Tags:
Atlas: Índia

Tira Dúvidas para quem quer viajar para a Índia

Desde que começamos a escrever sobre a Índia, temos recebido e-mails, mensagens no Facebook e comentários com dúvidas sobre o país da vaca. Estamos inaugurando essa nova sessão no blog onde vamos responder àquelas perguntas que parecem ser mais comuns entre os leitores (o famoso FAQ – Frequent Asked Questions). E quem sabe, com muito prazer, estimular mais gente que queira nos perguntar alguma coisa, sobre qualquer um dos lugares onde a gente foi.

Dúvida da Roberta e da Bárbara: Quanto vou gastar em média, por dia, levando em consideração alimentação, hospedagem decente, entrada em pontos turísticos e ainda uma cervejinha de vez em quando?

Nós éramos econômicos master e gastávamos na Índia uma incrível média, quase impossível de ser atingida, de $14 dólares por dia. Mas isso era possível, principalmente, porque nós pagávamos entrada nos pontos turísticos como moradores do país, e não como turistas. Tendo dito isso, vamos fazer uma média mais real para quem está indo à Índia só passear mesmo.

Comida de rua em Mumbai - Índia

O gasto diário com alimentação seria algo em torno de 500 a 1000 rúpias. Para a hospedagem, a mesma coisa. Os pontos turísticos custam uma média de 300 rúpias por entrada (o Taj Mahal custa 750). Então reserve 900 rúpias por dia para isso. Uma cerveja de 600ml custa entre 80 e 150 rúpias, de acordo com local. Já o transporte varia, dependendo se você vai andar de tuk-tuk, alugar carro com motorista ou se vai pegar trens – então vamos deixar esse valor por fora do gasto diário. O gasto total dá mais ou menos de 2000 a 3000 rúpias por dia. O que seria uma média de 30 a 50 dólares por dia – dependendo do seu grau de economia – porque eu joguei os valores para cima. Acredito que esse é um valor mais do que suficiente para viajar por lá confortavelmente – aposto com vocês que ainda sobra dinheiro para fazer compras. Ah, e não se esqueça de conferir o preço dos trens e já deixá-los reservados.

Leia também: Veja como funcionam as viagens de trem na Índia

Quanto custa viajar para a Índia

Plataforma de trem em Mumbai

Dúvida da Laila e da Bárbara: Por ser mulher e estar sozinha, posso ter problemas na Índia?

Pode, mas se você tomar cuidado não precisa se preocupar. Eu falei um monte de coisas assustadoras e que são verdade no post “A Vida das Mulheres na Índia”. Há muitos casos de homens machistas que passam dos limites. O primeiro conselho é: não se intimidar. Feche a cara, reclame, grite, empurre e, se for preciso e se sentir incomodada, chame alguma autoridade. Lá até tirar foto de mulher sem autorização dela é crime (não que impeça alguns babacas de fazerem isso).

mulher-indiana-varanasi

E, para evitar problemas, não use roupas curtas e nem deixe o ombro de fora – se for durante o verão, leve saias mais longas ou compre lá, porque é muito quente para usar calça jeans. Mas as roupas ocidentais são aceitas, desde que não muito reveladoras. E evite sair sozinha durante a noite, porque isso, infelizmente, é perigoso em qualquer lugar do mundo.

Outra dica importante: se você entrar num tuk-tuk (sozinha ou acompanhada) e o motorista pedir para dar carona para algum amigo, sugiro que você não concorde. Pode ser que não seja nada e boa parte das vezes não vai ser, mas é melhor não entrar num veículo com dois homens desconhecidos. Temos outras dicas para mulheres que querem viajar para a Índia nesse post.

Dúvida do Bergantini e do Antônio Sérgio : Qual é o código de vestimenta para os homens? Se eu sair de bermuda, eles vão achar estranho?

Homens em praia de Goa - Índia

A maioria dos homens indianos anda de camisa social (xadrez em 70% dos casos) e calça social (santropeito em 50% dos casos), inclusive na praia. Mas a verdade é que vocês, homens, não precisam se preocupar tanto com isso. Sair de bermuda em situações de lazer é normal. Alguns indianos acham que bermuda não é coisa de gente séria, mas os mais jovens e mais cabeça aberta já superaram isso. Até porque, usar calça social ou jeans naquele calor é muito difícil. Agora, de regata, eu nunca vi ninguém, mas usar camiseta é algo comum.

Você tem mais dúvidas sobre a Índia? Então veja tudo o que já publicamos sobre o país. E sinta-se convidado a deixar novas perguntas pra gente.

Vai viajar? O seguro de viagem é obrigatório em dezenas de países e indispensável nas férias. Não fique desprotegido na Índia. Veja como conseguir o seguro com o melhor custo/benefício para o país – e com cupom de desconto.


Compartilhe!



Com o 360meridianos, você encontra as melhores opções para planejar a sua viagem. Confie em quem já tem prática no assunto!

 

Reserve seu hotel com o melhor preço e alto conforto

 


Veja as melhores opções para seguros de viagem

 


Transfira dinheiro para o Brasil e exterior com menos taxas

 


Alugue veículos com praticidade e comodidade

 




Quer 70 páginas de dicas (DE GRAÇA!)
para planejar sua primeira viagem?




Luiza Antunes

Sou jornalista, tenho 30 anos e moro no Porto, Portugal, quando não estou viajando. Eu já larguei meu emprego três vezes para viajar e finalmente encontrei uma profissão que me permite "morar no aeroporto". Já tive casa em quatro países diferentes, dei a volta ao mundo e cumpri minha meta de visitar 30 países antes dos 30. Mas o mundo é muito maior e, se puder, quero conhecer cada canto dele e inspirar vocês a fazer o mesmo. Siga @afluiza no Instagram

  • 360 nas redes
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
  • Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

61 comentários sobre o texto “Tira Dúvidas para quem quer viajar para a Índia

  1. Parabéns pelo site, eu gostaria de preguntar eu tenho descendência Indiana e estou pensando ano que vem com 15 anos ir para lá, será que sou muito nova para ir para lá sozinha? Obrigada

  2. boa tarde!
    Estou programando uma viagem pra India agora no final de setembro. sei que é calor por la nessa epoca, mas estou preocupada com o tipo de roupas pra levar. Fiquei sabendo que nao podemos mostrar ombros ou tornozelos…é isso mesmo? Bermuda, entao, nem pensar?
    obrigada
    daniela

  3. Olá Luiza!!
    Primeiro de tudo parabéns pelo site, é incrível!!! Estou devorando todas as postagens sobre a índia!!! Tem me deixado com mais vontade ainda de ir!!!

    Estou programando uma viagem com o meu marido no inicio de fevereiro de 2016. Ainda não definimos o tempo de estadia, mas pelo que li por aqui vamos explorar o norte.
    Gostaria de uma ajuda de vocês. Quantos dias em cada cidade você acha que devemos ficar? Qual cidade eu devo fazer bate e volta?
    Anotei as seguintes cidades: Delhi, Agra, Jaipur, Jaisalmer, Varanasi, Khajuraho, Rishikesh, McLeod Ganj, Amritsar e Mumbai Falta alguma??
    Qual seqüência você acha que devemos fazer??
    Somos budistas e gostaríamos muito de conhecer o local aonde vive Dalai Lama, lá é possível visitar? Existe alguma forma de se hospedar por la em algum local nos pés do Himalaia??

    Desculpa a quantidade de perguntas!!!
    Novamente parabens pelo site incrível!!!
    Beijinhos
    Julia Maria

  4. A luiza, gostaria de conhecer a índia, nunca viagei, conhecir um indiano por pel zap, ele quer que wu more na casa dele em assan sud camerom , mê orienta sobre a ideia e lugar porfavor, mwu nome siany um abraço

    1. Siany,

      Diariamente recebemos comentários de mulheres na mesma situação que você. O que você sabe sobre a cultura indiana ou a religião do indiano que conheceu? A índia é muito diferente do Brasil, as mulheres lá sofrem muita opressão e levam uma vida completamente diferente e recatada.

      além disso, existem centenas de golpes que indianos aplicam em brasileiras, seja para conseguir dinheiro, seja para usar só para sexo, seja para tráfico de pessoas, enfim, são muitos os casos. Tudo isso escondido por trás de mensagens de amor eterno e verdadeiro.

      Cuidado para não cair num golpe desses. Porque você não sugere que o indiano venha ao Brasil visitá-la primeiro, para que vocês se conheçam??

  5. Ola!

    Pretendemos ir a India no mes de agosto entre os dias 07 a 27 de agosto. Essa epoca é boa para viajar? É época de monçoes?
    Grata e estou adorando este blog.
    Lu

  6. Aos mais experimentados, preciso de alguma licença especial ou da P.I.D.(Permissão Internacional para Dirigir) na Índia ou a CNH nacional brasileira basta para alguar um veículo(moto ou carro) e guiar por lá? Grato.

  7. Oi Luíza
    A minha filha (25 anos) e eu iremos à Índia em novembro e ainda estamos indecisas se estamos escolhendo os locais certos para o número de dias da nossa viagem.
    Por favor, veja o que você acha. Aceitamos sugestões.
    chegaremos dia 10 e partiremos dia 21 de novembro
    New Delhi
    Agra
    Jaipur
    Jodhpur
    Udaipur
    Varanasi
    Você sugere alguma agência de viagens aqui no Brasil para a parte terrestre?
    obrigada!!

    1. Oi Claudia,

      Desculpe a demora para responder!

      Não conheço uma agência de viagens, porque fiz toda a parte terrestre por conta própria, de trem ou ônibus. Eu recomendo que você dê uma olhada no nosso Ebook sobre a Índia, pode ajudar bastante nesse planejamento.

      Acho que seu roteiro está bacana para a quantidade de dias que vocês vão ficar lá! Talvez, valha a pena ir a Varanasi antes de partir para o Rajastão, dependendo de como vocês forem organizar o roteiro

  8. cara luiza, parabéns pelo site, estou gostando muito. Estamos planejando uma viagem em familia, o casal e dois filhos ( 62,60,31,29anos). Vamos nos encontrar com o filho em Nova Déhli pois ele mora em Pequim. Pensamos ir em outubro. UM mes de viagem. O roteiro era o seguinte: DEhli-Jaipur- Udaipur-Jaisamer-Agra-Khajurao-Varanasi-Mumbai-Ajanta e Ellora. Como vc fala tao bem de Rishikesh e Mcleod que queremos saber como incluir neste roteiro. A partir de qual cidade dessa fica mais perto ir. Pensamos também em Boha Gaia.
    Outro ponto vc fala em trem,onibus, avião. Parce q a mais interessante levando em conta vários aspectos é o trem. No entanto gostaria de saber se existe a possibilidade de fazer um roteiro como este ai de carro é claro com motorista, indo de cidade em cidade. Tem esse tipo de serviço ? é muito caro? tem agencias confiáveis? como fazer? Seria uma viagem mais tranquila penso eu mas nào sei se é viável? Desculpe a quantidade de questões mas azar ou sorte de vcs, quem manda vcs conhecerem a India desse jeito. Somos obrigados a te sugar. bjos continuem com o bom trabalho de vcs.

    1. Ei Antonio Carlos, tudo bem?

      Para incluir Rishikesh e McLeod Ganj, a cidade mais próxima é Delhi, mas você consegue fazer o trajeto partindo de Jaipur, Agra ou Varanasi.
      Não aconselho vocês incluírem Bodh Gaya por dois motivos: primeiro que você não vai ter muito tempo e já tem muitas cidades no seu roteiro. Segundo que o caminho para a cidade é perigoso, porque o estado tem problemas sérios com ataques violentos de gangues nas estradas e trens.

      Sobre o transporte, é possível sim alugar carro com motorista, e essa é uma boa opção em trajetos mais curtos, como Delhi-Rishkesh.Infelizmente, não tenho uma indicação desse tipo de serviço para te passar. Dá uma olhada no site do Lonely Planet, que eles indicam algumas agências confiáveis. Outra ideia é pedir esse serviço no hotel que vocês se hospedarem. É importante combinar tudo muito direitinho antes, o que está incluído e o que não está, de preferência por escrito. Também exija ver o carro e o motorista antes de viajar, para você garantir que o motorista fala inglês e que o carro é como foi combinado.

      Acho que respondi tudo. Se tiver mais dúvidas, fique a vontade! =)

      bjs

  9. Oi Luiza!
    Amei o site…ja li tudo sobre a India e tambem de outros lugares, voces estao de parabens.
    Eu e minha familia ( eu, marido, filho de 5 anos e 2 filhas: 20 e 15 anos) vamos a India no inicio de Marco para um casamento, vamos descer em New Delhi ficar la por 2 dias e depois ir para Hyderabad, onde ficaremos 6 dias para o casamento.
    Mas eu gostaria de aproveitar os dois primeiros dias (New Delhi), um para conhecer a cidade e o outro para ir ate Agra.
    Ja pesquisei mil coisas…e ainda tenho algumas duvidas, sera que vc pode me ajudar com alguma dica.
    As duvidas sao:
    Hotel em New Delhi, qual e a melhor regiao pra ficar ja que vamos passar o dia fazendo tour?
    Tours…em New Delhi precisamos de alguem para nos auxiliar ou vc acha que da para fazermos isso sozinhos? As agencias cobram 40 dolares por pessoa. E Agra, o que voce me aconselha.
    Agra, de carro ou de trem? Algumas agencias tem as duas opcoes…as de trem sao mais rapidas e oferecem café da manha e jantar na volta…isso e real?
    A comida…sera que meu filho de 5 anos consegue comer por la?
    Qual o valor medio das caixinhas por la? Pode-se pagar em dolar?
    Em Hyderabad, nos temos um casamento que dura 4 dias, mas teremos 2 dias livres, voce tem alguma dica de algo que nao podemos deixar de ver por la.
    Delculpe pelo interrogatorio, mas e que quanto mais perto chega da data de viajar, mais eu me preocupo porque ainda nao tenho nada decidido.

    Bjks Lilian.

    1. Ei Lilian,

      Sobre hospedagem, temos uma página com algumas dicas para Délhi e Agra: https://www.360meridianos.com/india-dicas-hospedagem

      Sobre os tours: tudo depende do perfil de viagem da sua família. Se vocês forem mais aventureiros, souberem barganhar e se organizar, dá para fazer um tour de um dia em Délhi sem contratar a agência. Nesse post: https://www.360meridianos.com/2012/06/desvendando-velha-e-nova-delhi.html nós indicamos alguns dos principais pontos turísticos da cidade. Vocês podem combinar com um motorista de táxi ou tuktuk um valor fixo para ele acompanhá-los durante o dia e levar à esses locais.

      Sobre Agra, eu acho que de trem será mais confortável. Existem alguns trens para turistas, de luxo, que oferecem sim o café da manhã, jantar e transporte de ida e volta no mesmo dia. Na cidade, o principal ponto turístico é o Taj Mahal, mas também vale a pena visitar o Agra Fort e o Akbar’s Mausoleum. Não vejo muita necessidade de guia, sinceramente, a não ser, claro, que vocês se sintam inseguros em negociar com tuktuks na rua.

      Sobre a comida, procure restaurantes com opção de comida ocidental ou chinesa: macarrão e arroz frito com frango, por exemplo, são opções que dá para comer. Sempre lembre-se de pedir sem massala, chili e pepper. Lassi também é um tipo de iogurte bem gostoso por lá, que vale a pena experimentar.

      Já Hyderabad não é uma cidade muito turística. Mas tem algumas atrações interessantes como o Charminar e o Golconda Fort. Dá uma olhada nessa lista do Lonely Planet http://www.lonelyplanet.com/india/andhra-pradesh/hyderabad-and-secunderabad/sights

      Espero que tenha te respondido tudo, em caso de mais dúvidas, me avise!

      bjs

  10. Oi Luíza!
    Parabéns pelo site!!!
    Desejo ir à Índia em breve com minha esposa.
    Minhas dúvidas são as seguintes… que tipo de dificuldades vocês encontraram no dia-a-dia em período de monções?? Tipo… alagamentos, mosquitos…
    Vocês já presenciaram ou passaram por alguma situação desagradável com o assédio dos homens indianos?
    Quero muito conhecer a Índia, mas minha esposa não está muito feliz com a idéia.
    Abraço em todos!
    Joao.

    1. Oi João Paulo,

      Nós não chegamos a pegar o período de monções por lá, mas tenho relato de amigos a respeito. Faz um calor muito grande, do tipo que beira o insuportável – fica impossível visitar o Rajastão, por exemplo, que é no deserto. As chuvas são torrenciais e você corre o risco de ter alagamentos em cidades turísticas como Varanasi e Rishkesh.

      Recomendo que você evite o período de monções se quiser conhecer o país, ainda mais se a sua esposa não está muito animada.

      Passamos por algumas situações desagradáveis, do pessoal tirando fotos e tentando se aproximar de uma maneira incomoda. Mas dá para evitar a maioria dos problemas ficando nos lugares mais turísticos, respeitando o dress code e, principalmente, evitando multidões, em situações como o Holi ou Reveillon, por exemplo.

      Abraço

  11. Oi Luíza!
    Adorei o seu site!
    Estou indo para India em Fevereiro, e estou fazendo uma parte com agencia e outra por conta. Gostaria de saber se você conhece alguma operadora local, para que eu possa fechar um passeio em Varanasi, ou se você sugere alguma outra opção!!!
    Muito obrigada!
    Bjos!

    1. Oi Fernanda,

      Desculpe a demora para te dar um retorno.
      Infelizmente não sei te dar dicas de agente de turismo local. Varanasi não é uma cidade grande, então você consegue organizar por sua conta mesmo, provavelmente o pessoal do hotel vai te indicar alguém para fazer o passeio de barco no amanhecer. Fora isso tem a cerimônia no final do dia, que é só você chegar lá e ver. No mais, em Varanasi você vai andar pela cidade, não sei se tem necessidade de mais passeios organizados.

      Mas, de qualquer forma, dá uma olhada no site do Lonely Planet para a Índia, porque eles costumam dar dicas de operadoras de turismo confiáveis.

      bjs

  12. Ola Luiza!
    Muito grato pelas imformacao. Mais 3 coisas sobre a India que gostaria de saber:
    1-E comum furtos nas ruas, como ataques a turistas nas cidades;
    2-Cuidados com alimentos contaminados. O que comer?
    3-Obrigatoriedade de facinas.

    Abracos.

    1. Ei João Pedro,

      1. Não é comum assaltos, como no Brasil, mas furtos podem acontecer em qualquer lugar. Eu não tive nenhum problema com isso lá, porque sempre fico muito atenta com meus pertences. Mas uma colega húngara, mais desligada, teve a carteira furtada de dentro da bolsa.

      2. É bom evitar comida de rua e não beber água que não for mineral e não estiver lacrada quando comprar. No mais, carregar consigo sempre um alcóol em gel. Mas a pura verdade é que não conheço ninguém que não passou mal pelo menos uma vez na temporada na Índia. Leve medicamentos daqui, por via das dúvidas.

      3. Só é obrigatória a vacina de febre amarela, você vai precisar do certificado internacional emitido pela Anvisa para tirar o visto.

      bjs

  13. estou visitando a india em dezembro e gostaria de saber a melhor opcAO para levar o dinheiro la. Existe cartao de debito em que eu posssa sacar diheiro la?

    1. Oi João Pedro,

      Você pode levar um desses cartões pré-pagos, carregado com dolares. Assim, dá para sacar em qualquer caixa eletrônico, em rúpias – foi o que fizemos. Alguns cartões brasileiros também permitem que você faça saques internacionais. Você precisa conferir com seu banco se eles permitem esse tipo de operação e quais as taxas e restrições.

      Claro, sempre é aconselhável levar uma quantia em dinheiro, para qualquer eventualidade.

      Abraço

  14. Oi Luiza!
    Obrigadíssima pela resposta!
    As cidades que já tenho certeza que ficarei são Delhi, Pune e Coimbatore. O restante farei como turista e decidirei de acordo com o dinheiro e o tempo do mês.

    Já ouvi muito falar a respeito desses cursos com os locais… Mas ninguém explica como tu entra em contato com eles, como saber quem na cidade dá… Sabe me dizer?

    E dicas de onde ir já peguei tudo aqui no blog 😉

    Bjoks

    1. Oi Quel,

      Olha, em geral, eu via anúncios dos cursos na rua mesmo. Infelizmente, como eu não fiz nenhum, nem posso te indicar.

      Mas acho que dá para achar na internet. Dei uma pesquisada no Lonely Planet, e vi que eles indicam cursos. Por exemplo, em Delhi: http://www.lonelyplanet.com/india/delhi/activities/cooking-classes?sort_dir=desc&sort_order=popular

      Essa opção que eles dão, vem do Viator.com, ou seja, outro site onde você vai conseguir achar Cooking Classes na India.

      Porém, se você achar caro, tenho certeza que nas ruas e conversando com as pessoas, você encontrará alguma coisa.

      bjs

      1. Oi Luiza! Meses depois da minha viagem de 3 meses à India, resolvi lhe dar um feedback. As dicas do site foram MUITO úteis!!! Acabei indo sozinha mesmo e como mulher branca de olho claro, não recomendo fazer isso se a grana é curta. A tensão é tão grande com os olhares e as tentativas de aproximação, que era impossível conseguir relaxar e aproveitar melhor a viagem. Acabei me focando só no curso e fiz poucos passeios. E as tentativas de lhe levarem dinheiro chega ao nível do insuportável! Eu não imaginava que eles eram tão capitalistas assim. Os pedintes na rua não são nada próximo aos comerciantes, autoridades locais, hospitais, religiosos, qualquer um. Tive umas crises repensando a usabilidade do dinheiro com tamanha ganância sob um véu espiritualizado, juro! É ímpossível explicar a sensação de estar ali! Correu tudo bem, cara feia e escandalo realmente faz diferença! Vestir-me de forma apropriada (segundo os costumes deles) foi essencial. É tão diferente do que conhecemos como vida em nossos países, que é impossível não sair de lá se perguntando o rumo que estamos tomando na vida (momento filosofia, que creio ser esse o único choque espiritual que sentimos). Os poucos amigos que fiz foram excelentes, as exceções às regras são ótimas fontes de lidar com a cultura local e foram os que me ajudaram a manter a sanidade durante esse tempo. Quero voltar para conhecer melhor o país, mas com certeza irei acompanhada! Obrigadíssima pelo site. As dicas foram realmente valiosas!

  15. Olá Luiza, Natalia e Rafael!
    Já escrevi em outro post que há meses, desde que decidi minha viagem a India, leio fervorosamente este blog, mas ainda não encontrei uma informação. Explico e espero que possam me dar dicas. Vou passar 6 meses conhecendo a culinária indiana (que me encanta) e estudando nos lugares que encontrar pelo caminho. Por causa do pouco tempo que me resta na Europa, minha única opção foi conseguir o visto de turista para a Índia. Vejo nos posts que vocês dão dicas de quanto gastam por mês, se hospedando em hotéis, etc. Mas sou econômica como vocês (creio), pois vivia com menos de 700euros por mês em Barcelona. Mas o que quero saber e não encontrei são lugares, quartos, ou coisas parecidas para alugar durante minha estadia em cada cidade. Sempre utilizei o couchsurfing aqui na Europa, mas já me avisaram para nem tentar fazer isso, sozinha, na Índia. Prefiro dividir casas, aps, com pessoas de fora ou da cidade, pois como cozinheira e econômica, NECESSITO fazer minhas próprias refeições. E claro, acredito que só convivendo com as pessoas do local é que aprendemos a cultura. Vocês podem me dar qualquer informação de onde consigo encontrar lugares para viver e confiáveis durante minha estadia? Até agora só tenho 2 cidades já planejadas e ficarei no mínimo 1 mês em cada uma.
    Um grande abraço

    1. Oi Quel, tudo bom?

      Olha, os hotéis baratos que ficávamos na Índia não achamos pela internet. Chegávamos nas cidades e procurávamos hotéis indo de porta em porta mesmo. As vezes, checávamos num guia, como o Lonely Planet, qual região tinha mais hotéis e íamos lá procurar.

      Entendo sua necessidade de cozinhar, mas não sei se você consegue encontrar um hotel que te deixe usar a cozinha. Couchsurfing é uma péssima ideia na Índia, na minha opinião, você correria muitos riscos.

      O que eu te sugiro é procurar um hotel comum e nessas cidades que você irá ficar, buscar um curso de culinária indiana com locais. Você vai encontrar vários, sem dúvida.

      Quais cidades você vai ficar?

      bjs

  16. Olá Pessoal,

    Quando o desespero aperta me viro novamente para vocês 😉

    Já nos decidimos e vamos à India, mas agora começa a odisseia… quero comprar os bilhetes de comboio (principalmente para Varanasi que esgotam mais depressa), já me registei no cleartrip, IRCTC e cada vez que tentamos fazer o pagamento ele não aceita.

    Existe outra forma de comprar bilhetes?
    Obrigada

    Bjo
    Téu

    1. Oi Teu,

      A gente fez um post grande com dicas sobre trem, dá uma olhada. https://www.360meridianos.com/2012/06/como-viajar-de-trem-pela-india.html

      Se não tiver dando certo, tenta entrar em contato com o pessoal dos sites e explica seu problema. Pode estar acontecendo, provavelmente, por causa do cartão internacional.

      As outras formas de comprar seria via agência ou então deixar para tentar conseguir a cota para turistas na hora.

      bjs

  17. Bom dia, td bem???

    Parabénss pelo site de vocês!!!

    Gostaria de saber qual a melhor época do ano para mochilar pela India???
    (com menos chuva)

    Valeu

    Obrigado

    1. Ei Kamila,

      O conceito de bonita é muito subjetivo né? Mas roupas baratas acho que posso te dizer que seguramente, na Índia toda. Em Mumbai, Délhi e no Rajastão você vai encontrar mais opções de mercados.

      abraço

  18. Boa noite Luiza,
    eu e meu marido estamos planejando irmos a Índia em maio mas não gostariamos de i de pacote. Temos 68 e 70 anos e um ingles não fluente. Estivemo em dezembro/janeiro na Turquia e não fizemos pacote ,a viagem foi ótima sem a correria e a imposição do pacote.Mas estavamos com a filha e agora iremos sozinhos. Vc acha que teremos dificuldfade? Internamente qual o melhor meio de transporte? Pretendemos ficar lá 15 dias.
    Desculpe por tantas perguntas e pelas próximas que com certeza farei( rssssssss)
    obrigada
    Geni Bento

    1. Oi Geni,

      O Rafa já respondeu algumas das suas perguntas no outro post, mas para complementar:
      Acho que uma boa solução para você e seu marido para fugir dos pacotes, mas ainda assim ter conforto e uma ajudinha na viagem seria um bom hotel que ofereça serviço de guia e de transporte. Dessa forma, vocês vão ter uma assistência maior. Claro, esses hotéis são mais caros, mas comparados com preços aqui, são bem baratos.

      Eu não sei te indicar exatamente onde ficar, porque como você pode ver pelos nossos posts, nossa viagem foi muito econômica. Tem uma moça de outro blog que ficou nesse esquema mais organizado (ela fala no final do post): http://www.viajarpelomundo.com/2012/12/delhi-uma-capital-em-forma-de-caos.html

      No mais, estamos a disposição para qualquer outra dúvida que você tiver!

      bjs

  19. Poxa, valeu mesmo Luíza! Estávamos com dificuldade em achar info de como chegar em McLoad e estávamos pensando se era possível fazer exatamente isso que você sugeriu. Que bom que é!

    Pois é, estamos na luta dos trens agora, rs.

    O blog de vocês nos ajudou (e continua ajudando muito). Obrigada!

    Abraço!!

  20. Oi Luíza,

    Muito obrigada pelas dicas! Não havíamos incluído Dharamsala/McLoad no roteiro, somente Rishikesh. Realmente seria uma pena estar “tão perto” e não subir mais um pouquinho, rs.

    Valeu pelas dicas das companhias aéreas, realmente faremos alguns trechos assim.

    Nosso roteiro ficou basicamente assim: Chegando por Mumbai e indo direto para Udaipur (avião), Jaipur (trem/carro), Delhi/Agra (trem/carro), Rishikesh (trem), Dharamsala (não temos a menor ideia, só sabemos que é terrestre), Chandiggarh (ônibus), Varanasi (avião), Kochi (avião), Alappuzha/Komarakom (ônibus, carro), Munnar (ônibus, carro), Mumbai, São Paulo.

    Pode palpitar se tiver mais alguma dica. Mas olha só, imagina que somos um casal de trintôes e poucos em uma lua de mel tardia, so…nosso espírito aventureiro está um pouco desgastado. Só sobrou a disposição antropológica!

    Grande abraço!
    Erika

    1. Oi Erika,

      Seu roteiro está muito bacana! Só te aconselho a não passar mais do que um dia em Chandigarh. Como eu morei lá, sei bem que não tem quase nada para fazer na cidade. Pelo que eu entendi seu voo para Varanasi sai de lá, certo?

      Para ir até Dharamshala (na verdade, McLoad Ganj) te aconselho a alugar um carro mesmo. Acho que vai ser mais confortável e seguro para vocês. Você deve conseguir isso através de agências de viagem de Rishkesh. Não se esqueça de barganhar muito pelo preço. E também de exigir qualidade – muito cuidado com os ônibus, às vezes você compra achando que é um ônibus “deluxe” e chega lá é um veículo caindo aos pedaços.

      Quanto ao trem, lembre-se de reservar com antecedência (uns 2 meses antes) pois as classe melhores (1AC, 2AC e 3AC) se esgotam muito rápido, principalmente nesses trechos turísticos.

      Espero que vc e seu marido curtam muito a viagem.
      Qualquer dúvida, estou a disposição

      Abraço!

  21. Olá Luíza,

    Meu companheiro e eu vamos para Índia em meados de março. Será uma viagem de 28 dias e montamos um mix de roteiro norte/sul. Norte basicamente Rajastão e Uttah Pradesh e depois desceremos para o Kerala porque queremos sossego, rs. Os posts de vocês foram ótimos e nos ajudaram muito, tks a lot! Mas uma das coisas que estamos na dúvida é sobre investir em rotas aéreas para ganhar tempo, o que você me diz? É infinitamente mais caro do que trem, claro…mas em quase todos os casos infinitamente mais rápido também. Mas, não sabemos se é seguro e eficiente (nos padrões Índia, claro). Se você puder nos dar alguma dica, agradecemos super! Abraço e parabéns pela proposta 😉

    1. Ei Erika,

      Acho que se a viagem de avião couber no seu orçamento, sem dúvida vale a pena. Acho que é uma tremenda economia de tempo, sem contar a questão do conforto. Eu fiz um voo pela IndiGo e achei super ok, não atrasou e o avião era bom. Não posso falar sobre as outras cias, então antes de escolher, dá uma olhada na internet qual é o histórico da companhia aérea.

      A Air India ficou em primeiro lugar de cia mais insegura do mundo, mas tem outras, como a Jet Airways, a SpiceJet e a IndiGo, que são melhores. Um bom site para você pesquisar voos é o Expedia.in

      Outra questão é que nem o trem na índia é exatamente um meio de transporte seguro. Eles tem muitos acidentes por dia. Mas não quero te assustar, porque viajei por 4 meses de trem lá e não sofri nenhum arranhão.

      Por fim, se você me permite uma sugestão no seu roteiro, eu não deixaria de ir a Rishikesh e a McLoadGanj, ambas no norte. São duas cidades super sossegadas, bonitas (a primeira tem as nascentes do Ganges limpa e a segunda tem o Himalaia!) e que não são tão conhecidas pela massa de turistas. E, na minha opinião, são infinitamente mais interessantes que o Kerala – também é legal, só não é tão legal quanto essas outras. Dá uma olhada nos posts que fizemos sobre elas:
      https://www.360meridianos.com/2011/12/um-tibet-dentro-da-india.html
      https://www.360meridianos.com/2012/01/o-dia-em-que-eu-lavei-mao-no-ganges.html
      https://www.360meridianos.com/2012/01/o-ashram-perdido-dos-beatles.html

      Espero que tenha te ajudado.
      Qualquer outra dúvida, entre em contato!

      Abs

  22. BRIGADAO LUIZA!
    ESTOU INDO COM NAMORADO, MESMO ASSIM TO BEM ATENTA EM RELAÇAO AOS CUIDADOS A TOMAR!

    ACREDITO QUE LOGO APAREÇO COM MAIS DUVIDAS!!HEHEHE 🙂
    OBRIGADA!!!!
    BJSS

  23. oi Luiza Oi Nat !!!
    duvidas de locomoção!!
    tem como chegar em amirtsar de Rishkesh ? e ir de la para Mcload Ganj é possivel ??
    minha rota nesse local sera esse:
    Delhi ou agra> Rishkesh>Amirtsar> Mcload Ganj>DElhi ou Jaipur

    esta bem dificil saber como ir….
    se puderem me ajudar sera perfeito!!
    bjsss e obrigada desde ja novamente !;)

    1. Oi Carol,

      Acho que a melhor forma de você ir de Rishikesh para Amritsar é pegar um trem, que sai da estação em Haridwar Jn (teria que pegar um taxi ou tuktuk até lá, são uns 30 km de distância). E dessa estação você pega o trem diretamente para Amritsar.

      Para ir de Amirtsar para Dharamshala (e de lá pegar um tuktuk ou onibus até a vila de McLoadGanj) eu pesquisei na internet e achei uma opção de ir direto de ônibus (acredito que é melhor) e outra para ir de trem até Pathankot e depois pegar taxi ou onibus http://www.snow-crest-inn-dharamsala.com/amritsar-to-dharamsala.html

      A volta para Delhi é bem tranquila, porque tem muitos ônibus que vão para lá, sempre.

      Esses trechos do norte nós fizemos todos de ônibus. Não precisa reservar com antecedência, você chega na rodoviária, vê os horários e compra. Mas cuidado para não comprar a opção de “local bus”. São veículos em péssimas condições, não tem nenhuma segurança, muito menos limpeza. Nesses casos, melhor comprar as passagens de agências privadas.

      Uma última dica. Eu realmente não recomendo que você viaje sozinha. Os pontos de ônibus são em lugares escuros e escondidos e as rodoviárias a noite, são território 100% masculino. Não quero fazer terrorismo, mas é realmente perigoso.

      Se tiver qualquer outra dúvida, me avise!
      bjs

  24. OBRIGADA MESMO MENINAS!!!

    ENTAO,NA VERDADE VOU FOCAR MAIS NO RAJASTAO ,CAMINHANDO PARA O SUL,DEPOIS SUBIR FAZER UMAS CIDADES CENTRAIS FINALIZANDO EM VARANASI DE ONDE SAIO PARA O NEPAL….

    O TEMPO EM CADA CIDADE EH DE 2 DIAS NO MAXIMO QDO INTERESSANTE FICAR ESSE TEMPO, E LOCMOÇAO DAS DIVERSAS FORMAS POSSIVEIS QUE POSSIVEL IR NO MOMENTO….

    O NORTE MESMO VOU DEIXAR PRA UM OUTRO MOMENTO …

    MAS LOGO APAREÇO COM MAIS DUVIDAS,POR ENQTO ME AJUDARAM MTO !! MAS SE LEMBRAREM MAIS DE ALGUMA PODE ACRESCENTAR AQUI ,QUE JA INTRODUZO NA PESQUISA!!!
    BRIGADAUM
    BJSS

  25. Ola Pessoal!!!
    vou passar 1 mes e meio na India ,começando por DElhi , indo por Rajastão, descendo para o sul e subindo ate Varanasi da onde saio em direção ao Nepal…..mas eh tanta coisa bacana para se ver que me perco num roteiro….vces poderiam me dar dicas de lugares nessa rota que valem a pena conhecer, para eu ir adicionando ou descartando ….

    absss e sao otimos os posts de vces !!!!

    1. Oi Carol,

      Em breve vamos fazer um post com sugestões de roteiro, mas até lá, tento te responder da melhor forma possível.
      Em primeiro lugar, NÃO deixe de ir ao norte. São alguns dos melhores lugares para se visitar na Índia, definitivamente meus favoritos.

      Eu fiz uma lista de cidades que eu acho que valem muito a pena de serem visitadas. Se você quiser de dicas especificas sobre como chegar nesses lugares, o que fazer ou quanto tempo ficar, só perguntar!

      Espero que te ajude!!

      Coloquei na ordem que você pode seguir no roteiro:

      Delhi
      Agra (bate e volta)
      Rishkesh
      Amirtsar
      Mcload Ganj
      Jaipur
      Jodhpur
      Jaisalmer
      Udaipur
      Ajanta e Ellora
      Mumbai
      Hampi
      Kochi
      Allapuza
      Mamallapuram
      Kajuraho
      Varanasi

    2. Olá, Carol!

      Complementando a resposta da Luíza, têm também Kajuraho, cidade dos templos do Kama Sutra que fica entre Delhi e Varanasi. É um lugar muito legal de ver também. As cidades mais legais da Índia estão na parte norte do país, pelo menos na nossa opinião. Se você quiser ir para o sul, o Kerala é mais interessante que o Tamil Nadu e lá vc pode alugar um barco e passar algumas horas (ou dias) navegando pelas backwaters.
      Reserve pelo menos uma semana para Rajastão e considere conhecer o norte (McLeod Ganj, onde vive o Dalai Lama é nosso lugar preferido e todo mundo que vai ama, e Amritsar, do Golden Temple), embora possa parecer um pouco fora de mão.

      Eu montei um roteirinho baseado nos lugares que vc citou:
      Delhi -> Rishikesh -> Jaipur -> Udaipur -> Jaisalmer -> Mumbai (daqui vc teria que pegar um avião)-> Kerala (Kochi e Allapuza) -> Ajanta e Ellora (ou Hampi)-> Delhi -> Agra -> Kajuraho -> Varanasi

      É claro, tudo depende de como vc vai se locomover e de quanto tempo você pretende passar em cada lugar, se quer uma viagem mais corrida para ver muita coisa ou se prefere ir com mais calma e tbm o que vc tem mais vontade de conhecer.

      Abraços!

  26. Bom dia!
    Pretendo ir para a India no próximo ano. Tenho disponibilidade entre março e junho. Qual é o melhor mês??? Sei que tem uma época de chuvas… Grata

    1. Oi Cecilia! Acho que em março é melhor. Já é quente, mas ainda não é o calor intenso que rola a partir de junho. As chuvas acontecem de junho a setembro, época que convém evitar (se possível). Qualquer dúvida é só perguntar. Abraço!

  27. Obrigada pela resposta Luíza! Vou seguir sua dica e deixar quase tudo para ver por lá mesmo. Mas para isso é melhor pelo menos saber qual é melhor região para hospedagem, ou vocês tem outra técnica? Já imagino como sejam os motoristas de tuk tuk, eles devem ganhar comissão e fazem de tudo para te levar nas lojas e hotéis para arrancar seu dinheiro. Conheço a malandragem asiática, mas nao me enganam não,hahaha. Valeu!!

    1. Ei Liliana, é meio que fundamental saber a região que você quer ficar hospedada e/ou a região que tem mais hotéis. A gente checava no Lonely Planet onde valia mais a pena e pedia para o motorista nos deixar na região. (sem contar para ele, claro, que não tinhamos hotel ainda). Mas não precisa comprar um guia, porque a gente, por exemplo, nunca ficou em hotel indicado pelo guia porque era sempre mais caro.

      1. Gostaria de Saber Se Terei Algum Problema em Visitar Mumbai, Porque Eu Não Sei Falar o Inglês ?

        Tem Algumas Pessoas Em Mumbai Q Falam Português, Ah Tenho Um Amigo Q Mora Em Mumbai e Ele é Indiano Independente De Nos Falarmos a Gente Só Conversa Pelo Google Tradutor, Teria Algum Problema Em Me Comunicar na Minha Língua ?

        1. Oi Maisa,

          Você pode encontrar brasileiros na Índia que falam português, mas em geral, no dia a dia, as pessoas só falam inglês ou hindi, então você vai ter que se comunicar por mímica.

  28. Adorei esse post! Já respondeu 2 dúvidas minhas. Tinha calculado gastar uma média de 40 libras por dia para o casal mas como sou meio mão de vaca e 0 fresca acho que essa é uma estimativa que pode até diminuir ao longo da viagem. Mas ainda tenho algumas perguntas. Reservei hospedagem em alguns lugares pela internet. Nenhum foi pago ainda, e todos posso cancelar sem prejuízo, mas fiquei pensando se realmente vale a pena no ponto de vista financeiro. Meu tempo não será exatamente abundante na Índia, então achei que poderia ganhar tempo reservando. Mas certamente muitas e muitas guest houses não sonham em ter website, então queria uma opinião, será que vale a pena mesmo reservar antes ou mesmo com tempo contado dá para deixar fazer isso lá. Vou estar em Varanasi em pleno Diwali, então pelo menos lá e em Agra(onde passo só 1 noite) acho prudente reservar. Será que estou exagerando? Fora em Jaipur, onde quero dar um descanso na pobreza e ficar num hotelzinho melhor, os preços dos que reservei estão em torno de 10 libras( + ou – 30 reais) pelo quarto duplo por noite.E as casas barco em Alleppey, precisam ser reservadas antes? Não vi muita opção online mas também só devo passar uma noite no barco. Desculpe pela enxurrada de perguntas, mas já que o espaço está aberto vou abusar,rs!

    1. Oi Liliana, nenhum abuso, pode perguntar mesmo!

      Nós nunca reservamos nenhum hotel na Índia porque a maioria deles não está na internet e porque é mais barato procurar por lá. Com a exceção de Goa – que era alta temporada no Reveillon – nunca tivemos problema para achar hotel ou guest house. E não é difícil procurar, principalmente se você estiver numa cidade turística. O que eu recomendo é: se você estiver insegura, reserve só para a primeira ou segunda noite e nesse tempo procure outro lugar (que com certeza vai ser mais barato). Ah, outra coisa, grande é a chance do hotel maravilhoso do site ser uma furada indiana enorme. Mas se você estiver sem tempo e disposta a pagar um pouco mais caro, reserve na internet mesmo.

      As casas barco em Alleppey você resolve por lá mesmo, vai na beira do rio e vai ter dezenas de indianos te oferecendo. Ah, nunca conte para o motorista de taxi ou tuktuk que você está procurando hospedagem. Eles vão te levar em algum hotel que eles tem acordo e você vai pagar mais caro por conta da comissão que eles recebem. E por fim, barganhe, mesmo em hotel isso é comum por lá.

      Boa viagem e espero que eu tenha respondido suas dúvidas

2018. 360meridianos. Todos os direitos reservados. UX/UI design por Amí Comunicação & Design e desenvolvimento por Douglas Mofet.