendo que passar lá, nem que seja para pegar um voo ou um trem.

      Você faz muita questão de Goa? Aproveitando a deixa, você é do Brasil mesmo, ou de Portugal? Parece uma pergunta boba, mas isso me ajuda a te aconselhar a cortar Goa (ou não).

      Abraço.

      1. Sou portuguesa, de Lisboa :). Não é que faça questão de ir a Goa, mas já me disseram que é imperdivel e depois de uns dias de mochila às costas achei que saberia bem relaxar nas praias de Goa . A minha ideia e já estive a ver preços era apanhar avião interno até Goa. Realmente é um desvio bem grande, estou completamente dividida eheheheheh. Obrigada pela tua ajuda 🙂

        1. haha! Eu imaginei que fosse isso. Porque sim, Goa é o desvio no caminho do seu roteiro. A lógica seria tirar a região, mas se você faz questão, até por conta da história portuguesa de Goa, não deixe de ir lá. É mesmo interessante ver igrejas portuguesas e nomes de ruas que poderiam estar em Portugal (ou no Brasil), mas estão na Índia. 🙂

          Se for só pelas praias, aí não acho que seja uma das melhores paradas na Índia, mas pela história e cultura e bem interessante sim.

          Enfim, vai ser uma escolha complicada mesmo. Outra dúvida: e Mumbai? Por que preferiu começar por lá, não por Delhi? Eu também gosto mais de Mumbai que de Delhi, mas do ponto de vista logístico Delhi poderia ser uma escolha melhor. 🙂

          1. tens toda a razão quanto a começar por Mumbai , mas falaram-me super bem da cidade e a ideia é apanhar voo interno para Jaipur ou Dehli, de forma a poupar tempo de viagem , os voos internos são bastante económicos. Acho que vamos seguir o teu conselho e cortar Goa, ficará para uma outra altura, quem sabe sul da india e srilanka :. Mal tenha o roteiro mesmo definido informo para saber qual a tua opinião. Mais uma vez muito obrigada pela tua disponibilidade. Beijinhos de Lisboa 🙂

  37. Olá antes de mais felicitações pelo vosso Blog, estou fã e na minha opinião um dos melhores sobre viagens :).
    Vou para a Índia de 4 a 16 de Outubro ( 15 dias ). Gostava de conhecer um pouco de algumas regiões e estou a pensar no seguinte roteiro ( ainda não planei bem quanto tempo em cada uma , a ideia é fazer alguns voos internos , pois o tempo não é muito ).
    Mumbai – Jaipur – Udaipur – Agra – Rishikesh – Varanasi – Goa – Mumbai .
    Gostava de saber a tua opinião sobre este roteiro . Estou com receio de ser ambiciosa.

    1. Oi, Inês.

      De fato, acho que é muita coisa para pouco tempo. É possível, mas vai ser corrido. Sobre as cidades, são ótimas escolhas.

      Alguns trechos você vai ter que fazer por terra, como Jaipur – Udaipur. E também Agra e Rishikesh. Há chances, inclusive, de você acabar passando por Nova Délhi, que fica entre alguns dos seus destinos.

      Abraço.

  38. Boa tarde Rafael! Você pode me falar um pouco das estações de esqui na Índia? Como são e onde? Vou viajar a trabalho para a Índia em Janeiro de 2016 e ficarei lá por um mês aproximadamente, como sou amante do esqui, gostaria de poder esquiar por lá… Obrigada!

  39. Oi gente!!! Seguinte, me ajudem. Estou indo para China a trabalho e quero muito passar pela Índia para vivenciar um pouquinho da cultura e conhecer o TAJ MAHAL. Na opinião de vocês, consigo descer em Delhi.. ficar 4 dias inteiros por alí e vivenciar o que quero?! Posso descer lá sem medo e quando chegar lá, fazer o que faço em todas as cidades “normais”? Ex: pegar um taxi, ir até o hotel.. depois me locomover pela cidade e “contratar” um passeio até Agra ou comprar o passe de trem até lá?

    1. Com quatro dias você consegue ver o Taj Mahal e Delhi tranquilamente.

      Também é tranquilo pegar um táxi, prefira os que já vêm com o valor da corrida definido e fechado no aeroporto. Vale também já ir sondando por agências que ofereçam o passeio para Agra pela internet.

      Abraço.

  40. Pessoal, poderiam me ajudar?! Estou planejando uma viagem para a Índia em Outubro de 2015 e os agentes de viagem locais têm oscilado entre dois roteiros: um com Delhi, Agra, Jaipur, Jodpur e Udaipur ou então outro com Delhi, Agra, Jaipur, Khajuraho e Varanasi. Realmente não sei o que escolher! Será minha primeira vez. O que pensam? Entre essas duas opções, qual seria a melhor? Muito grato

    1. Isso depende muito do seu gosto, Erico. Na realidade, os dois roteiros são fantásticos!

      Se religiosidade é uma coisa que te atrai na Índia, melhor não deixar Varanasi de fora.

      Abraço.

  41. Oi Rafael!!!
    Estou encantada com seu post! Super esclarecedor e envolvente. Meu marido sempre comentou de ir à India, mas eu tinha receio ATÉ achar o seu post 🙂
    Dessa forma, estou me empolgando em começar a planejar uma viagem para India entre Agosto/Setembro 15. O que ocorre é que eu morro de medo de bicho e dizem que lá tem muitos. Isso é verdade? Desculpe minha ignorância, mas preciso me certificar disso antes né? Já fomos para Ásia (Tailândia, Vietnã e Laos) e não encontrei nada de muito exótico com relação a isso.
    Outra coisa, dá para conciliar Maldivas a partir de qual lugar? Muito obrigada!!!!
    Rita.

    1. Oi, Rita!

      A Índia é incrível, vale muito conhecer. Temos centenas de post sobre o país aqui no blog. Depois dá uma olhada neles. Quem sabe não te ajuda a acabar com a dúvida e ir logo pra lá? 🙂

      Quando você diz que morre de medo de bicho, está falando de ratos, baratas e outros do tipo? Por que sim, tem muito disso por lá, mas basta você ficar num bom hotel e escolher bons restaurantes para diminuir e muito a chance de se encontrar com eles.

      Fora isso, você vai encontrar alguns macacos em muitas cidades. Mas eles rendem boas fotografias, assim como os elefantes e os camelos. 🙂

      Dá para conciliar com as Maldivas (e sei que muita gente faz isso). Mas, francamente, não sei exatamente a partir de onde, já que não conheço as Maldivas (quem sabe um dia!).

      Qualquer dúvida é só falar.

      Abraço.

  42. Olá pessoal!pretendo ir no meio desse ano (2015), de repente seguir o primeiro roteiro, achei interessante, ficarei 15 dias…
    Vale esticar para Mumbai?Digo pela logística…
    Abçs

    1. Oi, Vanderley.

      Mumbai é interessante, mas o melhor da Índia (na minha opinião) está nas pequenas cidades do norte.

      Se optar por Mumbai, vá de avião a partir de Delhi. São vários voos diários e a logística não fica muito complicada não.

      Abraço.

  43. Olá Rafael, tudo bem?

    Eu quero muito viajar para a Índia.
    Comecei a pesquisar hoje o roteiro de viagem e os gastos…

    Lendo o seu texto me interessei muito por

    Nova Delhi – Agra – Rishkesh

    Serão 13 dias de viagem, quantos dias você indica em cada cidade?
    O roteiro por ordem de visitas seria assim mesmo? Para melhor locomoção?
    Você indica mais alguma cidade em 13 dias?

    Quero muito conhecer a cultura e participar de eventos.
    Alguma dica?

    Obrigada!

      1. Sobre fevereiro, o norte ainda está um pouco frio, mas já começa a esquentar. é uma boa época.

        No começo de março acontece o Holi, que é uma festa incrível. Acho que em 2015 será no dia 6 de março.

  44. Olá queridos o dia está chegando! Parto pra India dia 27 de outubro e meu roteiro ainda não está definido. Vou passar só 20 dias 🙁
    Mas, por enquanto, pensei no seguinte:
    Chego por Deli e vou direto pro Rajastão (5 dias), meu principal objetivo lá é Jaiselmer.
    depois pensei em voltar pra Deli e de lá fazer Varanesi (2 dias) e Rishikesh (3 dias). E se sobrar tempo ir de avião para Cochin e passar alguns dias em Allepey ( 5 dias).
    Seguindo esse plano inicial qual a melhor maneira de organizar esse roteiro?
    qual a melhor cidade para chegar no Rajastão, saindo de Deli, sabendo que o principal objetivo no Rajastão é fazer o safari de camelo em jaiselmer?
    Será que vale a pena ir até o sul com um roteiro tão apertado?
    Um grande abraço e mais uma vez muito grata pelas dicas

    1. Yeahhh!!! 😀 .. muito boa essa ansiedade pré-trip!!kkk
      Olha, voltei do Rajastão para Delhi de trem… peguei o trem mais ou menos 17h e cheguei de manhã em Delhi… é uma viagem tranquila… foi a partir de Udaipur…
      Dá uma checada nas estações de trem mais próximas..e também na disponibilidade de passagens!!!
      Uhuuuuuuuuuuuuuu
      Boa sorte!!
      Ah, fiquem espertos com os preços… porque de frente para um hotel que fiquei no Rajastão, tinha uma agência que cobrava um preço muito bom (para nós brasileiros) pelo safari no deserto…

    2. Oi, Cintia.

      Eu tendo a preferir viajar com calma, colocando menos coisas no roteiro, mas curtindo mais os lugares. Enfim, eu não colocaria o Sul, mas se você quer muito pode ser possível.

      Nesse caso, deixe o sul por último e compre passagens de avião saindo e voltando para Delhi – lembre-se de voltar para Delhi pelo menos um dia do seu voo de volta ao Brasil, para não correr riscos.

      Você pode ir direto de Delhi para Jaisalmer de trem ou pode parar em cidades como Jaipur, dividindo a viagem.

      Você não vai em Agra?

      Abraço!

  45. Bom Dia Pessoal,

    Primeiramente parabéns pelo blog, esta bem estruturado e muito bacana de ler 🙂

    Estou planejando minha viajem com meu esposo, já viajamos por muitos países mas é nossa primeira vez na Ásia, lemos bastante sobre a India mas ainda não estou 100% segura com o fluxo da viajem.

    Estaremos chegando na India via Mumbai no dia 30/09.

    O Trajeto que pensamos é o seguinte, gostaria de ajuda nos pontos abaixo:

    Cidade Noites Dias Meio de transporte
    Mumbai 2 30 – Chegada á 31 á 1
    Udaipur 1 1 á 2 Voo
    Jaipur 1 2 á 3 Trem – 8 horas
    Agra 1 3 á 4 Trem-4/5 horas
    Agra – Varanasi 1 4 á 5 Trem ( Pernoite 12 Horas)
    Varanasi 1 5 á 6 Trem Até Nautawanwa – Taxi Lumbini – 8 horas e 30 min
    Lumbini 1 6 á 7 Taxi 5 horas
    Chitwan 2 7 á 8 á 9 Onibus 5:30 horas
    Kathmandu 2 9 á 10 á 11 Voo
    Delhi 2 11 á 12 á 13 – Saída

    1-) Alguma sugestão de alteração em prazo e destino? Lemos muito sobre Rishikesh, vale a pena tirar/trocar/adicionar o mesmo?
    2-) Sugestão de Alteração no meio de transporte? Verificamos opções com Trem e Motorista ( não encontramos apenas Motorista apenas empresas que montam o planejamento com Hotel e passeio vocês tem alguma indicação apenas para Motorista?)
    3-) Estou um pouco receosa com o Trem por dois pontos: 1-) É facil realizar a reserva, li os posts mais observei que temos que fazer um “pré- Cadastro ” e tals. 2-) O deslocamento entre Trem-Hotéis, vocês realizaram como ?
    4-) A estrutura de transporte publico é OK para realizar o deslocamento entre hotéis e pontos turísticos?

    1. Oi, Mayara.

      Gostei do roteiro. Eu francamente ficaria menos dias em Agra (você colocou 3 noites lá, certo?) e talvez uma noite a mais em Udaipur, que é muito mais agradável. Mas isso é muito pessoal, né. Desse jeito está legal também e há o que fazer ao redor de Agra, muitas atrações além do Taj. 🙂

      Sobre Rishikesh, é minha cidade favorita na Índia e recomendo muito a visita, mas tem que ver se cabe no seu tempo de viagem e se as chuvas já passaram (há um mês chovia muito por lá. Inclusive, dá uma olhada em notícias sobre isso, porque algumas partes da Índia estão com problemas por conta da chuva. Nada que atrapalhe a viagem, mas é bom ir sabendo).

      Não tenho motorista para indicar – talvez a melhor forma de conseguir seja mesmo trocando e-mails com o hotel onde você vai ficar.

      Dá para ir de trem e é confortável, principalmente nas classes que nós indicamos no texto https://www.360meridianos.com/2012/06/como-viajar-de-trem-na-india.html.

      Vale a pena tentar comprar antes, seguindo o passo a passo que está lá. Se não der, o lance é tentar entrar na cota de turistas,

      Os deslocamentos entre estação e hotéis pode ser de táxi ou de tuk-tuk. A gente sempre fez de tuk-tuk, francamente.

      O transporte público funciona em cidades maiores, como Mumbai. Nas outras, você dependerá do táxi (ou do tuk-tuk). Combine o preço antes de entrar, não acredite se te falarem que o sue hotel está fechado, mas no mais é tranquilo.

      Qualquer outra dúvida é só falar.

      Abraço.

  46. Ola
    Pretendo ir ao Nepal e ficar fazendo um retiro de meditação por um mes e depois uns dez dias pra conhecer mais o pais e talvez o tibet… qual o melhor caminho para o Nepal, vi que a viagem é looonga mesmo… Ja estive na Siberia varias vezes, prefiro um caminho mais curto para o nepal ou parar e ficar uns tres dias no pais de conexão.. o que vc recomendaria? Obrigado desde ja…

    1. Oi, Humberto.

      O caminho mais normal deve ser pela Índia, mas você precisaria de tirar visto no Brasil, o que complica um pouco as coisas.

      Se a Índia não estiver nos seus planos, você pode tentar uma parada no Oriente Médio ou no sudeste asiático. Há voos partindo dessas regiões para o Nepal.

      Abraço.

  47. Oi, Rafael! Primeiro quero dizer que sou completamente apaixonada pelo site de vocês. Dá pra quase viver a viagem com vocês, em cada post.
    Eu vou passar 45 dias na Ásia daqui alguns meses com a minha mãe e a Índia faz parte do nosso roteiro. Pretendemos passar cerca de 10 a 12 dias na Índia e, até então, fazem parte do nosso roteiro Deli, Agra, Rishikesh, Jaisalmer, Mumbai e Mcleod Ganj. Vamos começar por Deli – Agra – Mcleod Ganj, mas estamos morrendo de dúvida de pra onde seguir depois. Você tem alguma dica? Tem algum lugar desses que você acha dispensável?
    Muito, muito, muito obrigada! E mil vezes parabéns pelo site, sou louca por ele!

    1. Fico feliz de saber disso, Isabelle. Obrigado!

      Então, tudo depende das suas preferências, do que você gostar de ver e tal.

      Se fosse eu, acho que deixaria Mumbai de lado e me concentraria no norte do país apenas, facilitando a logística. Da pra fazer Rishikesh e McLeod a partir de Delhi, de ônibus. Você poderia fazer assim:

      Delhi – Rishikesh – McLeod Ganj – volta para Delhi – Agra – Jaisalmer.

      Para o trecho entre Rishikesh e McLeod você provavelmente terá que fazer uma parada em Chandigarh, que fica no meio do caminho, (ou voltar para Delhi).

      Outra alternativa é alugar um carro (com motorista) para fazer esses trechos, sem necessidade de paradas extras.

      Veja mais detalhes aqui:

      https://www.360meridianos.com/2013/04/dicas-roteiro-de-viagem-naindia.html

      Qualquer coisa volte a perguntar. =)

      Abraço.

  48. Oi pessoal,
    Tudo bem?

    Estou montando meu roteiro pela India, que vai incluir as seguintes cidades:
    Delhi
    Agra e fatherpur sikiri
    Rishikesh
    Jaipu
    Udaipur
    Jaisalmer (ainda em duvida)
    Varanasi
    Mumbai

    Só estou com um pouco de duvida em qual vai ser a melhor forma de sair do udaipur ou jaisalmer e chegar em Varanasi. Vocês podem me dar uma ajuda? Trem? Aviao? Onibus?

    Obrigada!

    1. Oi, Fernanda. Desculpe-me pela demora em te responder.

      Então, nós saímos de Jaisalmer para Khajuraho, que fica no meio do caminho entre Délhi e Varanasi.

      Fomos de trem, mas para isso tivemos que fazer uma parada de algumas horas em Délhi.

      Certamente você consegue ir de trem, mas vai ser uma viagem bem longa. Se a opção do avião existir, melhor escolher essa. Acho que o aeroporto de Jaisalmer é só militar, mas em Udaipur há voos.

      Outra alternativa: Você faz Délhi + Rajastão primeiro. Da última cidade do Rajastão você vai de trem para Agra, que está mais perto de Varanasi. E de Agra você consegue pegar um trem noturno para Varanasi, chegando lá no meio da manhã. Esse trem Agra – Varanasi é muito frequentado por turistas, por motivos óbvios. Pode ser uma boa saída. =)

      Qualquer coisa é só perguntar!

      Abraço.

  49. Oi Rafael, tenho 32 anos e estou programando uma viagem para a Índia com o meu marido, no mês de fevereiro por 18 dias. O que vc sugere conhecer e quantos dias para cada cidade? Um beijo. Adorei o site.

    1. Oi, Clarissa.

      Olha, eu focaria no norte da Índia e no Rajastão.

      Chegando em Délhi (ficar uns dois ou três dias), passando por Agra, para ver o Taj Mahal (um ou dois dias), depois Jaipur (dois dias). E também Varanasi (dois ou três dias), do outro lado do país. Aí o legal seria investir no norte, que é um lugar mais relaxante. Rishikesh e McLeod Ganj são minhas cidades favoritas no país.

      Mas isso vai muito do seu gosto também, do que você espera ver, etc…

      Abraço!

  50. No caso de um Combo Rajastão + Norte, ou seja, 1 mês, quanto é necessário levar (no mínimo) para gastos extras como alimentação, passagem ou compras (simples, apenas de uma a três coisas de cada lugar). De 1000 á 2000 reais é muito?
    Abração!

    1. Oi, Beatriz.

      Você não está incluindo a hospedagem nesse valor, então?

      Se for só para comida, comprinhas e táxis, então esse valor é bastante sim.

      Acho que com uns 1000 reais você cobre esses gastos com tranquilidade, comendo em bons restaurantes e sem precisar economizar. Mas é possível cobrir esses gastos até com metade disso. Tudo depende, claro, do seu estilo de viagem.

      Abraço.

  51. Fala Rafael, olha eu aqui novamente !!
    Cara, to indo pra Índia em Dez do ano que vem, e comecei minha pesquisa a poucas semanas ! Pretendo ficar lá 1 mês !
    Achei muito bom as dicas que tu deu, por me dar um norte em relação ao que visitar ! Agora, vou pegar as cidades que tu indicou e começar a pesquisar sobre o que cada uma delas tem a oferecer !
    Uma pergunta :
    Tu acha que com U$ 1.500 obamas da para fazer de boa lá 1 mês ? Comecei a pesquisa agora, mas vi umas pessoas dizendo que o gasto médio é U$ 25 a U$ 30/ Dia ! Tu acha que ta perto da realidade esse valor ?
    E se tiver qualquer dica para este começo de planejamento, pode falar “sem medo de ser feliz” !!!

    Forte Abraço !

    1. Fala, Mauro!

      É isso mesmo, gasto de US$ 30 por dia é uma boa conta. Para você ter uma ideia, eu gastei menos de U$ 20 por dia. Mas com esses dólares a mais você pode ter uma viagem mais confortável, o que é uma ótima ideia.

      Só lembre de pechinchar bastante para tudo, de corridas de tuk tuk até na hora de comprar artesanato. Eles sempre vão tentar de cobrar bem mais do que o valor justo.

      Abraço!

  52. Olá pessoal sou um grande fã de vcs e acompanho o site a algum tempo…
    Pois bem chegou a minha hora de dar a volta ao mundo e como vcs bem sabem o roteiro é muito dificil de se fechar com todo o lance de melhor época, logistica e tal..
    Acabou que na minha previsão estarei na India no mês de julho de 2014, e sei que é epoca de monções por lá, vocês tem alguma experiencia neste periodo por lá? Acham que vale a pena mesmo assim?
    abraço

    1. Oi, Victor.

      Que legal que você vai fazer essa viagem!

      Bom, nós não estivemos lá nesse período. O que eu sei é que chove bastante e o calor é muito forte. Você certamente vai enfrentar alguns perrengues, mas isso não significa que seja impossível ir. Sei de gente que foi e sobreviveu. =)

      Só tenha em mente que as monções são realmente fortes por lá. Se escolher ir, esteja sempre atento aos noticiários e pronto para alterar o roteiro da viagem, caso o tempo exija isso.

      Enfim, não é uma decisão das mais fáceis. Eu francamente não iria, mas eu já conheço a Índia, então fica mais fácil abrir mão. hehehehe

      Boa sorte e depois diz pra gente o que você escolheu!

      Abraço!

    2. Boa noite Victor!
      Você ainda vai para a Índia em Julho?
      Dia 23 de Junho saio de São Paulo e ficarei uma semana em Agra fazendo trabalho voluntário…depois farei mochilão.
      Estou em contato com alguns mochileiros a fim de formar um grupo, ou pelo menos conseguir ajuda local…
      Se estiver a fim, dá um toque! [email protected]

  53. Olá!
    Adorei o blog, parabéns!
    Vou visitar a Índia e o Nepal no próximo mês (primeiro mochilão) e esse site me ajudou muito a montar meu roteiro, que será: 11 dias entre Agra-Rishkesh-Shimla-McLeodGanj-Amritsar, então pego um avião até o Nepal, onde terei mais 6 dias para Kathmandu e Pokhara e volto de avião para Varanasi (2 dias) e Delhi (2 dias).
    Vou ficar só 1 dia em Agra, então minha dúvida é em relação ao melhor jeito de distribuir os 10 dias restantes entre Rishkesh-Shimla-McLeodGanj e Amritsar… Vc teria alguma sugestão?
    Vc acha que uma noite e um dia em Amritsar (chegando num dia às 19h e indo embora no dia seguinte às 22h) é suficiente?
    Muito obrigada e desculpe o monte de perguntas! 🙂

    1. Oi Érika,

      Nem sei se ainda está em tempo de te responder, já que sua viagem estava próxima. Desculpe-me pela demora em te responder, mas é que eu mesmo estou no meio de uma viagem aqui.

      Bom, das cidades que você falou eu só não conheço Shimla. Das outras posso falar: todas são fantásticas.

      Eu deixaria mais dias para Rishkesh e McLeodGanj, que são mais agradáveis.

      Eu acho que esse tempo que você falou é suficiente sim para Amritsar. Lá só tem duas coisas realmente importantes: o Golden Temple e a cerimônia da troca da guarda, numa cidade lá perto. Fora isso, tenha em mente que Amritsar não é das cidades mais agradáveis que você vai encontrar.

      Enfim, curti seu roteiro.

      Abraço!

  54. Olá,

    Estou a planear uma viagem à India por 15 dias (devido à profissão é impossivel mais tempo) e já tenho decidido que seria Deli, Agra, Varanasi, mas estou indecisa entre Jaipur ou Udaipur ou outra que seja imperdivel.

    Qual é que aconselharião?

    Obrigada

    Teu

    1. Oi Téu,

      Bom, eu acho que Rishikesh é mais interessante que qualquer uma dessas cidades que você falou, mas isso depende do seu estilo e do que você gosta. Dá uma lida nesse post abaixo e veja o que você acha.

      https://www.360meridianos.com/2012/01/o-dia-em-que-eu-lavei-mao-no-ganges.html

      Sobre Jaipur e Udaipur, a primeira tem mais atrações turísticas e mais coisas imperdíveis para ver, mas certamente a segunda é muito mais agradável, com bons restaurantes e um clima legal. Novamente é uma questão de escolha. Eu diria que Jaipur é uma escolha mais tradicional.

    1. Oi Camila! Que bom que você gostou. Olha, vale muito a pena visitar a Índia, principalmente o norte. O roteiro Himalaia + Rajastão é simplesmente incrível. =)

  55. Olá!
    Adorei o post!
    Estive na Índia há 2 anos atrás, mas cheguei por Mumbai. O choque foi bem grande na chegada, mesmo depois de ter lido muita informação sobre o país e achar que estava indo bem preparada para tudo.
    Acho que se eu tivesse ido por Deli, o choque teria sido menor realmente. Apesar de as duas cidades serem muito populosas, o tempo que passei em Deli, me passou a impressão de ser uma cidade mais organizada e mais bem estruturada.
    Desde que voltei de lá, sonho em voltar para esse país tão misterioso e o meu objetivo agora é a parte norte da Índia, que tu falou tão bem. Quero ir a Rishikesh, que eu não consegui visitar da outra vez, junto com a região do Himalaia e a Caxemira.
    Com certeza, vou usar muitas informações do blog de vocês quando eu estiver organizando essa viagem. E eu espero que seja muito em breve!
    Abraços,
    Laura

    1. Oi, Laura.

      A região do Himalaia é a mais interessante da Índia, vale muito visitar. E eu também quero voltar para conhecer a Caxemira, onde infelizmente não pude ir.
      Abraço!

      1. Hi, Rafael, thank you for all your great advices! I am Márcia, Brasilian, living in the U.S, planning a trip with my sister, leaving from Philly, to India e Nepal (end of May). Would that be possible to cruise Agra, Jaipur, Rishikesh, Amritsar, and Jasalmar, then, take some how, an off route to Nepal? In which order would you recommend this “roteiro”, with more accessibility to transportation (train, bus, roc-toc, etc), the point of entrance and exit being New Delhi. Planning staying 2 days in each place (not counting the flight time), total of approximately 15 days?

        How much pocket change do you recommend to bring (besides a credit card), e for 2 women, if it is hot, are shorts (mid tight) acceptable, or just jeans and/or capris? Dresses? I really appreciate any advice from whom have already traveled there.

        Thank you.

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.